Sensibilidade mamária: causas e tratamento

24 de fevereiro de 2018
A sensibilidade mamária é um problema muito frequente pelo qual muitas mulheres passam em algum momento da vida. Contaremos a você neste artigo quais fatores podem causar esse problema e quais tratamentos existem.

A sensibilidade mamária, também conhecida como mastalgia, ocorre nos tecidos mamários e pode produzir muita dor ou sensação de incômodo. Além disso, provoca desconforto na mulher, especialmente quando ela realiza movimentos, assim como sensação de peso ou aumento dos seios.

Algumas mulheres quando sentem essa dor em uma ou ambas as mamas sentem medo e pensam que pode se tratar de câncer de mama. No entanto, isso não é um sintoma de câncer. Essa sensibilidade pode ocorrer por várias causas.

Causas de sensibilidade nos seios

A sensibilidade mamária em alguns casos é normal. A dor e os incômodos podem ocorrer por várias mudanças hormonais, como:

A puberdade

Essa sensibilidade pode aparecer nas meninas, já que o novo tecido mamário e os hormônios oscilantes estão se desenvolvendo. Essa dor pode ser esporádica ou contínua, e costuma desaparecer quando o tecido mamário para de crescer e os hormônios se estabilizam.

O ciclo menstrual

Durante a menstruação, é provável que a sensibilidade nos seios esteja presente, em vista de que nesse momento o corpo produz mais estrogênio, que atinge seu nível máximo antes da metade do ciclo.

sensibilidade mamária

A gravidez

Nessa fase, a mulher pode sentir muita sensibilidade, especialmente se for uma grávida muito jovem ou se for sua primeira gravidez.

Isso é bastante normal, já que os seios aumentam de tamanho. Além disso, é comum notar veias azuis, o que indica aumento do fluxo sanguíneo.

O aleitamento

Essa sensibilidade ou dor também pode aparecer quando a mulher dá à luz. Essa dor pode aparecer tanto se a mulher amamenta o bebê quanto se não o faz. Neste último caso porque os seios ficam cheios de leite. Caso a dor não passe, pode ser um sintoma de mastite.

Mastite

É comum na mulher que amamenta e ocorre quando a secreção de leite não flui de maneira adequada e vai se acumulando. Isso pode ocorrer devido a uma infecção causada por vírus ou fungo. Por outro lado, o seio fica vermelho, dói muito e a mulher pode ficar com febre.

Os medicamentos

Em algumas mulheres pode ser consequência de algum efeito secundário normal de um medicamento que esteja tomando, como, por exemplo, as pílulas anticoncepcionais e as de reposição hormonal, pois alteram a quantidade de progesterona e estrogênio no corpo.

Cistos mamários

Os cistos são pequenas bolsas que se formam no interior das mamas e ficam cheias de líquido. Costumam aparecer quando as glândulas mamárias aumentam de tamanho.

Na maioria dos casos costumam ser benignos e requerem mamografias ou ecografias para serem detectados. No entanto, quando são muito grandes, é possível apalpar.

Abcessos nos seios

Isso se deve à acumulação de pus no tecido mamário e pode provocar dor e sensibilidade mamária. A mulher pode sentir caroços moles causados principalmente por bactérias que entram através de rachaduras nos mamilos.

Caso você sinta isso, é bom consultar o médico para realizar os exames adequados.

sensibilidade mamária

O sutiã

Muitas mulheres não pensam que a sensibilidade mamária pode ser causada também pelo sutiã, pois a maioria acaba comprando o tamanho incorreto para seus seios. Por isso, é importante antes de comprar saber qual é o seu tamanho correto para evitar dores nas costas e sensibilidade.

Tratamento para a sensibilidade mamária

Existem vários tratamentos para aliviar a dor nas mamas. Entre eles estão os que propomos a seguir:

  • Aplicar compressas frias nos seios. Isso pode ajudar a reduzir o inchaço e a dor.
  • Terapias de calor nos seios. O calor não vai apenas relaxar, mas também aliviar a dor.
  • Limite ou evite a cafeína. Essa substância também pode ser a causa da sensibilidade.
  • Tome vitamina E, B6, B1 e iodo. Estes suplementos nutricionais podem ajudar você combater a sensibilidade mamária e aliviar qualquer dor.
  • Em caso de dores fortes, você pode tomar analgésicos, como aspirina, ibuprofeno ou paracetamol.
  • Evite sutiãs que apertem os seios. Se você usar sutiãs que sustentem adequadamente os seios, será possível aliviar a dor.

Enfim, a sensibilidade mamária é muito comum nas mulheres e pode ser provocada por muitas causas. No entanto, você pode testar vários tratamentos para ver qual é o melhor para você e alivia sua dor.

Caso a sua sensibilidade não melhore e a dor comece a afetar sua vida diária, procure um especialista para que ele realize os exames necessários e mostre o que fazer para aliviar sua dor.