Ser mãe é carregar o filho no coração por toda a vida

Ser mãe é, sem dúvida, muito mais que simplesmente carregar na barriga um bebê durante nove meses.

Ser mãe é nada mais nada menos que carregar seu filho no seu coração por toda a vida. O que implica a maternidade? Aqui vai uma reflexão em homenagem a todas as mães que deram a vida e tudo mais aos seus pequenos.

O que significa ser mãe?

Ser mãe vai mais além da troca de fraldas ou de enfrentar a batalha de centenas de aviõezinhos de purê. Essas pequenas batalhas diárias são somente a preparação para a vida. As mães vão fazer o possível e o impossível pelo bem-estar do pequeno raio de luz que trouxe ao mundo. Um raio de luz que envolveu muitas ilusões.

Ser mãe pressupõe uma grande mudança de vida, de tempo e de prioridades. A maternidade implica dar tudo, inclusive seu próprio coração, entregando cotidianamente toda sua energia para ver seus filhos saudáveis e felizes, ensinando-os a viver e proporcionando ferramentas para que eles cheguem longe na vida. Tudo sem esperar receber nada em troca.

Por isso, desde que você se tornou mãe, não encontrou somente uma razão pela qual viver pelo resto da sua vida, encontrou também o desesperado desejo de exteriorizar cada momento. Pois, com o passar do tempo, surgem estes sentimentos antes do crescimento da criança: felicidade e orgulho ou nostalgia e melancolia?

no coração

Ser mãe: o que há de mais importante

Um sonho, um desejo, a ilusão de um empreendimento em vias de desenvolvimento, uma esperança em relação a uma realidade recente com projeção ao futuro. Ser mãe implica mudar a maneira de pensar e sentir. Então, nós nos submetemos a uma profunda revisão das nossas certezas e começamos uma revolução interna.

Ser mãe consiste em descobrir o verdadeiro significado da palavra amor. Um amor puro e incondicional por aqueles comoventes pequenos seres, nos quais despertamos profunda admiração. Transformar-se em mãe é, portanto, entender nossas próprias mães e valorizar o sacrifício e o esforço delas por tantos anos.

A maternidade também é ver nosso reflexo nas crianças. Como quando nos olhamos em um espelho que exibe uma imagem do melhor de cada uma de nós. Por esse motivo, ser mãe é uma oportunidade para viver de novo, para sentir o que nunca sentimos e conseguir aquilo que antes parecia impossível.

Chegar à maternidade é um fato que requer responsabilidade, dedicação, paciência e orgulho por cada conquista diária. Dessa forma, transformar-se em uma mãe é uma escolha, uma aposta ou uma epopeia para chegar à felicidade e à plenitude somente com a alegria do nosso pequeno.

no coração

Um coração sem limites, um amor sem fronteiras

Ser mãe é ter a capacidade de amar sem limites. É permitir que seu coração ultrapasse as fronteiras corporais para se estabelecer onde quer que seu filho esteja. Um coração dividido ou fora do próprio corpo.

Ser mãe é não se preocupar por aquilo que acreditamos não saber porque se trata de um conhecimento instintivo, escondido nas profundezas da nossa alma. Você vai aprender sobre o caminho e sobre o que é necessário para ser a melhor mãe. Também vai aprender a dar forma a um amor que nunca havia experimentado antes.

Ser mãe é empreender uma aventura única que, certamente, vale a pena ser vivida. É estabelecer desde o primeiro dia de vida do seu filho uma série de pactos e acordos, além de métodos de carinho, proteção, cumplicidade e, inclusive, perdão.

Você vai construir em nome da maternidade e do coração, aumentando ao máximo os laços afetivos que simplesmente acalentam, protegem e cuidam, mas que nunca obrigam, ferem, recriminam nem julgam. Pois o amor que a maternidade traz consigo se caracteriza pela aceitação dos nossos filhos como eles são.

Ser mãe é fornecer ferramentas para que seu filho seja uma boa pessoa, com ideais, livre e feliz. Certamente, isso requer o acompanhamento dos passos e não a substituição da caminhada. É preciso oferecer uma série de valores e se transformar em um exemplo.

Ser mãe é o ato mais maravilhosos que a vida oferece às mulheres. Se você teve a sorte e a bênção de viver a maternidade, não desperdice essa oportunidade. Invista seu tempo nisso. Não só valerá a pena, como seu filho e a vida vão devolver com juros todo o esforço, o sacrifício e a dedicação que você empregou.

Recomendados para você