A técnica positiva das três advertências

13 Novembro, 2020
Para educar as crianças, é importante aplicar técnicas positivas que respeitem sua autoestima e não as prejudiquem, como a técnica das três advertências.

Ao educar as crianças, é muito importante aplicar a disciplina positiva para não prejudicar sua autoestima e segurança. Vamos ver aqui a técnica das três advertências para corrigir os pequenos quando eles não nos ouvirem.

É essencial não usar comportamentos e tratamentos negativos em relação às crianças, pois isso afeta negativamente as suas atitudes e comportamentos. Essa técnica permite chamar a atenção das crianças de forma positiva e, além disso, também é bastante eficaz. Você quer saber em que consiste?

A técnica das três advertências

Certamente, quando o seu filho te ignora, você precisa dizer a ele para executar uma determinada ação um milhão de vezes e, mesmo assim, ele ainda continua sem obedecer. Isso faz com que você, na maioria das vezes, acabe se irritando, perdendo a paciência e gritando com ele. Mas isso é exatamente o que você não deve permitir que aconteça.

A técnica positiva das três advertências

Os gritos e a grosseria acabam prejudicando a criança e a sua autoestima. Além disso, nós, como pais, acabamos nos sentindo mal por termos gritado ou falado de forma grosseira. Por isso, não devemos chegar a esse ponto para evitar prejudicar o desenvolvimento emocional dos pequenos.

Assim, essa técnica das três advertências se torna eficaz e as crianças acabam se acostumando a esses três lembretes, após os quais haverá consequências (perda de reforços ou privilégios, sem punições) se elas não tiverem feito o que está sendo solicitado.

Embora gritar tenha resultados de curto prazo, no longo prazo tem mais consequências negativas e, portanto, não é algo apropriado. Com a técnica discutida aqui, embora os resultados demorem mais para serem obtidos, estaremos prevenindo muitos problemas futuros.

Como usar essa técnica?

É importante ter em mente que, quando utilizamos a técnica das três advertências, ela deve ser aplicada gradativamente e com muito controle do tom de voz nos três lembretes. Esse aspecto é muito importante.

Primeira advertência

Nessa primeira advertência, devemos usar um tom calmo e tranquilo. Podemos até mesmo pedir para a criança executar uma determinada ação de uma maneira amorosa. “Por favor, você pode recolher os seus brinquedos?”

Segunda advertência

Se, ao darmos a primeira advertência, a criança nos ignorar, teremos que passar para a segunda advertência. Aqui, o tom de voz tem que ser mais sério, para que a criança perceba que não estamos brincando e que ela deve fazer o que estamos pedindo.

Terceira advertência

Se nem a primeira nem a segunda frase tiverem surtido efeito, teremos que aplicar a terceira advertência. Agora, usaremos um tom de voz mais firme e, mostrando total confiança, devemos pedir novamente para a criança fazer o que estamos dizendo e explicar quais serão as consequências se ela não obedecer.

Sempre devemos usar a perda de privilégios, nunca recorrer a punições. Se a criança nos ouvir, devemos dar algo que ela deseja e que não seja material, como, por exemplo, assistir um filme juntos, brincar juntos, fazer o jantar favorito dela, etc.

Se, apesar disso, ela não cumprir o que estamos pedindo, devemos indicar em um tom de voz totalmente sério que não é correto que ela nos desobedeça e, além disso, que ela deve fazer o que estamos pedindo, mesmo que precise ser uma ordem.

A técnica positiva das três advertências

O que deve ser levado em consideração ao aplicar essa técnica positiva?

  • Não devemos nos exceder e pedir que a criança execute várias ações ao mesmo tempo porque ela pode ficar confusa e não prestar atenção em nós. Portanto, devemos indicar, no máximo, duas tarefas.
  • Temos que apontar as consequências da desobediência. Assim, conforme formos aplicando essa técnica, a criança vai perceber aos poucos a importância de executar a ação na primeira ou na segunda advertência.
  • Devemos ter cuidado com as palavras usadas. Nunca devemos usar qualquer expressão que magoe ou ofenda. Quando ela fizer o que for pedido, agradeça afetuosamente por ter te dado ouvidos.
  • Quando pedirmos para ela fazer uma determinada atividade, devemos explicar por que deve ser feita.

Sobre a técnica das três advertências

Essa técnica das três advertências pode ser muito eficaz se for aplicada corretamente. Sempre devemos ter em mente que, se estivermos com raiva ou chateadas, é melhor esperarmos alguns minutos para que possamos nos acalmar antes de aplicá-la, pois, caso contrário, podemos acabar dizendo algo inadequado.