A técnica do relógio na criação dos filhos

Usar a técnica do relógio permite que as crianças deem seus primeiros passos na gestão do tempo e aprendam a terminar as tarefas que começaram. Você já conhece essa técnica?
A técnica do relógio na criação dos filhos

Última atualização: 31 Julho, 2021

Ensinar nossos filhos a administrar o tempo para atingir uma determinada meta pode ser um tanto difícil. Isso vai depender, entre outras coisas, do momento ou da proposta que escolhermos.

Mesmo assim, é importante não abandonar os esforços, pois por meio desse aprendizado promoveremos a criação de hábitos saudáveis que serão mantidos ao longo de suas vidas.

Gritar ou fazer ameaças nunca deve ser uma opção. Para isso, existem diferentes estratégias que podem ser colocadas em prática, como a técnica do relógio que explicaremos a seguir.

Em que consiste a técnica do relógio?

É um recurso de criação que visa incentivar os filhos a realizar uma tarefa, podendo concentrar-se nela sem interrupções. Também é útil quando precisamos orientá-los para modificar um determinado comportamento que consideramos impróprio.

Em primeiro lugar, é importante explicar aos nossos filhos em que consiste a técnica e com qual objetivo ela será implementada. Temos que fazer isso com uma linguagem simples e amigável, para que eles entendam do que se trata e se sintam interessados em fazer parte do processo.

A instrução será que em X quantidade de tempo, eles devem cumprir uma determinada atividade. Por exemplo, arrumar o quarto em 30 minutos ou fazer o dever de casa em uma hora.

Dependendo da tarefa e da idade da criança, é conveniente subdividir a tarefa em várias partes menores. Dessa forma, podemos dar orientações ao longo do caminho para que o pequeno entenda como fazer e o que esperamos dele.

Quanto mais claros forem nossas instruções, melhor será o resultado. Por exemplo, quando pedimos para arrumar o quarto, estamos nos referindo a várias tarefas em conjunto: colocar a roupa suja no cesto, arrumar os brinquedos nas gavetas, organizar os livros nas prateleiras, entre outras.

Ao subdividir as tarefas, permitimos que as crianças tomem consciência do que esperamos que elas façam. E, por sua vez, elas começam a identificar que as tarefas mais difíceis levam mais tempo do que as mais simples.

Essa técnica é recomendada até os 8 anos de idade, embora ao longo da vida continuemos utilizando recursos para o gerenciamento do tempo, como a técnica pomodoro.

Constância e concentração são difíceis de alcançar em um mundo que nos estimula constantemente. Por esse motivo, é importante incutir essas habilidades e hábitos desde cedo.

 

Algumas dicas para aplicar a técnica do relógio na criação dos filhos

Como qualquer método, é necessário levar em consideração alguns pontos para sua aplicação. Dentre eles, destacamos os seguintes:

Pensar em atividades ou tarefas simples, com metas alcançáveis

Se não prestarmos atenção nisso, podemos alimentar o sentimento de frustração. Conforme a criança atinge seus objetivos, as atividades podem se tornar mais complexas e o tempo combinado pode ser reduzido. O segredo é avançar gradualmente.

Promover a percepção do tempo como algo positivo e não como pressão

Caso contrário, a técnica pode gerar rejeição. Embora seja necessário se orientar pelo tempo, também será importante observar a criança e seu desempenho, para poder conhecer o ritmo dela e regular as nossas propostas.

Evitar interrompê-los enquanto realizam a tarefa

Tenha cuidado! Muitas vezes somos nós mesmos, os adultos, que, após dar algumas instruções aos nossos filhos, pedimos que eles parem para fazer outra coisa ou ajudar em alguma tarefa da casa.

Aprender a desenvolver a paciência

É importante que os pais controlem a ansiedade e respeitem o ritmo dos filhos. É importante regular a ajuda que damos, pois também é preciso desafiar as crianças a encontrar por si mesmas uma solução.

No entanto, também devemos nos manter atentos para oferecer ajuda, se necessário, antes que eles fiquem frustrados ou com raiva.

Usar elementos de motivação

Dependendo da idade, será aconselhável implementar elementos motivacionais, como controlar o tempo através de uma ampulheta ou um alarme engraçado.

Ao observar a areia cair ou ouvir um som agradável quando o prazo termina, podemos despertar emoções positivas durante a tarefa.

Reforços positivos

Em relação ao ponto anterior, é importante também estimular a criança a cumprir suas atribuições, destacando suas qualidades e dando ênfase ao que ela é capaz de realizar.

No final da atividade, é positivo criar um espaço de feedback, onde permitimos que elas expressem como se sentiram e quais foram as dificuldades que tiveram.

Quais são os benefícios de usar a técnica do relógio com as crianças?

Além de promover o comprometimento com o que se faz e estimular a concentração, a técnica do relógio traz outros benefícios mencionados a seguir:

  • As bases da aprendizagem de gestão do tempo são estabelecidas. As crianças aprendem quanto tempo levam para completar uma determinada tarefa e que o tempo é um recurso limitado.
  • Elas começam a se organizar e são capazes de manter a disciplina em suas tarefas.
  • Elas criam hábitos de constância na atividade.
  • Reforçam sua autoestima quando atingem uma meta, pois descobrem que são capazes de realizar várias coisas sozinhas.

 

Criança aplicando a técnica do relógio.

Em síntese

O objetivo do uso de técnicas na criação é ajudar as crianças a desenvolver habilidades concretas. Por isso, é importante entender qual é o propósito do método que escolhemos e como ele funciona.

O segredo dessa técnica é se adaptar à criança, respeitando seus tempos, suas necessidades e suas dificuldades. Se não dermos atenção a esse ponto, estaremos produzindo uma situação estressante com um efeito contraproducente.

Por fim, é importante escolher a hora certa para aplicar essa técnica, evitando momentos em que as crianças estão cansadas ou quando nós estamos ocupados com outra coisa e não podemos prestar atenção suficiente a elas.

Pode interessar a você...
Como motivar crianças com dificuldades de aprendizagem?
Sou MamãeLeia em Sou Mamãe
Como motivar crianças com dificuldades de aprendizagem?

Cada vez mais crianças em todo o mundo enfrentam dificuldades de aprendizagem. Mas motivá-las a passar em certas matérias não é impossível.



  • Gottfried A E. Academic intrinsic motivation in elementary and junior high school students. Journal of Educational Psychology, 77, 631-645. (1985)
  • Monsalve Robayo A, Mora Caro L, Ramírez López L, et al. Estrategias de intervención dirigidas a niños con trastorno negativista desafiante, una revisión de la literatura. Revista Ciencias de la Salud, 15(1), 105-127. (2917). Disponible en: https://doi.org/10.12804/revistas.urosario.edu.co/revsalud/a.5384