A técnica pomodoro para otimizar o tempo de estudo

05 Março, 2020
A técnica pomodoro é recomendável para conseguir ser mais produtivo, otimizando o tempo de estudo.

Muitas crianças e jovens passam horas estudando. Mas, por outro lado, a maioria deles reconhece que durante esse tempo costumam se distrair, ficando incapazes de serem produtivos. Assim, a técnica pomodoro, que apresentamos neste artigo, é perfeita para encarar esse problema tão comum entre os estudantes.

Essa técnica, criada na década de 1980, se baseia na ideia de que se aprende mais rápido quando se é capaz de controlar e manter a concentração durante um breve período de tempo, realizando pequenos descansos de forma frequente.

“Se o tempo é a mais preciosa dentre todas as coisas, a perda de tempo seria o maior dos desperdícios”.

-Benjamin Franklin-

A técnica pomodoro para otimizar o tempo de estudo

O italiano Francesco Cirillo era um universitário com dificuldades para se concentrar durante os estudos e, assim, apresentava um baixo rendimento acadêmico. Para solucionar esse problema, ele inventou a técnica pomodoro, conseguindo, dessa forma, otimizar o seu tempo de estudo.

A técnica pomodoro

Essa técnica consiste em dedicar 25 minutos para a realização de uma determinada tarefa, como estudar, por exemplo, mantendo um nível máximo de concentração.

Então, transcorrido o tempo de produtividade, é realizada uma pausa de 5 minutos. Uma vez finalizado o descanso, deve-se retomar a tarefa e dedicar outros 25 minutos a ela. Isso se repete de forma cíclica até completar duas horas de trabalho ou de estudo.

Por fim, para medir esses tempos, deve-se utilizar um relógio com alarme. O criador desse método utilizava um relógio de cozinha com forma de tomate (pomodoro, em italiano), o que explica o nome da técnica. De fato, cada um dos 25 minutos que são cronometrados correspondem a um pomodoro.

“A produtividade nunca é um acidente. Sempre é o resultado de um compromisso com a excelência, um planejamento inteligente e um esforço centrado”.

-Paul J. Meyer-

Passos para aplicar a técnica pomodoro

Você deve seguir seis passos muito simples para aplicar corretamente a técnica pomodoro:

  1. Decidir a tarefa a ser realizada: estudar para uma disciplina, fazer tarefas, realizar um trabalho etc.
  2. Ativar o timer: cronometrar 25 minutos com um relógio, ou seja, um pomodoro.
  3. Trabalhar na tarefa: concentrar-se na realização da tarefa até que acabem os 25 minutos e o relógio apite, evitando, durante esse tempo, todas as possíveis distrações e interrupções.
  4. Descansar: fazer uma pausa breve de, aproximadamente, 5 minutos. Além disso, deve-se aproveitar esse intervalo para tentar relaxar e desconectar completamente da tarefa em questão.
  5. Começar outro pomodoro: voltar a cronometrar 25 minutos. Durante esse tempo, deve-se trabalhar na tarefa de forma intensiva e, depois, descansar por 5 minutos.
  6. Realizar um intervalo longo: fazer um descanso de 15-30 minutos quando forem completados quatro pomodoros. Isso é o equivalente a duas horas de trabalho.

Certamente, esses tempos podem ser adaptados em função do nível educativo, das necessidades e da etapa evolutiva na qual a criança se encontra.

A técnica pomodoro

Benefícios de utilizar essa técnica para otimizar o tempo de estudo

Como você pôde comprovar, a técnica pomodoro é muito fácil de se colocar em prática. E, além disso, garantimos que ela é muito útil, tanto para crianças quanto para jovens e adultos.

Os benefícios que essa técnica oferece são múltiplos. Por um lado, realizando pausas breves e frequentes durante o estudo, você consegue:

  • Melhorar a concentração e a agilidade mental.
  • Aumentar a produtividade.
  • Aumentar a motivação.
  • Reduzir o estresse e a ansiedade.
  • Reduzir a tensão e a fadiga.
  • Controlar a frustração.

Por outro lado, pode-se dizer que dividir o tempo em blocos permite otimizá-lo e administrá-lo melhor. Assim, agora que você conhece essa técnica, é hora de ensiná-la para os seus filhos ou alunos, para que eles possam utilizá-la e serem excelentes estudantes!

  • Cirillo, F. (2006). The pomodoro technique (the pomodoro). Agile Processes in Software Engineering and54(2).