Quais tipos de marcas de nascença existem?

Essas são as marcas de nascença mais comuns que seu bebê pode ter. Em muitos casos, elas desaparecem por conta próprias, mas alguns podem precisar de remoção cirúrgica.
Quais tipos de marcas de nascença existem?

Última atualização: 17 Abril, 2021

Você já deve ter notado que seu bebê tem algumas manchas na pele. Talvez você não saiba muito bem se deve se preocupar ou não. Na maioria dos casos, são diferentes tipos de marcas de nascença e em geral não há motivo para preocupação, embora seja sempre aconselhável observá-las e consultar o pediatra, pois em alguns casos podem estar associadas a diferentes doenças.

Algumas dessas marcas de nascença são herdadas, enquanto outras simplesmente se formam devido a anormalidades nos vasos sanguíneos ou na pigmentação. Embora não possamos fazer nada para evitá-las, podemos classificá-las de acordo com a causa de sua formação.

Tipos de marcas de nascença

Manchas café com leite na pele.

Marcas de nascença vasculares

São aqueles que se formam devido à má formação dos vasos sanguíneos, são de cor vermelha e existem 3 tipos diferentes:

  1. Máculas: são de cor vermelha e geralmente aparecem nas pálpebras, no nariz, no lábio, no pescoço ou na cabeça, e se tornam mais evidentes quando o bebê faz algum esforço. Como regra geral, desaparecem por volta dos 2 anos de idade.
  2. Hemangiomas: são da cor do morango e podem ser manchas superficiais ou profundas e às vezes até azuladas, pois afetam os vasos sanguíneos. Eles crescem muito rápido nos primeiros meses, mas começam a encolher e até desaparecer aos 9 anos de idade. Eventualmente, podem deixar uma cicatriz e aparecer em qualquer parte do corpo.
  3. Vinho do porto: essas manchas recebem esse nome porque sua cor é mais escura, como a do vinho tinto. Embora possam aparecer em qualquer parte do corpo, muitas vezes as vemos no rosto, no pescoço, nos braços ou nas pernas. Elas tendem a engrossar e, a menos que as submetamos a algum tratamento, não desaparecem por conta própria. Devemos ter cuidado quando estão localizadas perto dos olhos, pois pode prejudicar a visão.

Marcas de nascença pigmentadas

Quando as células que dão pigmento à pele crescem excessivamente, elas dão origem a esse tipo de manchas. Podemos encontrá-las em três formas diferentes:

  1. Manchas mongólicas: geralmente são de cor azulada e são encontradas nos glúteos ou na parte inferior das costas. Elas são comuns em pessoas de ascendência africana, hispânica ou asiática e desaparecem por volta dos 3 anos de idade, no máximo.
  2. Pintas ou nevos: quase todos nós temos pintas, mas quando nascemos com elas, se diz que são congênitas. Elas podem ser grandes, pequenas, volumosas ou achatadas e até ter pelos. Têm maior probabilidade de desenvolver melanoma (câncer de pele), por isso é aconselhável fazer um check-up regular. São marrons ou pretas.
  3. Manchas de cor café com leite: como o nome indica, são de cor marrom-claro e podem ser encontradas em qualquer parte do corpo. Elas tendem a se multiplicar e ir crescendo junto com a criança também. Não representam nenhum problema, embora também seja aconselhável observar se aumentam, pois podem estar relacionadas a uma doença genética chamada neurofibromatose.
Pintas: um dos tipos de marcas de nascença.

Marcas de nascença: devo ir ao médico?

Como dissemos antes, é aconselhável observar as manchas de nascença, mas, além disso, sempre que houver sangue, se doer, coçar ou infeccionar, é necessário ir ao médico, limpar bem a área com água e sabão e cobrir com gaze.

Lembre-se de que, embora geralmente seja normal, sempre que uma pinta mudar de forma, cor ou textura, é aconselhável procurar um especialista para avaliá-la e descartar qualquer tipo de câncer de pele.

Para algumas dessas marcas de nascença, o melhor tratamento é o laser, outras desaparecem por conta própria. Manchas grandes geralmente são removidas com cirurgia.

Para manchas vinho do porto, é usado um tratamento a laser de corante pulsado. O tratamento deve ser seguido por um tempo, pois as manchas costumam reaparecer, mas se for iniciado em idade precoce, a pigmentação diminui consideravelmente.

Pode interessar a você...
Tipos de pintas: como identificá-las
Sou MamãeLeia em Sou Mamãe
Tipos de pintas: como identificá-las

Como sua forma e cor geralmente variam, é importante que possamos diferenciar os tipos de pintas; porque nem todas são benignas.