5 alimentos que favorecem a concentração nas crianças

· 29 de julho de 2018
Na fase escolar, as crianças precisam estar com a concentração no nível máximo. Portanto, a responsabilidade dos pais é favorecer esse processo da melhor maneira possível.

Alguns exercícios e atividades são úteis para esse propósito. Mas também podemos ajudar na concentração por meio da alimentação.

Os especialistas identificaram alguns alimentos que são de grande ajuda aos processos envolvidos na concentração.  Por exemplo, esses alimentos estimulam o cérebro em situações de estresse ou pressão durante os estudos. Em particular, uma alimentação suficientemente equilibrada é recomendada para favorecer a concentração das crianças. Inclusive em momentos mais complexos.

Por que alguns alimentos favorecem a concentração?

Algumas características nutricionais são o motivo pelo qual alguns alimentos são mais eficientes para favorecer a concentração. Trata-se de um conjunto de nutrientes que, presentes no mesmo alimento, ajudam o cérebro a ficar mais concentrado. No entanto, para que isso aconteça, é preciso prestar atenção à digestão e à absorção desses alimentos. Além disso, o consumo nunca deve ser exagerado.

Um fator que indica a efetividade de determinado alimento, neste caso, é o quanto de energia esse alimento fornece. Pois, muitas vezes a falta de concentração está associada ao cansaço. A hidratação ideal também é bastante indicada. Às vezes, esse é um fator do qual nos esquecemos. Mas é muito importante na melhoria do desempenho das crianças.

concentração nas crianças

Em geral, os alimentos que são recomendados por favorecer a atenção durante a infância estão relacionados a nutrientes como ácidos graxos, proteínas, fibras, minerais e vitaminas. No entanto, é aconselhável que buscar um equilíbrio para não cometer excessos ou causar deficiências nutricionais.

Da mesma forma, alguns alimentos que estimulam a concentração, como o cacau, por exemplo, quando em excesso podem provocar uma estimulação exagerada na criança. Assim, recomenda-se prudência quanto ao consumo de alimentos que, apesar de favorecerem a obtenção de energia, não são totalmente recomendáveis ao consumo por parte das crianças.

5 alimentos efetivos para a concentração

Sabemos que durante a infância a alimentação é muito importante. Dela depende o desenvolvimento correto dos processos físicos e cognitivos dos pequenos. O crescimento, assim como outras atividades da fase escolar, podem fazer com que a criança necessite de um aporte nutricional maior.

A alimentação na infância é determinante para garantir o crescimento e o desenvolvimento adequados, tanto das características físicas quanto dos aspectos menos evidentes, como o amadurecimento do sistema nervoso central. Esse aspecto tem importante repercussão na saúde e nas capacidades físicas e cognitivas em longo prazo.
– Stefanie Chalmers Universidade do Pacífico –

Nesse sentido, o desempenho escolar vai depender em grande medida do nível de energia da criança durante as aulas. Além disso, o organismo dela vai precisar de nutrientes que a ajudem a se concentrar melhor. Uma criança bem alimentada tem mais possibilidades de apresentar maior rendimento nas atividades acadêmicas e no desempenho intelectual.

concentração nas crianças

Portanto, a seguir falaremos com detalhes sobre os cinco alimentos que podemos oferecer às crianças a fim de favorecer a concentração.

1. Massas, arroz e cereais integrais

São responsáveis pelo fornecimento de carboidratos, os quais serão transformados em glicose e outros aminoácidos. Esses alimentos também proporcionam vitamina B6, que estimula o sistema nervoso a liberar serotonina. A serotonina é uma substância que contribui para a diminuição do estresse.

2. Laticínios

Tanto o leite quanto seus derivados são indispensáveis. Eles fornecem cálcio, uma substância importante para as crianças. O cálcio ajuda na liberação de serotonina, útil ao sistema nervoso. Além disso, ajuda a diminuir a pressão arterial, frequentemente alta em casos de estresse.

3. Frutas

O benefício das frutas frescas está no fornecimento de açúcares simples, os quais são nutrientes vitais ao cérebro. Também são recomendáveis as frutas secas porque contêm ácidos graxos, necessários à produção de triptófano, aminoácidos que funcionam como combustível para o cérebro. O cacau consumido de maneira moderada também é recomendado para ajudar na concentração.

4. Legumes, verduras de folha verde e carne vermelha

Esses alimentos são recomendados devido às quantidades de ferro e de zinco que contêm, os quais são essenciais para combater a falta de atenção. Uma recomendação para melhorar a absorção de ferro é combiná-lo com o consumo de alimentos ricos em vitamina C.

5. Peixe

É uma das principais fontes de ômega 3 e ômega 6. Além disso, contém uma importante proteína e fósforo, uma substância que favorece as conexões entre os neurônios. O fósforo também pode ser encontrado no ovo, alimento aliado do sistema cerebral.