As causas e a identificação da desnutrição infantil

20 de dezembro de 2017

Aprenda a identificar e combater a tempo a desnutrição infantil.

Hoje em dia, continua sendo importante lutar contra a desnutrição infantil. Trata-se de um mal da sociedade que tira a vida de milhares de crianças ao redor do mundo. Especialmente em países com poucos recursos, mas também em lares que passam por dificuldades econômicas.

No entanto, existem muitos mitos sobre a desnutrição infantil derivados da falta de informação da maioria das pessoas. A verdade é que a nutrição é uma das áreas da saúde que mais distorções apresenta por parte da população em geral.

Distorções comuns em relação à desnutrição infantil

A desnutrição infantil é considerada por muitas pessoas uma condição percebida principalmente pela magreza corporal da criança. A verdade é que a magreza corporal de uma criança não determina se ela está desnutrida ou não e, na verdade, essa condição pode também afetar crianças com sobrepeso. Podemos deduzir, portanto, que, apesar de existir uma correlação entre a magreza e a desnutrição, na maioria dos casos essas condições não são mutuamente excludentes.

desnutrição infantil

Quando a massa muscular e o peso não coincidem com as medidas adequadas, em relação a fatores como a estatura e o índice de massa adequado para tal estatura, isso pode indicar que estamos diante de um caso de desnutrição.

O que realmente é a desnutrição infantil?

A desnutrição infantil é uma patologia derivada de um consumo de alimentos insuficiente para o corpo humano. Esse é um problema comum em muitos países e em regiões de pobreza extrema, nas quais não há capacidade aquisitiva suficiente para satisfazer as necessidades alimentares dos seus integrantes.

A perda de peso não é o único sintoma da desnutrição e, ao mesmo tempo, não é determinante para o diagnóstico da desnutrição infantil. Mas representa um alerta que deve ser levado em consideração na hora de cuidar da saúde das crianças.

Como patologia, a desnutrição infantil se origina como resposta à falta dos nutrientes essenciais para o funcionamento ideal dos processos vitais do organismo. Nesse sentido, dietas amplas em quantidades de refeições, mas, por exemplo, refeições hipoproteicas, podem conseguir manter um peso corporal dentro do intervalo ideal. Mesmo assim, podem gerar sintomas de desnutrição como a anemia.

Causas da desnutrição infantil

Quando fatores exógenos, como a pobreza extrema ou a crise alimentar não forem uma circunstância presente, a desnutrição infantil pode ocorrer por diferentes causas. Dentre elas, podemos destacar:

  • Dieta inadequada. Uma alimentação desbalanceada que omite o consumo dos alimentos que transportam parte dos nutrientes essenciais do organismo.
  • Transtornos alimentares. Anorexia ou bulimia podem aparecer muito cedo na vida, até mesmo na infância.
  • Patologias gastrointestinais. Impedem a correta absorção dos nutrientes provenientes dos alimentos.
  • Patologias metabólicas. Um funcionamento anormal dos processos que metabolizam e utilizam os nutrientes.

Quando devo me preocupar com o peso do meu filho?

Para poder determinar se o peso de uma criança está inadequado e identificar um possível caso de desnutrição, é necessário consultar o médico para que ele avalie o índice de massa corporal determinado para a idade e a altura da criança. Alguns quadros de desnutrição infantil podem apresentar sintomas claros. Mas, na maioria dos casos, os sintomas costumam ser difusos em relação à origem. Por isso, qualquer suspeita de desnutrição só pode ser confirmada por um profissional.

Sintomas que dão o alerta: 

  • Dor de cabeça
  • Fraqueza
  • Tonturas
  • Dispneia
  • Apatia.
  • Entre outros
desnutrição infantil

Como saber se meu filho está com desnutrição infantil?

A melhor maneira de determinar se nosso filho apresenta um quadro de desnutrição é fazendo uma avaliação médica. Através dos exames, será possível determinar o estado de saúde da criança com mais detalhes, assim como identificar a origem dos sintomas. Vale lembrar que dentro do espectro da desnutrição infantil, há outras condições como a anemia, a diabetes e o hipertireoidismo.

A importância da identificação da desnutrição infantil

Durante a infância, a nutrição assume um papel fundamental no desenvolvimento adequado do organismo, sendo essa a fase mais importante da vida em relação à necessidade de uma boa alimentação.

A desnutrição infantil não tratada pode conduzir a uma desnutrição crônica. Nessa fase da vida é uma condição extremamente grave pois condiciona o desenvolvimento adequado dos aspectos mais importantes do organismo humano, provocando, assim, mais problemas crônicos, tanto físicos, como os relativos ao crescimento e ao sistema imunológico, quanto mentais, como, por exemplo, o desenvolvimento adequado da inteligência.

Tudo isso impacta mais além do que apenas a saúde da criança. Em outras palavras, a desnutrição infantil pode limitar o desempenho acadêmico e profissional da criança no futuro.