As meninas podem crescer até qual idade?

· 27 de março de 2019
Quais são as mudanças mais visíveis nas meninas durante o seu processo de desenvolvimento? Até qual idade as meninas podem crescer? Essas são perguntas muito frequentes, e conhecer suas respostas permite um certo grau de satisfação e tranquilidade, tanto para os pais como para as meninas.

O crescimento e o desenvolvimento implicam, neste caso, a transição de menina para mulher, que pode ser comparada a uma mudança, já que implica uma transformação categórica e o ingresso em um mundo desconhecido.

Leva certo tempo para se adaptar a um novo corpo e é normal se perguntar até qual idade as meninas podem crescer. Então, como os pais podem ajudar?

Até qual idade as meninas crescem mais rápido?

A puberdade é uma etapa que, em seus primórdios, vem acompanhada de um período de crescimento acelerado. Assim, durante esta fase, que começa entre 9 e 13 anos, as meninas podem crescer cerca de 25 centímetros. Em alguns casos, elas podem até mesmo iniciar esse processo em idades mais precoces, como aos 8 anos.

Por outro lado, a puberdade começa com o aumento dos níveis hormonais. No caso das meninas, do estrogênio.

A partir de então, os órgãos reprodutores começam a amadurecer, a fim de preparar o corpo para a reprodução sexual. Apesar disso, passarão alguns anos antes que a jovem esteja pronta para ser mãe.

Entre as alterações mais evidentes na adolescência, encontram-se:

  • O crescimento das mamas.
  • O início da menstruação.
  • O crescimento de pelos pubianos.
  • O aumento dos quadris, das coxas e dos glúteos.
  • A ativação das glândulas sudoríparas.

Quanto as meninas podem crescer após a primeira menstruação?

Em média, as meninas podem chegar a crescer entre 5 e 7 centímetros cerca de dois anos após a menarca.

Ainda assim, há aqueles que afirmam que as jovens que têm a primeira menstruação tardia crescem mais do que aquelas que a experimentam mais cedo. No entanto, o famoso estirão coincide com o início da puberdade.

menina medindo a sua altura

Por sua vez, a puberdade apresenta-se com o aparecimento do botão ou broto mamário, em geral, depois dos 8 anos. A menarca, ou primeira menstruação, aparece cerca de dois anos depois disso. Sendo assim, quando chega, o estirão já está praticamente terminado.

Por isso, nem sempre é correto afirmar que as meninas que se desenvolvem mais cedo crescem mais. Acontece simplesmente que, embora o seu crescimento seja acelerado, também termina mais rápido. Por outro lado, quando for mais lento, se estende por um período de tempo mais longo.

Até qual idade as meninas podem crescer?

Não existe uma fórmula exata para saber até que idade as meninas podem crescer, porém há alguns indicativos. Com o início da puberdade, o nível de estrogênio aumenta. Como resultado, o hormônio do crescimento se multiplica, estimulando as cartilagens de crescimento.

No caso das meninas, isso acontece dois anos depois da menarca, geralmente entre 16 ou 17 anos. Com isso, termina a fase de crescimento.

“A puberdade é uma etapa que vem acompanhada de um período de crescimento acelerado. Durante esta fase, as meninas podem crescer cerca de 25 centímetros”

O que fazer se a sua filha se sente desconfortável com a sua estatura?

Em certos casos, as meninas chegam a ficar cerca de 10 centímetros mais altas que os meninos. É aí que costumamos nos perguntar até que idade as meninas podem crescer. Isso acontece porque, nelas, o crescimento repentino acontece mais cedo do que nos homens.

Em tais casos, convém lembrar que nenhuma criança cresce seguindo um ritmo e durante um período fixo. Então, duas meninas da mesma idade podem ter diferentes estaturas, mesmo quando estiverem dentro dos parâmetros normais de crescimento.

De qualquer forma, como pais, é possível ajudar muito, seguindo estas sugestões:

  • Não compare a altura de sua filha com a de outras meninas. Isto só fará com que ela se preocupe em excesso com algo que pode estar dentro do habitual e que é diferente em cada pessoa.
  • Promova a comunicação franca sobre o desenvolvimento e todas as mudanças que ocorrem, de preferência, antes que apareçam. Se você evitar falar de tal processo e suas mudanças, a sua filha pode vir a pensar que é algo vergonhoso.

Nem todas as diferenças quanto ao crescimento apontam, necessariamente, a algum transtorno. No entanto, se você notar alguma característica preocupante em relação ao crescimento de sua filha, não hesite em recorrer a um especialista.

menina na puberdade com mudanças físicas

Como preparar a sua filha para o desenvolvimento?

A chegada da primeira menstruação pode ser estressante e desconcertante para algumas meninas. Pode ser especialmente desgastante se não estiverem bem informadas ou, pior ainda, se não souberem nada a respeito.

Daí a importância do papel dos pais neste aspecto. Como mãe, você deve ajudar a sua filha a ver este ciclo como algo natural. Isso não só é um indicativo de que o seu organismo está funcionando corretamente, mas que, além disso, você pode fazê-la ver que, com o tempo, ela vai aprender a tolerar os aspectos negativos.

Por fim, procure motivar a sua filha a aceitar o seu próprio ritmo de crescimento. Ajude-a a entender até que idade as meninas podem crescer e tudo o que ocorre nesse período.

É fundamental oferecer todo o apoio emocional que ela precisar. Assim, a sua filha poderá se sentir mais preparada para lidar com os sentimentos resultantes do desenvolvimento.

  • Mayer, C., Acosta-Martinez, M., Dubois, S. L., Wolfe, A., Radovick, S., Boehm, U., & Levine, J. E. (2010). Timing and completion of puberty in female mice depend on estrogen receptor -signaling in kisspeptin neurons. Proceedings of the National Academy of Sciences. https://doi.org/10.1073/pnas.1012406108