Canguru para bebês: a criação no colo e em família

· 13 de setembro de 2018
O canguru para carregar bebês, quando utilizado de maneira correta, favorece uma sintonia maravilhosa entre a mamãe e o papai com o bebê.

A criação no colo favorece o afeto. Assim, com o canguru para bebês, continuamos mantendo esse contato tão semelhante ao que nosso filho tinha quando estava na nossa barriga durante a gravidez.

A questão do canguru, longe de estar na moda, não é mais do que a continuação do que vem sendo feito há muito tempo em diversas culturas. Bata olhar as mulheres africanas realizar suas tarefas quotidianas com o bebê nas costas com total naturalidade. Além disso, em países como a Guatemala, são característicos os slings, um tipo de canguru para bebês, feitos de belos tecidos étnicos.

Não é de forma alguma um capricho dos tempos modernos. É um modo de criação, uma arte ancestral arraigada em antigas culturas e também em muitos animais. Ser uma “mamãe canguru” ou “papai carregador” oferecerá ao seu bebê muitos benefícios em termos de amadurecimento e de emoções. Mas isso deve ser feito de maneira correta.

Explicamos a você como.

Carregar o bebê, sim ou não?

O canguru é algo que deve ser avaliado pelos próprios pais e ninguém mais. É uma escolha pessoal que podemos combinar ou não com o carrinho de bebê. No entanto, é preciso ter bem claro um aspecto: o canguru deve ser ergonômico, tendo, assim, consciência, a todo o momento, de qual é a melhor posição para os nossos filhos.

canguru para bebês

Em seguida, vamos explicar a você quais podem ser os benefícios se quisermos usar esse tipo de utensílio:

  • Favorecemos uma estimulação precoce adequada. Nossos filhos descobrirão o mundo no nosso colo com segurança, com afeto. Tudo ao redor é visto de outra perspectiva no colo do papai ou da mamãe do que em um carrinho de bebê.
  • Se o canguru para bebês é ergonômico, reduziremos as cólicas e melhoraremos o desenvolvimento psicomotor do pequeno.
  • As crianças choram muito menos em canguru para bebês do que no carrinho. Elas se sentirão relaxadas o tempo todo.
  • A temperatura corpora vai se manter mais estabilizada. O contato direto com nosso filho é muito benéfico para regular, inclusive, o ritmo cardíaco e respiratório dele.
  • Ao chegar em casa, o bebê vai dormir com mais facilidade, pois esse tipo de transporte é muito relaxante. Além disso, longe do que muita gente pensa, não é um peso para as nossas costas, sempre que o fizermos da maneira correta.
  • Também não podemos nos esquecer de algo muito importante: você terá mais liberdade de movimento quando carregar seu bebê dessa forma. Você terá um acesso mais facilitado ao transporte público, às lojas… O mundo daquele que carrega o bebê se torna muito mais livre, e o do “carregado” mais íntimo e seguro.
canguru para bebês

Como devo realizar o transporte?

Em primeiro lugar, você deve se lembrar dos aspectos essenciais: o bebê nunca deve ficar “pendurado”. Devemos proporcionar uma posição fisiológica natural. Além disso, é preciso que nosso filho ou filha não fique tão grudado em nós. Caso contrário, não vai enxergar nada mais do que nosso peito ou costas.

Procure proporcionar ao bebê campos de visão. O transporte é um grande estímulo e precisamos saber criar as condições perfeitas de conforto.

Canguru para recém-nascidos

Os recém-nascidos precisam ficar completamente envoltos para respeitar sua postura fisiológica curvada. Dessa forma, os joelhos devem ficar mais altos do que o bumbum (os slings, nesse caso, são muito adequados).

Quando o bebê já consegue se sentar

Um bebê que consegue se sentar sozinho já tem uma maturidade psicomotora um pouco mais aprimorada. Já sustenta a cabeça e mantém as costas mais ou menos eretas. Nesse caso, deveremos usar um canguru para bebês que lhe dê um pouco mais de autonomia.

  • As costas do bebê devem ficar sempre recolhida, assim como a cabeça em caso de ele dormir. Também não devemos nos esquecer do nosso corpo. Dessa forma, você terá que procurar um canguru que divida o peso de forma equilibrada sobre os seus ombros.
canguru para bebês

Quais são os tipos de canguru para bebês que existem?

Muitos. E não estamos exagerando quando dizemos a você que existem muitos tipos de canguru para bebês. A questão, portanto, é saber quais são as necessidades do nosso filho e qual opção nos deixa mais confortáveis e seguras. Aqui, você tem várias opções:

  • Slings. São tecidos de mais de 3 metros que permitirão a você carregar o seu bebê em uma infinidade de posições.
  • Bolsa para bebês presa pelos ombros. Tecidos de 2 metros costurados em um par de anéis metálicos. É ideal para quando o bebê já se senta e se mantém em pé sozinho.
  • Tongas. São cangurus muito adequados para o verão. Trata-se de uma redinha feita de algodão com só um ponto de apoio no ombro. Muito confortável.
  • Mochilas ergonômicas. Um clássico e as favoritas dos papais. São mochilas com cinto e suspensório que são presos por uma fivela ou “velcros”. Respeitam a fisionomia do bebê e são muito fáceis e confortáveis para o transporte do nosso pequeno.

Vá em frente e procure o mais adequado para você se deseja adquirir esse acessório. Porque o transporte é uma aventura totalmente agradável para desfrutar em família.