Coisas sobre os bebês que ninguém conta

30 de novembro de 2016

Ter um bebê é a coisa mais bonita que pode acontecer com qualquer pessoa. Não há outra coisa que mais encha o coração dos pais de felicidade do que aproveitar o seu bebê desde o primeiro dia do nascimento. Mas a verdade é que há algumas coisas sobre os bebês que ninguém conta antes que os tenha. É preciso que você conheça esses fatos para poder entender porque eles ocorrem e para que não fique mais preocupada do que o necessário.

As cabeças dos bebês não são perfeitas

Talvez, antes do seu bebê nascer, você tenha uma imagem perfeita do corpinho e da cabeça dele. Uma cabeça redonda, rosa e muito bonita. Mas a verdade é que a cabeça de um recém-nascido é um pouco estranha e costuma apresentar o formato de um cone. Ela assume esse formato por ter ficado várias horas pressionado contra a pélvis enquanto passava pelo canal vaginal durante a dequitação.

As aberturas do crânio permitem moldar um pouco o formato da cabeça para poder passar pelo canal do parto. Isso protege o bebê de sofrer fraturas ou lesões cerebrais durante um parto vaginal. Mas não se preocupe, pouco a pouco ela volta ao seu formato ideal.

O rosto também não é perfeito após o nascimento

Muito provavelmente o rosto do seu bebê não vai parecer com essas fotos de bebês perfeitos que você passou os 9 últimos meses vendo nas revistas. É possível que o bebê tenha o nariz e as fossas nasais um pouco achatados e que os olhos estejam um pouco inchados devido ao líquido que fica sob a pele. E, inclusive, o bebê pode ter pequenos hematomas no rosto e no couro cabeludo caso tenha sido utilizado fórceps ou ventosa para facilitar o parto.

Mas você só precisa ser um pouco paciente porque seu filho será o anjo precioso que você passou tanto tempo imaginando. Não duvide disso!

bebes2

O bebê parece muito nervoso

Depois de passar nove meses aconchegado em uma bolsa de água dentro de um ventre acolhedor o recém-nascido tem agora um mundo para poder se movimentar sem nenhum tipo de restrição nas extremidades. Os bebês ainda não descobriram como controlar o próprio corpo nesse novo mundo. Por isso é possível que movimente as extremidades desordenadamente, mas isso não significa que o bebê esteja nervoso. Ele somente está se movimentando e testando seu corpo.

Seu sistema nervoso está em desenvolvimento

Além disso, os bebês nascem com o “reflexo de moro” ou de sobressalto: quando o bebê sente que está caindo ou se assusta ele movimenta muito os braços, abre as mãos e empurra a cabeça para trás. Esse reflexo vai desaparecer aos 3 meses.

Além disso, seu sistema neurológico em desenvolvimento também envia mais impulsos elétricos aos músculos comparado com aqueles que realmente são necessários. Por isso, é possível que o queixo e as pernas do bebê tremam sem qualquer motivo aparente. Não se preocupe com isso. Mas se você perceber que o tremor é rítmico ou não tem fim, então deverá procurar o pediatra o mais rápido possível. 

O bebê sempre está com fome

Durante as primeiras semanas pode parecer que você está alimentando seu bebê o dia todo. Os pedidos do bebê são naturalmente frequentes, servem para aumentar sua produção de leite e assim satisfazer seu crescente apetite. Além disso, se você está amamentando seu bebê deve saber que eles comem com mais frequência já que o leite materno é digerido mais rapidamente que o leite artificial.

bebes3

Os bebês sentem fome porque estão crescendo e devem duplicar o peso que nasceram em até seis meses. Isso vai exigir um grande consumo de calorias. Nas fases de crescimento ele vai ter ainda mais fome. Isso acontece pela primeira vez entre as semanas 4 e 6.

É muito importante reconhecer os sinais de fome para que possa alimentar seu bebê antes que ele fique faminto. Assim, ele não vai comer com muita ansiedade. O momento da alimentação deve ser um momento de relaxamento e conexão emocional.

Essas são algumas coisas sobre os bebês que ninguém diz pra e que são interessantes ter conhecimento para que você não se assuste quando for a sua vez. Ser mãe ou pai de um bebê é a coisa mais maravilhosa do mundo. Mas quando você é mãe ou pai de primeira viagem muitas coisas podem surpreender no começo.