Como cuidar dos dentes de leite das crianças?

· 16 de fevereiro de 2018
Quando seu filho enfrenta a queda dos primeiros dentes de leite, ele está a ponto de começar uma fase que, apesar de incômoda, vai servir para completar seu amadurecimento e adquirir, com a ajuda dos pais, hábitos saudáveis de higiene bucal.

A infância é uma fase marcada por uma série de momentos importantes do desenvolvimento de uma criança. Os dentes de leite das crianças são um grande exemplo, pois simbolizam certa autonomia no próprio crescimento.

Embora comecem a sair a partir dos três primeiro anos de idade, os dentes de leite não vão ficar muito tempo na boca dos pequenos. Quando eles completarem cinco ou seis anos, vai começar o processo inevitável da queda dos primeiros dentinhos. A Fada dos Dentes vai começar a aparecer também!

Seu filho vai ser participante de uma experiência pela qual todos nós já passamos e que, às vezes, dura até dez ou onze anos. É uma fase que pode ser muito incômoda e irritante, mas também necessária. A prevenção aqui desempenha um papel essencial que precisamos ilustrar com fatos.

Então, existem orientações para cuidar dos dentes de leite das crianças? Há algum aspecto importante que devemos saber a respeito?

Como cuidar dos dentes de leite das crianças?

1.- Escovar os dentes após cada refeição

No começo você vai ajudar. Mas pouco a pouco a criança deve se acostumar a escovar os dentes sozinha. É realmente importante que você seja um bom exemplo e que ela veja que você também cuida da sua própria saúde bucal.

É preciso escovar os dentes após cada refeição, dando especial atenção às áreas da gengiva. Mesmo que a escovação demore um pouco mais, é recomendável escovar as gengivas como se fosse uma massagem para que elas se fortaleçam e para que a limpeza seja mais direcionada.

2.- Consultar o dentista pelo menos uma vez por ano

Uma vez por ano seu filho deve consultar o dentista. Os dentes de leite das crianças não têm motivos para apresentar problemas, mas é melhor prevenir. Dessa maneira, o odontologista poderá conversar com seu filho, aconselhando e recomendando bons hábitos.

É possível que, devido à sua posição de especialista, seu filho ouça mais o dentista do que você. Além disso, vai servir para que a criança vá perdendo o medo desse tipo de consulta.

dentes de leite das crianças

3.- Manter uma dieta saudável

Uma boa alimentação é fundamental para cuidar dos dentes. Muitas vezes, quando não se consome os nutrientes necessários, certas partes do nosso corpo sofrem mudanças. Se seu filho se alimentar de maneira correta e equilibrada, não terá o que temer.

Ensine que ele deve comer de tudo, inclusive o que não gosta. Quando for mais velho, poderá escolher como quer cuidar da própria dieta. Mas por enquanto, você é a chefe!

“É mais fácil obter o que se deseja com um sorriso do que com a ponta de uma espada”
–William Shakespeare–

4.- Não abusar de alimentos e bebidas açucaradas

Seu filho não deixa de ser uma criança. Portanto, com certeza vai adorar doces. Procure que o consumo desses alimentos seja mínimo. Se for possível apenas em ocasiões especiais ou, no máximo, uma vez por semana e sob sua supervisão.

A mesma coisa acontece com os refrigerantes: faça seu filho se acostumar a beber água ou sucos sem açúcar. Não deixa de ser um poderoso vício e pode acarretar inconvenientes. É muito melhor que, nos lanches da manhã ou da tarde, seu filho coma um pedaço de fruta, por exemplo.

5.- Conversar com a criança

Conversar com a criança é uma ação essencial da qual muitas vezes nos esquecemos. Se explicarmos bem por que se deve cuidar dos dentes, é possível que a criança enxergue o motivo e parta dela a ideia de não abusar de certos alimentos que podem produzir cáries.

dentes de leite das crianças

Às vezes subestimamos a capacidade de entendimento dos nossos filhos. Na maior parte do tempo eles são muito mais conscientes das coisas do que nós pensamos. Dê um voto de confiança e se atreva a lidar com seu pequeno como se ele tivesse mais idade do que realmente tem.

Não existem motivos para que a aquisição desses hábitos seja algo muito complicado. Há muitas alternativas aos doces que são saudáveis e deliciosas. Você apenas precisa descobri-las. As vitaminas caseiras de frutas também são uma opção ideal e que as crianças costumam gostar bastante.

Lembre-se de que uma boa saúde bucal vai contribuir para evitar problemas futuros e, quanto mais cedo começar, mais fácil vai ser para se acostumar. Com seu apoio e sua constância, vocês vão conquistar grandes metas!