Como explicar a diferença entre igualdade e equidade para as crianças

Explicar às crianças a diferença entre igualdade e equidade é mais fácil do que parece. Basta usar um bom exemplo gráfico, como o que vamos propor abaixo.
Como explicar a diferença entre igualdade e equidade para as crianças

Última atualização: 17 março, 2022

Atualmente, estão sendo feitas tentativas para dar tratamento igual ou igualitário aos grupos vulneráveis da sociedade. Então, as crianças crescem ouvindo esses termos. Mas você realmente sabe o que eles significam? Neste artigo vamos falar sobre como explicar a diferença entre igualdade e equidade aos pequenos.

É importante notar que ambos os conceitos são muito semelhantes e às vezes são usados erroneamente como sinônimos. Mas, embora igualdade e equidade estejam intimamente relacionados, sua definição inclui certas nuances que tornam esses dois termos muito diferentes.

Explique a diferença entre igualdade e equidade: duas definições diferentes

Para explicar corretamente às crianças a diferença entre igualdade e equidade, você deve primeiro conhecer a definição de cada um desses conceitos:

  • Igualdade refere-se ao fato de proporcionar a todas as pessoas uma série de oportunidades, bens e recursos semelhantes para a realização de determinadas atividades, para que todos possam usufruí-las:
    • Direitos.
    • Obrigações.
    • Condições.
    • Responsabilidades.
      Explicar a diferença entre igualdade e equidade para as crianças é importante para que elas entendam melhor o mundo.
  • Equidade é um termo que implica justiça (dar a cada um o que lhe pertence) e igualdade. Portanto, abrange o conceito anterior. Mas, diferentemente da igualdade, a equidade parte do que você precisa e se concentra nas:

Especificando o conceito, a igualdade é uma garantia constitucional, mas também uma responsabilidade moral e individual. E deve ser recriada em todas as microesferas da vida: família, escola, sala de aula, empresa, comunidade. Em cada uma dessas áreas, a realidade de ser homem ou mulher, rico, pobre, nativo, estrangeiro, deficiente ou não, etc., tem que transcender os ordenamentos jurídicos para impor eticamente a vontade pessoal de ver no outro um semelhante.

Assim, pode-se dizer que a igualdade:

  • Dá a todos os mesmos recursos.
  • É baseada na integração.

Enquanto a equidade tem as seguintes características:

“A primeira obrigação da igualdade é a justiça.”

-Victor Hugo-

Como explicar a diferença entre igualdade e equidade para as crianças?

Explicar a diferença entre igualdade e equidade para as crianças é muito simples, você só precisa de um bom exemplo gráfico e visual. De fato, há algum tempo circula na internet uma imagem muito útil para isso.

A referida imagem é realizada por três pessoas de diferentes alturas (um adulto, uma criança de altura média e uma criança pequena), que tentam assistir a um jogo de beisebol atrás de uma cerca. Assim, esse desenho está dividido em dois cenários:

  • Um que representa a igualdade: observa-se como as três pessoas têm os mesmos recursos e oportunidades para desfrutar do jogo, pois cada uma delas pode subir em uma caixa para tentar enxergar por cima da cerca. O problema é que, nesse caso, o tamanho de cada um deles não é levado em consideração. Assim, a criança pequena fica sem aproveitar o jogo, pois ainda não consegue enxergar por cima da cerca. Por outro lado, a criança média pode assistir ao jogo sem dificuldade e o adulto pode fazer isso mesmo sem a caixa.
    Ensine a diferença entre igualdade e equidade para as crianças através de caixas.
  • Outra que representa a equidade: observa-se uma situação semelhante à anterior mas nesta cada pessoa recebe o número de caixas de que precisa para poder enxergar o jogo. Como o adulto não precisa de nenhuma caixa, a criança pequena sobe em duas caixas e o filho do meio usa uma caixa. Em outras palavras, todos estão no mesmo nível, recebendo tratamento justo com base em suas necessidades.

O que as crianças aprendem com esse exemplo gráfico?

A partir desse exemplo gráfico, as crianças podem refletir sobre as diferenças entre igualdade e equidade. Mas, além disso, elas aprendem que cada pessoa é diferente e que pode haver algumas crianças que precisam de mais apoio e ajuda para atingir determinados objetivos, e outras que precisam de menos.

Portanto, com essa explicação, os pequenos entendem que todos devem ser tratados equitativamente, sem discriminação de sexo, raça, orientação sexual, deficiência ou qualquer outro aspecto.

This might interest you...
5 histórias infantis para promover a igualdade e combater os estereótipos
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
5 histórias infantis para promover a igualdade e combater os estereótipos

Um dos desafios atuais é promover a igualdade e combater os estereótipos na sociedade. Conheça 5 histórias incríveis para ajudar as crianças.