Como saber se seus filhos sentem medo ou respeito por você

23 de junho de 2018
Você é uma daquelas pessoas que tenta disciplinar os filhos com autoritarismo? Você deve saber que essa não é a melhor forma de educá-los. Ou, pelo contrário, você é aquele tipo de pai que os filhos respeitam acima de tudo e de todos?

Para saber se seus filhos têm medo ou sentem respeito por você iremos apresentar algumas características para te ajudar. Continue lendo este artigo.

Ser autoritário pode funcionar uma, duas, três vezes. Quem sabe algumas vezes mais, dependendo da criança. Contudo, em médio e longo prazo isso somente gera consequências negativas. Se você está sempre se impondo, em vez de ouvir seu filho, ele pode começar a ter medo de você e responder diante de você apenas desse jeito.

Para que você entenda, a relação entre um pai que inspira medo e um pai que inspira confiança é similar a de um chefe e um verdadeiro líder.

A autoridade deve ser conquistada através de seus atos. Ser pai confere a você a autoridade por direito. Mas para seus filhos sentirem isso como tal, você tem que conquistá-la dia após dia.

Inspirar medo para que as crianças ajam como você espera é agir da mesma maneira que um chefe autoritário no trabalho. Primeiro, imagine seu superior dizendo a você fazer algo muito difícil e que você não sabe como fazer. Em seguida, imagine seu chefe dizendo a você que precisa que façam algo juntos para que você aprenda e, depois, faça sozinho. Você percebe a diferença?

Está claro que é você quem tem o conhecimento e a experiência. Você deve aprender a passar isso aos seus filhos! Só saber como se faz as coisas não serve para nada. Da mesma forma, não adianta pedir algo e não explicar como se faz.

  • Demonstre aos seus filhos que você tem respeito por eles e os ensine a respeitar os demais. Como? Seja o exemplo. Tratar bem seu filho assim como todas pessoas ao redor vai gerar um ambiente em que seus filhos aprenderão a agir de forma correta. Lembre sempre de pedir as coisas dizendo por favor e agradecendo. Isso ajuda a criança a internalizar esse comportamento.
  • Seja carinhoso. Não existe melhor forma de ensinar uma criança do que demonstrando afeto para com ela.
filhos têm medo ou sentem respeito

  • Ouça tudo o que a criança tiver a dizer. Não menospreze os comentários ou as opiniões dela. Demonstre que o que ela pensa e sente é importante para você. Assim, ela entenderá que você a valoriza e, além disso, aprenderá a valorizar você também.

Quais atitudes eu devo evitar para que o meu filho não tenha medo de mim?

  • Bater
  • Ameaçar
  • Gritar
  • Insultar
  • Humilhar
  • Mostrar ódio
  • Fazer as crianças se sentirem mal
  • Ser intolerante
  • Castigar constantemente ou sem razão
  • Criticar negativamente

Sempre tenha em mente que as crianças são criaturas frágeis e que absorvem tudo o que acontece ao redor como uma esponja. Se o meio é um meio violento, isso facilitará a incorporação de atitudes violentas por parte da criança. Se você expõe ao seu filho um lugar cheio de amor e compreensão, ele vai incorporar esse ambiente.

Como posso perceber se meus filhos têm medo de mim?

Você deve avaliar o seu próprio comportamento em relação à criança para saber o que ela vê a partir do que você mostra.

Se você tem uma atitude autoritária, corretiva, se costuma fazer algumas das coisas que aconselhamos a evitar, é provável que seus filhos sintam mais medo do que respeito.

Para você ganhar a confiança deles, você deve manter uma convivência saudável em casa, conversar com os seus filhos, mostrar compreensão e carinho. Lembre-se de que tudo o que vai volta. Se você é respeitoso com eles, eles aprenderão isso, e serão respeitosos com você.

E se eu deixar de ser autoritário e eles não me respeitarem mais?

Devemos fazer com que nossos filhos entendam que somos nós que temos experiência e o conhecimento que eles logo vão adquirir ao longo da vida. Quando eles são pequenos ou jovens, ainda desconhecem muitas coisas. Por isso é necessário que estejamos presentes para ajudar, guiar e dar conselhos.

filhos têm medo ou sentem respeito

Não ser autoritário não significa não colocar limites. E por limites, também não nos referimos a tirar os seus filhos todo o direito à liberdade que têm. Os limites devem ser coerentes, e devem ter um sentido.

Por exemplo, se seu filho deve se levantar às 6 da manhã para ir ao colégio, é lógico você não vai permitir que ele saia até tarde, porque ele tem responsabilidades a assumir. Os filhos, quando são pequenos, não têm senso de responsabilidade. Por isso, devemos ajudá-los a entender essas coisas.

Também devemos considerar colocar limites para protegê-los fisicamente e, se necessário, protegê-los de outras pessoas.

Sempre antes de realizar alguma ação desse tipo, pense se é o que você procura conseguir, e se você acredita que essa é melhor forma de fazer isso.