Consequências da falta de carinho na infância

· 26 de janeiro de 2019
A falta de atenção às crianças por parte dos pais pode ter consequências negativas para a infância e os estágios que estão por vir. A seguir, vamos te contar quais são essas consequências.

Todas as crianças precisam receber carinho e atenção. No entanto, nem todas as crianças são tratadas com o carinho que necessitam. Neste artigo, vamos mencionar quais são as consequências da falta de carinho na infância.

Os pais estão cada vez mais ocupados e têm preocupações infinitas. No entanto, é claro que uma das coisas mais importantes que eles têm que fazer é oferecer às crianças o carinho de que precisam. A questão é que existe uma ligação entre o carinho na infância e a saúde e felicidade no futuro.

Nesse sentido, é importante que os adultos criem um ambiente de amor para seus filhos. E claro, que os façam sentir que estão ali para ajudá-los. Passar um tempo com os entes queridos é uma ótima oportunidade para expressar sentimentos e criar um bom ambiente familiar.

Quais são as consequências da falta de carinho na infância?

A seguir, vamos mostrar quais são as consequências da falta de carinho na infância. Preste atenção e tente atender essa necessidade tão importante para os seus filhos.

1. Dificuldade para identificar os sentimentos

A primeira consequência da falta de carinho na infância é que as crianças podem ter dificuldade para identificar as suas emoções. A falta de atenção faz com que os pais não ensinem os filhos a lidar com os sentimentos de uma maneira saudável.

Como resultado, isso faz com que muitos deles não consigam listar seus pontos fortes e fracos e se sintam vazios por dentro.

 Dificuldade para identificar os sentimentos

É necessário ter em mente que as crianças aprendem a interpretar emoções principalmente através de palavras e gestos. Assim, se elas não receberem o carinho necessário, isso significa que elas não vão ter a possibilidade de reconhecer cada um dos sentimentos que experimentarem.

2. Deficiências nas habilidades

Filhos de pais que não se envolvem com eles geralmente têm um desempenho ruim em quase todas as áreas da vida. De fato, essas crianças tendem a apresentar deficiências na cognição, no apego, nas habilidades emocionais e nas habilidades sociais, por exemplo.

Devido à falta de sensibilidade emocional e do amor dos seus cuidadores, essas crianças podem ter dificuldade em formar ligações posteriormente em suas vidas.

A total falta de limites em casa dificulta a aprendizagem de comportamentos apropriados na escola e em outras situações sociais, tornando, assim, mais provável que elas tenham problemas comportamentais.

“Uma das coisas mais importantes que os pais têm que fazer oferecer aos filhos o carinho de que eles precisam”

3. Falta de autoestima

A falta de carinho na infância faz com que o relacionamento mais difícil que elas tenham no futuro seja com elas mesmas. Às vezes, elas podem sentir que são seu pior inimigo e o maior crítico em relação à sua pessoa.

Esses problemas de autoestima podem fazer com que a vida seja uma batalha constante. Uma batalha entre o que sentem por si mesmas e o que elas querem sentir.

O que acontece é que as crianças se julgam mais severamente do que julgam os outros e se mantêm em um padrão mais elevado.

No entanto, aprender a amar a si mesmo é uma longa jornada. Nesses casos, é necessário enfatizar que elas são importantes e que têm a capacidade de fazer a diferença. Isso com o objetivo de transformar a maneira como elas se veem e a projeção em relação aos outros.

Falta de autoestima

4. Pouca confiança nas outras pessoas

Por fim, você deve saber que a falta de carinho na infância faz com que as crianças tenham dificuldade para confiar nas outras pessoas.

Nessas situações, é possível que elas estejam constantemente com medo. Por exemplo, medo de que as pessoas que elas amam inevitavelmente as façam sofrer.

Se as crianças não crescem em um ambiente estável e acolhedor, podem desenvolver dificuldade para confiar nos outros no futuro. Sem dúvida, isso dificulta quase qualquer tipo de relacionamento a longo prazo.

Certamente, a confiança é um componente importante do apego emocional positivo. Quando o afeto e a proteção de um adulto não foram experimentados, as pessoas têm uma maior probabilidade de desenvolver mecanismos de defesa para evitar que sejam machucadas.

Finalmente, lembre-se de que as consequências da falta de carinho na infância surgem porque, às vezes, os pais tendem a esquecer a coisa mais importante que deve ser proporcionada às crianças: o amor.

Por isso, como mãe, você deve se certificar de que seu filho seja a prioridade e receba o amor e a atenção de que precisa.

  • Reginatto, R. (2013). A importância da afetividade no desenvolvimento e na aprendizagem. REI – Revista de Educação Do Ideau.
  • Giacomoni, C. H., & Hutz, C. S. (2006). Escala de afeto positivo e negativo para crianças: estudos de construção e validação. Psicologia Escolar e Educacional. https://doi.org/10.1590/S1413-85572006000200007