Dificuldades de aprendizagem

3 de maio de 2020
O que são as dificuldades de aprendizagem? Na verdade, isso se refere a dificuldades de aprendizagem durante a infância. Existem vários tipos de dificuldade, tais como a disgrafia, a disortografia, etc. Elas não são incompatíveis entre si e várias delas podem estar presentes ao mesmo tempo.

Existem diferentes tipos de dificuldades de aprendizagem durante o período de escolarização das crianças. E algumas delas podem ter a sua origem em distúrbios específicos de aprendizagem.

Atualmente, as dificuldades de aprendizagem são um tema delicado e é muito importante saber sobre o assunto, já que afeta o aprendizado das crianças em questões da vida cotidiana.

O que são as dificuldades de aprendizagem?

As dificuldades de aprendizagem se referem especificamente aos transtornos de aprendizagem durante a infância. Essas dificuldades incluem a dislexia, a disgrafia, a disortografia e a discalculia.

Cada um desses transtornos é um tipo de dificuldade de aprendizagem, embora nenhuma dessas dificuldades exclua  a outra. Portanto, uma criança pode ter várias dificuldades de aprendizagem ao mesmo tempo.

Dificuldades de aprendizagem: quais são elas?

Dislexia

Dificuldades de aprendizagem

A dislexia talvez seja a dificuldade de aprendizagem mais difundida entre as crianças. É caracterizada por dificuldades para aprender a ler e, portanto, se reflete na fala. As crianças que sofrem de dislexia não entendem completamente o que leem devido à dificuldade de entender o que está escrito.

Para tratar os casos de dislexia, são necessárias técnicas de aprendizagem específicas e individuais, de acordo com cada criança. Esses tipos de técnicas têm como objetivo ajudar a criança a adquirir a capacidade de interpretar e entender os símbolos gráficos que geralmente são usados tanto ​​na escrita quanto na leitura.

Disgrafia e disortografia

A disgrafia e a disortografia estão relacionadas com a dificuldade para aprender a escrever. A disortografia se manifesta principalmente na dificuldade para escrever as palavras com a ortografia correta. A disgrafia, entretanto, tem a ver com a dificuldade motora para escrever.

Discalculia ou distúrbio de aprendizagem das habilidades matemáticas

Outro transtorno dentre as dificuldades de aprendizagem é a discalculia. Esse tipo de dificuldade na criança ocorre especificamente no aprendizado da matemática.

Em outras palavras, refere-se a uma dificuldade permanente para aprender e entender conceitos numéricos, como, por exemplo, executar cálculos. Entre 3% e 6% das crianças que estão em idade escolar apresentam discalculia.

Sintomas que podem indicar a presença de dificuldades de aprendizagem

Durante o período de aprendizagem da criança, é necessário prestar atenção a certos sintomas que podem se manifestar. Entre os mais visíveis e comuns, está a confusão de palavras visualmente semelhantes e também de outras palavras curtas.   

Por outro lado, quando a criança omite palavras, ignora pontuações e inverte as letras das palavras, esses também são sintomas de possíveis dificuldades de aprendizagem.

“Nenhuma dessas dificuldades exclui a outra. Portanto, uma criança pode ter várias dificuldades de aprendizagem ao mesmo tempo.”

E, por fim, talvez um dos sintomas mais marcantes das dificuldades de aprendizagem ocorra quando as crianças leem e perdem a linha, sem entender bem o que estão lendo. A presença de qualquer um desses sintomas de maneira habitual na criança pode significar que ela apresenta alguma dificuldade no processo de aprendizagem.

Diagnóstico precoce das dificuldades de aprendizagem

Dificuldades de aprendizagem

As dificuldades de aprendizagem, também conhecidas como transtornos de aprendizagem, nem sempre se manifestam da mesma maneira em todas as crianças. Em alguns casos, os sintomas serão mais evidentes e em outros nem tanto. Isto é, a observação terá que ser aguçada.

A importância de um diagnóstico precoce é essencial para que a dificuldade de aprendizagem possa começar a ser tratada o mais rápido possível. É essencial que esse diagnóstico seja feito precocemente, pois com o tempo os sintomas se tornam cada vez mais acentuados.

Juntamente com o exposto, é extremamente importante que tanto pais quanto professores trabalhem em conjunto para a aprendizagem de cada criança. O diagnóstico precoce de qualquer tipo de dificuldade de aprendizagem oferece mais possibilidades de que o tratamento para corrigi-lo seja mais eficaz.

É necessário observar e supervisionar durante o processo de aprendizagem da criança para perceber se há a manifestação de alguma anomalia. A ideia é localizar a presença de algum tipo de problema de aprendizagem, seja na escrita, na leitura ou na fala.

Em resumo, as dificuldades de aprendizagem são mais comuns do que se imagina, especialmente na idade escolar das crianças. Portanto, é importante que tanto a família quanto a escola monitorem as atitudes e o comportamento de cada criança diante de cada processo de aprendizagem.

Em situações ou sintomas nos quais as dificuldades possam ser percebidas, é importante consultar os especialistas correspondentes. Um diagnóstico precoce das dificuldades de aprendizagem ajudará a diminuir significativamente o seu agravamento ao longo dos anos.

  • Galaburda, A. ., & Cestnick, L. (2003). Dislexia del desarrollo. Rev Neurol.
  • Sans, A., Boix, C., Colomé, R., López-Sala, A., & Sanguinetti, A. (2012). Trastornos del aprendizaje. Pediatria Integral.