Educar a partir da simplicidade

04 Julho, 2020
A educação infantil passou por inúmeras transformações. Passou de uma formação disciplinada e rigorosa para uma formação diferente, que se baseia na simplicidade. Como esse último método é aplicado?

Ensinar uma criança deixa os responsáveis inquietos, sejam eles pais, avós, tios e até mesmo cada professor que lida com a formação de um pequeno ser. Formar homens e mulheres com valores, bem como indivíduos felizes, é um grande desafio. No entanto, isso nem sempre deve ser sinônimo de complexidade, pois é totalmente viável educar a partir da simplicidade.

Há uma variedade de condições que vão determinar a personalidade e o comportamento das crianças. A sua formação integral será, portanto, construída pela família, pelos amigos e pela sociedade.

A criança pode aprender algo novo a cada segundo. Inclusive, isso ocorre até mesmo desde a gestação, pois o embrião em evolução começa a ser estimulado inconscientemente pelos acontecimentos no ambiente onde está, que é o útero da mãe.

Educar a partir da simplicidade no início de suas vidas

O cérebro da criança começa a coletar informações úteis desde o momento em que ela está no úteroA música que ela ouve, a voz dos pais, os lampejos de luz e outros estímulos vão fazer com que ela reaja de maneiras particulares após o nascimento. 

Por esse motivo, é necessário que a educação das crianças seja especialmente integral durante os primeiros anos de vidaPara isso, devem ser incluídas, de maneira simplificada, todas as áreas do crescimento: perceptivo, linguístico, físico, mental, emocional e social.

Dessa maneira, em vez de sobrecarregar os pequenos, vamos permitir que eles se sintam à vontade com as diferentes atividades derivadas dessas abordagens.

Educar a partir da simplicidade

Faça do seu filho um adulto feliz

Educar a partir da simplicidade vai permitir que as crianças se afastem da frustração e do estresse que a disciplina estrita e obrigatória pode causar. Mesmo quando os limites são definidos, a maneira como isso é feito será fundamental para gerar uma reação proativa e não reativa.

Por esse e por muitos outros motivos, o método de ensino usado em casa e nas escolas mudou ao longo do tempo. O objetivo dessa mudança não é outro senão melhorar o desempenho acadêmico do indivíduo, permitindo que ele dê o melhor de si em todas as áreas por sua própria vontade e sem pressão. A prioridade é desenvolver todo o seu potencial de maneira simples desde o primeiro estágio da infância.

Estimulação cerebral infantil

Podemos educar os nossos filhos a partir da simplicidade através da aplicação de técnicas eficazes desde o momento do seu nascimento. Por meio delas, seremos capazes de estimular o seu cérebro e estabelecer hábitos que vão melhorar seu aprendizado.

Talvez algumas delas sejam tão básicas e comuns que muitos pais ignorem os benefícios da sua prática diária. No entanto, vale a pena dedicar o tempo apropriado a elas. Alguns exemplos são:

Técnica de leitura

Ler para as crianças desde cedo vai ajudar a melhorar a memória, aprimorar o pensamento e estimular a linguagem. Isso não apenas vai permitir que elas desenvolvam a compreensão narrativa e visual, como também vai criar um vínculo especial com a pessoa que se dedica a realizar esse momento especial.

“A criança pode aprender algo novo a cada segundo. Inclusive, isso ocorre até mesmo desde a gestação, pois o embrião em evolução começa a ser estimulado inconscientemente pelos acontecimentos no ambiente onde ele está.”

Sentir com os pés

A planta do pé tem milhares de terminações nervosas que fazem as crianças experimentarem sensações diferentes ao caminhar sobre tipos diferentes de piso. Com isso, o desenvolvimento do cérebro também é estimulado.

Embora o hábito de andar descalço tenha se perdido por causa do medo dos pais de que as crianças adoeçam, na verdade, é algo muito benéfico, desde que sejam tomadas as medidas de segurança e higiene adequadas.

Aprimorar o pensamento através dos quebra-cabeças

Uma maneira de educar a partir da simplicidade é através do uso de quebra-cabeças, pois eles representam uma alternativa divertida para estimular o desenvolvimento cerebral das crianças.

Esses jogos, assim como os blocos de Lego, ajudam a aprimorar as habilidades motoras finas da criança, além da percepção visual e da coordenação.

Educar a partir da simplicidade

Ao usar esse tipo de estímulo com as crianças, devemos verificar se os quebra-cabeças sejam adequados para a sua idade. Dessa forma, podemos evitar que ocorram episódios de frustração caso elas não consigam concluí-los por causa do nível de complexidade.

Essas técnicas para a formação integral das crianças promovem um desenvolvimento completo e estimulante, sem a necessidade de que elas sejam expostas a doses intensas de estresse.

Lembre-se de que é na infância que forjamos os adultos que os nossos filhos vão se tornar. Isso será conseguido com caráter, regras claras, valores e muito amor, ingredientes básicos ao educar a partir da simplicidade.