Se fizer uma promessa para uma criança, cumpra-a

11 Outubro, 2017

As crianças possuem uma memória fascinante. No entanto sua capacidade na hora de reter informação é curiosamente “seletiva”. Podem se esquecer de colocar os sapatos quando vão ao colégio, mas jamais esquecem a promessa que você fez uma semana atrás de levá-las para tomar sorvete.

Como pode ser? Como podem mostrar semelhante memória apenas para aquilo que interessa à elas? Bem, para entender um pouco mais disso, existe algo que vale a pena ter em mente em primeiro lugar: o cumprimento de uma promessa é mais relevante na mente infantil do que na adulta.

Se você faz uma promessa para uma criança, cumpra-a. Jamais prometa algo apenas para animar o momento, para arrancar um sorriso momentâneo. Porque se você ilude, mas não cumpre, estará ferindo o vínculo que tem com o seu filho”

As crianças precisam se desenvolver num entorno de certezas e não de incertezas. Algo que foi proposto e não foi cumprido confunde, cria falsas esperanças, e desaponta.

Mesmo assim, não estamos apenas atentando diretamente sobre seu mundo emocional ao apagar essas ilusões que nós mesmos semeamos, mas sim que, aos olhos dos nossos filhos aparecemos como pessoas com baixa credibilidade em que não podem confiar.

Que tipo de criação e educação podemos dar aos nossos pequenos se em determinado momento deixam de confiar em nós? Fica claro que isso é algo que ninguém deseja, por isso mostraremos 4 aspectos chaves sobre a importância de cumprir as promessas que fazemos aos nossos filhos.

1. Se você cumprir a promessa que fez aos seus filhos estará “modelando” sua integridade pessoal

Menina com uma porta aberta em seu peito, mostrando as engrenagens internas

 

Temos certeza que você já ouviu falar em mais de uma ocasião da teoria da aprendizagem social de Bandura. Dentro desse marco encontramos o que se conhece como “modelado”, ou seja, grande parte da aprendizagem de uma criança é baseada na imitação do comportamento executada por um modelo, ou seja, seus pais. 

. Dessa forma e mediante o modelado, as crianças vão assentando as bases de sua sociabilidade e inclusive do seu modo de entender o mundo.

. Se nossos filhos veem como sua mãe e seu pai cumprem cada coisa que dizem, desenvolvem uma melhor integridade pessoal. Entendem desde muito cedo que o fato de cumprir as promessas é satisfatório para todos e, portanto, algo que vale a pena imitar.

2. Você demonstra que eles são importantes

Você ama os seus filhos loucamente e com devoção, no entanto… você acredita que demonstra isso de forma adequada? As crianças mais novas não entendem que se a mãe ou pai estão parte do dia fora de casa é para oferecer o melhor para eles, para garantir seu bem estar, sua alimentação e sua educação

Eles apenas percebem sua ausência. Por isso o melhor modo para que nossos filhos se sintam amados é garantir que eles se sintam “importantes” sempre que possível.

  • Prometa que você assistirá o filme preferido deles.
  • Prometa que ao sair do colégio vocês irão para o parque.
  • Prometa que quando você chegar em casa será só “seu”. 
  • Prometa que se chegar tarde do trabalho, mesmo assim, irá ler um conto para ele antes de dormir…
  • Prometa que hoje você fará sua comida preferida…

Todos esses pequenos exemplos se traduzem em tempo compartilhado, em valorização, e demonstrar que para você eles vêm em primeiro lugar.

3. Você ensina como se constrói as relações de qualidade

 

As relações mais felizes e satisfatórias são baseadas na confiança, autenticidade e na segurança.

Ao modelar os seus filhos através de promessas cumpridas você ensina que poucas coisas podem ser tão gratificantes, como sentir que quem gosta de nós são pessoas em que podemos confiar, pessoas que não mentem e, que além disso, são nossos pilares no dia-a-dia.

Dessa maneira, eles também construirão amizades mais sólidas e relações afetivas mais maduras no dia de amanhã. Como você pode ver, o que está fazendo na verdade é “treiná-los para a vida”. Pode existir algo mais satisfatório?

“Lembre-se que, se você quebra sua palavra, na verdade estará rompendo algo que não é possível ser reparado” -Aristóteles-

4. Se você cumprir com as suas promessas seus filhos lhe respeitarão

Poucas coisas podem ser mais problemáticas numa dinâmica familiar do que ter um cônjuge, uma mãe ou um pai que pratique a arte de esquecer o que prometeu, de apagar ilusões, de romper as palavras dadas…

Com isso, o que você consegue é que o restante dos membros da família perca o respeito. Se uma criança presencia a falta de integridade de um pai ou de uma mãe se sentirá decepcionado, incomodado ou, inclusive, irritado. Pouco a pouco o vínculo se desgastará.

Portanto, nada é tão importante ao longo da infância e adolescência de uma criança do que ter uma família maravilhosa que cumpre cada promessa, grande ou pequena; que oferece certeza, segurança e confiança. No dia de amanhã ela se converterá num adulto mais responsável e sem dúvida… mais feliz.