A importância de ensinar os filhos a perdoar

· 29 de janeiro de 2018

Ensinar os filhos a perdoar é essencial na criação para que eles se tornem adultos felizes e responsáveis.

Pedir perdão e perdoar é um dos segredos para alcançar a felicidade e encontrar a paz interior. Também é a combinação perfeita para alcançar relacionamentos duradouros, seja na família, nas amizades e até nos negócios.

Ensinar os filhos a perdoar é uma das tarefas mais difíceis que você terá como mãe. Saiba por que isso é tão importante e como fazer para aplicar na educação dos pequenos.

A importância de ensinar os filhos a perdoar

Uma criança que pede perdão reconhece os erros e se sente responsável por eles. Por essa razão é tão importante ensinar os filhos a pedir perdão e a perdoar. Eles se vão se tornar adultos responsáveis e vão trabalhar para melhorar suas qualidades.

Com o perdão eles vão conseguir desenvolver empatia e fortalecer a saúde emocional. Isso vai ajudar a superar os obstáculos que vão aparecer no dia a dia.

O valor do perdão para as crianças

O perdão é considerado um dos valores mais apreciados pelo ser humano. É essencial ensinar às crianças que o perdão pode ajudar todas as partes envolvidas. O ofensor é libertado da culpa que sente e a vítima se desprende do ressentimento causado pelo acúmulo de ódio.

Por estas razões, é importante:

  • Saber perdoar. Aceitar que o ofensor não deve compensar o erro e que o desentendimento deve ser esquecido.
  • Pedir perdão. Envolve reconhecer a culpa e as ofensas causadas à outra pessoa. Esta atitude exige humildade e a capacidade de se arrepender, que por sua vez, vai fazer com que as atitudes ofensivas mudem.
ensinar os filhos a perdoar para que sejam felizes

Como ensinar os filhos a perdoar?

Quando muito pequenas, as crianças não têm consciência do dano que podem causar com as palavras ou com as ações. No entanto, isso vai mudando à medida que crescem. Elas começam a perceber as consequências de suas ações. Por isso, é necessário incorporar algumas atitudes no cotidiano que mostrem o valor do perdão.

Veja as recomendações abaixo e, se necessário, adapte à personalidade ou aos hábitos de aprendizado do seu filho:

Ensine com o exemplo

O primeiro lugar que as crianças aprendem é em casa, através do exemplo dos pais. Por esta razão, evite falar mal dos outros perto do seu filho ou demonstrar raiva na frente deles. Em vez disso, seja humilde e peça perdão. Desta forma, eles vão aprender que todo mundo pode errar e também merece ser perdoado.

Uma criança que pede perdão reconhece os seus erros e se sente responsável por eles

Ensine a perdoar

Para ensinar os filhos a perdoar é necessário que você converse com eles e explique que às vezes a pessoa que ofende não sabe o mal que está fazendo. Explique que as pessoas podem cometer erros e esquecê-los vai ajudar a se sentir melhor consigo mesmo.

Estimule a autoestima

Estimule a autoestima do seu filho sempre tratando com muito amor. Imponha limites e regras coerentes que desenvolvam a capacidade crítica para conseguir diferenciar as circunstâncias e conseguir dizer “não” quando necessário. Dê bastante atenção, comemore as coisas positivas e faça com que ele identifique o aprendizado em cada erro cometido.

Prestar atenção nessa etapa da educação vai fazer com que a criança se torne uma uma pessoa sem rancores, dores ou ressentimentos. Isso vai ajudar a crescer na vida. Além disso, ela vai entender que todos os seres humanos têm um espaço físico e emocional que devem ser respeitados.

ensinar os filhos a perdoar para crescer felizes

Explique o lado negativo do rancor

Use jogos, brincadeiras, filmes, histórias ou situações comuns para que as crianças entendam o lado negativo de não saber perdoar. Explique que o ressentimento é uma dor que apenas a pessoa que se recusa a perdoar sente e que essa dor pode impedir relações duradouras.

Com muito amor, ensine o seu filho a expulsar os pensamentos ruins da mente.

Na criação dos filhos é necessário incorporar atitudes que mostrem o valor do perdão

Expressar os sentimentos é fundamental

Em diferentes situações incentive a criança a expressar os sentimentos e as emoções de forma positiva e calma. Deixe a criança chorar se precisar e diga que não há problema algum nisso. Ou, se ela se sentir mais confortável, sugira que expresse as emoções desenhando ou construindo alguma coisa com massinha por exemplo. Desta forma, a criança vai conseguir aprender a canalizar as emoções de forma adequada.

É essencial ensinar seu filho a perdoar, mas também é preciso ajudá-lo a reconhecer e colocar limites em relacionamentos tóxicos. Desta forma, ele ficará longe dos sentimentos ruins como a raiva, o ódio e até a inveja. Usando as ferramentas à sua disposição (histórias, brincadeiras, filmes), é possível formar um adulto emocionalmente estável.