Manual de cuidados básicos do recém-nascido

· 2 de novembro de 2018
"Como seria bom se os bebês viessem com um manual de instrução". É isso que as mamães de primeira viagem costumam dizer durante os primeiros dias de vida de seus pequeninos.

Embora o manual em si realmente não exista, neste artigo, vamos oferecer um pequeno guia de cuidados básicos para começar com o pé direito e sobreviver aos primeiros meses de maternidade.


Os detalhes sobre os cuidados básicos de um recém-nascido são difíceis de enumerar. Principalmente porque nem todos os bebês têm as mesmas necessidades.

Alguns, por exemplo, nascem com alguma condição que requer atenção especial.

Por isso, é uma tarefa impossível encontrar um manual que contenha absolutamente todos os itens sobre este assunto tão delicado quanto os cuidados básicos que um recém-nascido requer.

Claro que isso não é desculpa para não ajudarmos essas mamães de primeira viagem que se sentem aflitas pela chegada do primogênito.

A seguir, vamos apresentar três recomendações que irão facilitar o maravilhoso e complicado trabalho de ser mãe.

Dicas gerais de cuidados básicos dos recém-nascidos

Segredos da alimentação

cuidados básicos

A primeira coisa que as mães devem saber é que não há razão para se desesperar se sentirem que não estão produzindo leite o suficiente nos dias após o nascimento.

Pouco a pouco, os bebês vão ativando os hormônios oxitocina e prolactina, responsáveis pelo processo de produção do leite materno.

Quanto mais tempo seu bebê ficar no seu peito, mais fácil será a produção de leite.

Um dado importante é que, durante os primeiros dias, antes de começar a produzir o leite, as glândulas mamárias produzem uma substância chamada colostro que tem uma carga imunológica importante para o desenvolvimento do seu bebê.

Não se desespere se você achar que seu bebê não está se alimentando o suficiente ou que ele vai ficar desidratado.

Nas primeiras horas de vida, somente algumas gotas de colostro serão suficientes para satisfazer o pequeno estômago do seu bebê.

Toda criança recém-nascida começa o mundo novamente.

-Anônimo-

Assim, a produção de leite aumentará de acordo com a quantidade que o bebê toma.

O segredo para saber se o seu bebê está tomando leite suficientemente, é prestar atenção em quantas vezes você tem que trocar as fraldas.

Se o pequeno molha a fralda frequentemente, é porque obviamente não está desidratado.

Ajustar as horas de sono

De acordo com especialistas, um recém-nascido pode dormir até 18 horas por dia.

Mas o que preocupa as mamães é que este estágio do sono não é contínuo. Os bebês costumam acordar em intervalos de duas a três horas para serem alimentados.

Lembre-se de que os bebês passavam grande parte do tempo dormindo enquanto estavam no útero, pois ali não havia diferença entre o dia e a noite.

Então, como fazer para ajustar as horas de sono?

O pediatra venezuelano Miguel Raga recomenda que as mães planejem um cronograma para amamentar o bebê a partir dos 15 dias após o nascimento.

A estratégia é acordar com o bebê às 6 horas da manhã para dar de mamar.

A partir dessa primeira mamada, o bebê deve ser alimentado em intervalos de três horas. A estratégia seria: 06:00, 09:00, 12:00, 15:00, 18:00, 21:00.

Após a última mamada, mais ou menos, às 21:00, o bebê poderá dormir mais horas seguidas e o seu sono será mais profundo.

Claro que não podemos esquecer que devemos dar do peito sempre que for necessário. Por isso, se ele acordar durante a madrugada você deverá atender às suas demandas.

Um recém-nascido pode chegar a dormir 18 horas por dia

O segredo para esse cronograma de alimentação é ser muito disciplinada para poder ver os resultados.

Várias mães declararam que com esse método seus bebês conseguiram dormir a noite toda a partir do segundo mês.

cuidados básicos

Evacuação

As primeiras fezes do bebê são muito escuras, entre uma cor esverdeada ou até mesmo preta.

Essa substância é chamada de mecônio e tem essa aparência porque é composto de muco e secreções que foram se acumulando no intestino da criança durante o desenvolvimento intrauterino.

Na primeira vez que seu filho evacuar, a fralda ficará coberta por uma substância viscosa e escura. Assim, não é preciso se preocupar. Isso é completamente normal.

O sistema digestivo do pequeno também irá se ajustando pouco a pouco. Alguns bebês têm duas evacuações diárias, enquanto outros podem passar 48 horas sem fazer nada.

Para ter certeza de que tudo está funcionando bem, tente anotar em um caderninho os horários em que o bebê defecou. Assim, será mais fácil contar ao pediatra com detalhes quando você o levar aos primeiros exames médicos.

Insistimos outra vez que um recém-nascido requer muitos cuidados básicos.

Nesta ocasião, nosso objetivo foi se concentrar nas necessidades básicas, já que são as principais preocupações das mamães que não poupam esforços para fazer um excelente trabalho.

Não deixe que as responsabilidades da maternidade te assustem. Confie em si mesma e em suas habilidades.

Garantimos que não há ninguém melhor do que você no mundo para cuidar do seu bebê.