Método Doman para ensinar as crianças a ler precocemente

16 de junho de 2018
Ler e escrever são as principais habilidades que diferenciam o homem de qualquer ser vivo. Essas duas atividades são as ferramentas principais para desenvolver o nosso intelecto. Por isso queremos te oferecer um guia prático do Método Doman. Com ele poderá ensinar o seu filho a ler a partir dos 8 meses de idade.

Efetivamente, um bebê pode começar a ser estimulado nas atividades relacionadas à leitura antes de completar um ano. Glenn J. Doman, criador do método mundialmente conhecido, o qual impressiona os pais que veem em seus filhos a capacidade de assimilar centenas de palavras em pouco tempo, acreditou nisso.

Outros pesquisadores garantem, inclusive, que o vocabulário dos bebês pode ser enriquecido a partir do primeiro mês de vida, através da leitura de histórias.

Pode ser que no começo não entendam o significado. Mas ao armazenar a informação não vai demorar muito para que consigam estabelecer as relações correspondentes entre as palavras e o mundo ao seu redor.

E é exatamente disso que se trata o método Doman: utilizar elementos cotidianos na vida da criança para ensinar qual é a representação de cada um em palavras por meio de algumas fichas ou pequenos cartazes que a ajudarão a estabelecer relações e memorizar como se escreve.

método Doman

Parece uma tarefa incrível, não é? Os mais incrédulos acharão que isso não é possível por causa do costume de ensinar o alfabeto para as crianças, antes das palavras. E essa é a diferença entre o método Doman e as outras estratégias; nas quais a aprendizagem tem como ponto de partida um conhecimento abstrato, como as letras.

A estratégia de aprendizagem do doutor Doman começa com o que é familiar, o que a criança conhece, depois passa para o abstrato. Com esta abordagem, aproveita-se corretamente a velocidade de percepção das crianças. Elas estão ansiosas por obter mais conhecimento e descobrir coisas novas.

O trabalho de Glenn J. Doman é reconhecido graças à implementação de uma rede de Institutos para o Desenvolvimento do Potencial Humano, com sede nos Estados Unidos, dedicados à estimulação de crianças e ao máximo aproveitamento de suas aptidões cognitivas, emocionais e físicas.

Mas vamos ver exatamente do que se trata o método Doman para que nossos filhos aprendam a ler precocemente.

Os segredos do método Doman

Pequenas doses de conhecimento. O método deve ser aplicado em pequenas sessões que não podem passar de 10 minutos. Se a criança ainda não completou um ano, o mais recomendável é dedicar apenas três minutos para ensiná-la.

O objetivo é não não deixar a criança entediada e manter seu interesse ativo. São realizadas três sessões diárias, e cada dia será incluído um novo grupo de palavras.

Pequenos detalhes que fazem a diferença. Se seu filho ainda não tem 18 meses, os cartões que você irá utilizar serão grandes (15 x60 cm), as letras serão de 12 cm de altura e sua espessura será de 2 cm. As palavras deverão ser impressas em vermelho, e você deverá colocar os cartões a 45 cm de distância de seu bebê.

Quando as crianças têm mais de um ano e meio, as fichas são um pouco menores (10 x 60 cm). As letras serão agora de cor preta e terão uma altura de 7,5 cm, a espessura será de 1 cm. Da mesma forma, você deverá posicioná-las a um metro de distância de seus olhos.

Não realize essa tarefa como uma obrigação. O tom divertido das sessões ajudará a manter a criança atenta e querendo aprender mais.

método Doman

Organização e disciplina

Estabeleça grupos de palavras (família, casa, partes do corpo) cada um deverá conter cinco palavras, uma em cada ficha. No primeiro dia, você irá mostrar ao seu filho uma categoria e, no segundo dia, deverá incluir outro grupo. Assim, teremos 10 cartões. No terceiro dia, você deverá adicionar outra categoria, para um total de 15 palavras.

Nos dias seguintes, você deverá somar um grupo por dia, até chegar ao quinto dia, quando teremos 25 palavras em três sessões diárias. No sexto dia, você deverá descartar o primeiro grupo de palavras para adicionar outro e manter os 25 cartões.

Dessa forma, cada grupo de palavras será apresentado ao seu filho durante cinco dias, em 15 sessões. É tempo suficiente para que decore cada uma delas.

Para começar você pode fazer 200 cartões, e com isso terá material suficiente para um mês de sessões. Lembre-se de que deve realizar três pequenas sessões diariamente e fazer com que sejam divertidas. É possível fazer em qualquer área da casa ou enquanto esperam no consultório médico, por exemplo.

Você e seu filho devem se divertir enquanto ele aprende.

Do familiar ao abstrato

Comece ensinando ao seu filho as palavras que definem o ambiente dele: mamadeira, papai, mamãe, água, cama, mão, nariz.

Depois de passar para as categorias relacionadas com o ambiente familiar, você pode incluir outras palavras associadas com outros ambientes, como o parque, a escola, a casa dos avós. Assim, pouco a pouco, você irá ampliando o vocabulário dele com nomes próprios, cores e tudo o que você imaginar.

Cada vez que você ensinar uma nova palavra, tente apontar ao seu filho de qual objeto você está falando. Assim, você o ajudará a criar associações e será ainda mais simples para ele aprender.

A ideia desse método é partir do familiar, do conhecido. Primeiro, para saber como se escrevem as palavras, até chegar ao abstrato, que é representado pelas letras e sons. Se seu filho conhecer como é uma palavra, será mais simples para ele entender o nome de cada letra e como se formam sílabas, palavras e frases.

Se você colocar em prática essas indicações, vai perceber que o método Doman não só será uma oportunidade para iniciar seu filho na leitura e na escrita. Também irá oferecer momentos para compartilhar e desfruta juntos, enquanto estimula sua inteligência. Não tenha medo de não saber como fazer, a confiança te ajudará a transmitir o conhecimento ao seu filho. Então, experimente!