Ninguém está preparado para o momento em que o bebê deixa de usar a fralda

29 de novembro de 2017

Quando a criança tem 2 anos de idade os pais começam a utilizar diferentes métodos para ajudar seu filho a deixar de usar fralda. Antes gastavam 6 fraldas por dia, mas começam pouco a pouco a diminuir o uso das fraldas. O desejo é que chegue o dia em que o bebê possa ir ao banheiro sozinho. No entanto, são poucos os pais que estão preparados com muita paciência para atender a esse processo. Trata-se de um trabalho que toma muito tempo, disposição e dedicação.

Devemos levar em consideração que é importante o conhecimento sobre o momento adequado para que você possa começar esse processo. A criança aprende devagar ou rapidamente, dependendo da idade; quanto mais novinha ela for, mais ela demora a aprender. Por essa razão é recomendável que você use métodos para que seu bebê deixe a fralda, quando ele estiver perto de completar dois anos de idade.

O momento de ir à escola se aproxima; como posso ajudá-lo a abandonar o uso da fralda?

Quando se aproxima o momento de a criança começar a assistir às aulas não é bom que você o pressione a abandonar a fralda. Antes desse período você pode começar a ensinar-lhe isso sem pressa, e se ele não aprender antes de começar as aulas, não se preocupe. A criança abandonará a fralda quando ela se sentir preparada, mas se você a pressionar não aprenderá.

Se começarmos a pressionar a criança na maneira como deve ser o processo de abandono do uso de fralda pode acabar sendo muito frustrante tanto para ela quanto para você. O importante é prestarmos atenção aos sinais que a criança apresentar a você de que está pronto para aprender a deixar de usar fralda. Consideremos que é mais comum que as crianças consigam controlar os músculos que controlam o fechamento do ânus, entre os 2 e 3 anos de idade.

Contudo, sabemos que as crianças não são iguais, algumas crianças começam a se sentir incomodadas com a fralda antes. Geralmente, elas tiram-na, seja porque sentem calor ou porque sentem incômodo; é nesse momento que você deve aproveitar a oportunidade. Esse é o momento de aplicar os métodos para que seu filho comece a fazer suas necessidades sozinho. Recomenda-se ficar muito atento ao procedimento que dá início ao abandono do uso da fralda, que segue três etapas.

  • Quando a criança avisa que fez xixi ou cocô na fralda.
  • Ela expressa ou anuncia o momento enquanto está fazendo suas necessidades.
  • Ela avisa antes de fazer.

Antes de tudo, abandonar a fralda exige meses de treinamento, por isso é preciso que você dedique muito tempo a esse processo. O momento ideal é aquele em que juntos possam descartá-la, em que ambos estejam tranquilos; sob pressão não será possível conseguir isso. Por essa razão é fundamental que no caso de existir pressão exercida pelos seus familiares ou pela professora da criança, para que abandone o uso da fralda, que você lhes explique os motivos pelos quais seu filho ou filha não abandonou o uso da fralda.

Um penico confortável para o seu filho

Um penico confortável pode ajudar a deixara a fralda

O penico é o objeto mais utilizado pelas crianças para que possam fazer suas necessidades de forma confortável. Fazê-las no vaso sanitário é complicado porque é muito alto para elas, além de ser perigoso. E o primeiro treinamento é com um penico, colocando-o no lugar onde a criança costuma ficar.

Você pode colocá-lo no banheiro e para que ele perca o medo você deve permiti-lo brincar com o penico. Mostre-lhe que é um assento e deixe-o se familiarizar com esse objeto para que perca o medo de usá-lo. Permita que ele inclua o penico como um dos objetos pessoais dele, e, então, utilizá-lo para fazer suas necessidades. No mercado existe uma vasta quantidade de modelos e cores divertidas, para que possa ser escolhido o penico ideal.

Abandonar o uso da fralda é mais fácil se…

  • Você escolher roupinhas fáceis de desabotoar. Nesses casos, você pode vesti-las em seu filho ou filha. Calças ou saias com elástico de borracha para que seja mais fácil de baixar a roupa sem que ele precise pedir sua ajuda para isso, e fazer as necessidades dele de maneira mais confortável.
  • Houver supervisão. Principalmente para saber se ele está fazendo algo errado. Por exemplo, se ele se sentir mal no penico ou não abaixou bem a calça, ele poderia se sujar.
  • Os pais forem os guardiões. Ajudá-lo a abandonar a fralda é tarefa dos pais, eles não devem permitir que as professoras imponham um hábito para o qual a criança não está preparada. Dê parabéns ao seu filho quando ele for capaz tentar aprender, já que para ele é um esforço e coloque na cabeça dele hábitos de higiene pessoal.