O que determina a qualidade do sêmen?

· 5 de agosto de 2018
Existem muitos fatores que influenciam na qualidade do sêmen, o que reduz ou aumenta a capacidade de fertilização. É vital cuidar do que você come para melhorar e manter a qualidade dele, além da sua saúde.

O sêmen é um líquido esbranquiçado que é expelido através da uretra e secretado pelos testículos durante a ejaculação. O objetivo do sêmen é a reprodução; ele atua como um condutor para transportar os espermatozoides para o órgão reprodutivo da mulher. Por essa razão, a boa qualidade do sêmen é vital para conseguir a fecundação.

Características do sêmen

Diz-se que o sêmen de boa qualidade deve ter as seguintes características:

  • Cor: deve ser esbranquiçado ou cinza.
  • Consistência: deve ser gelatinoso.
  • Cheiro: deve ser semelhante ao cheiro de cloro.
  • Sabor: devido ao seu teor de frutose, tende a ser doce.
  • Quantidade: o normal seria entre 1,5 e 5,0 mililitros.

Fatores que influenciam na qualidade do sêmen

Existem condições e fatores que podem afetar os aspectos acima mencionados do sêmen. Além disso, eles poderiam reduzir a probabilidade de alcançar a fecundação. Alguns são:

A idade

A qualidade do sêmen dependerá em grande parte da idade. Quanto mais velho um homem, mais sua fertilidade é reduzida.

Exercícios ou esportes radicais

Quando praticados em excesso, afetam a qualidade do sêmen. O uso de esteroides também pode influenciar da mesma maneira, ou até mais.

Entorpecentes

Incluem-se aqui o álcool, o tabaco e as drogas; estes narcóticos afetam consideravelmente a qualidade do sêmen, uma vez que reduzem a quantidade de espermatozoides. Além disso, o consumo de alguns medicamentos também pode influenciar.

Fatores que influenciam na qualidade do sêmen

Refrigerantes escuros

O consumo excessivo de refrigerantes escuros também está associado à qualidade e quantidade do sêmen.

Poluição do meio ambiente

A poluição industrial e suas consequências são mais perceptíveis em homens que vivem em grandes cidades industrializadas.

Esforço excessivo

O trabalho árduo ou pesado e o estresse contribuem para uma baixa contagem de espermatozoides. Se você está muito estressado, tente descansar e dormir a noite toda.

Doenças

Doenças como a pressão arterial, o colesterol e problemas cardíacos, entre outras, também afetam a qualidade do sêmen. Do mesmo modo, também as doenças sexualmente transmissíveis.

Contato com produtos químicos

A exposição à radiação e aos produtos químicos afeta gradualmente o órgão reprodutivo e a qualidade do sêmen.

Abstinência sexual

Isso significa não ter relações sexuais por um tempo prolongado. Portanto, tente manter uma vida sexual ativa.

O objetivo do sêmen é a reprodução; ele age como um condutor para levar os espermatozoides ao órgão reprodutivo da mulher”

Alta temperatura do corpo

Um fator particular que influencia significativamente a qualidade do sêmen é uma grande mudança na temperatura corporal. Portanto, diz-se que a febre muito recorrente ou prolongada no homem afeta a qualidade do sêmen.

Entretanto, o efeito da febre é apenas momentâneo, uma vez que a qualidade do sêmen retorna à sua normalidade tão logo a temperatura do corpo esteja estabilizada.

Evite qualquer situação que aumente a temperatura na área dos genitais. Por esse motivo, evite também:

  • Banhos quentes e saunas.
  • Equipamentos de informática e telefones celulares perto da parte inferior da cintura.
  • Usar calças e roupas íntimas apertadas. Recomenda-se que sejam de preferência de algodão e soltas no corpo.
  • Tente dormir sem roupa íntima, mantendo assim os testículos frescos.

É essencial ter espermatozoides forte e saudáveis; isso irá maximizar a fertilização. Pode-se consegui-lo com uma dieta equilibrada e saudável, tendo níveis adequados de cálcio e ejaculando regularmente.

Alimentos que poderiam melhorar o esperma

O que você come afeta a qualidade do esperma. Portanto, você deve incluir certos alimentos em sua alimentação.

Por exemplo, alimentos com alto teor de vitamina C, como a laranja, e alimentos que contêm vitamina E, que você pode encontrar em nozes e no azeite de oliva. Também é importante que você consuma alimentos ricos em vitamina A, como espinafre e cenoura.

Além disso, consuma alho; ele ajudará consideravelmente a produzir esperma, e a diminuir os níveis de colesterol e açúcar. Por outro lado, o zinco e o ácido fólico são essenciais; você os encontrará em sementes e ostras.

Os ômegas 3 e 6 são fundamentais para melhorar o esperma, uma vez que ajudam a amadurecer os espermatozoides. Eles estão presentes na linhaça, nos peixes e nas nozes. O selênio, em último lugar, irá te ajudar a secretar testosterona, melhorando a quantidade de esperma; ele pode ser obtido nos cereais integrais, nas sementes e nos frutos secos.

se você quer ser pai, tente levar uma vida saudável

Quais alimentos podem afetar a qualidade do sêmen?

Da mesma forma, existem alguns alimentos que afetam a qualidade do sêmen negativamente. Tente reduzir o consumo dos seguintes alimentos:

  • Carboidratos: são uma escolha ruim para a dieta de um homem, porque pioram a qualidade do sêmen.
  • Carnes vermelhas: não devem fazer parte da sua dieta, assim como as gorduras saturadas, especialmente as gorduras trans.
  • Fast food: incluindo batatas fritas, pipoca, pizzas, hambúrgueres, entre outros.

Em resumo, ter uma dieta saudável e equilibrada e incluir vegetais, peixes, frutas, cereais e carnes melhorará a qualidade do sêmen. Por outro lado, o consumo de álcool, drogas e tabaco, diminui a contagem de espermatozoides, e os poucos produzidos são de baixa qualidade.

Em conclusão, se você quer ser pai, tente levar uma vida saudável, sem estresse ou vícios. Ou pelo menos tente fazê-lo até atingir o objetivo da paternidade.