O que é o colostro?

· 22 de março de 2018
O líquido amarelado que algumas mulheres secretam durante o final da gravidez ou após o nascimento do bebê é conhecido como colostro. É uma substância essencial para os primeiros dias de vida da criança por muitas razões.

O colostro é um líquido amarelado produzido pelos seios das mulheres alguns meses antes e alguns dias após o parto. É uma substância com alto teor de proteínas e minerais.

O colostro é produzido porque as glândulas mamárias estão se preparando para gerar leite, que servirá como alimento exclusivo para o bebê durante os primeiros seis meses de vida.

Embora mulheres comecem a produzir o colostro nos últimos meses de gravidez, não se preocupe se não acontecer com você. Nesse caso, o colostro vai ser produzido quando o bebê nascer.

No começo, você vai notar que somente poucas gotas desse líquido vão ser produzidas. Não se preocupe. O bebê não precisa de mais do que isso pois o seu corpinho está apenas começando a funcionar. Além disso, a concentração de nutrientes é muito alta, por isso é um alimento muito eficiente.

Benefícios do colostro

O colostro é muito importante nos primeiros dias de vida do bebê. Faz parte da base da nutrição necessária nesta fase da vida, juntamente com o leite materno que vai ser incorporado na alimentação instantes depois.

As contribuições mais importantes para o organismo são:

  • É uma fonte excelente de vitaminas, minerais e calorias. Quase todos os nutrientes que o bebê precisa são encontrados nele em grande quantidade.
  • Oferece proteção contra doenças.
  • Estimula a eliminação das primeiras fezes, chamada de mecônio. São fezes verdes escuras, compostas por células epiteliais dos intestinos, água, lanugo, líquido amniótico e bile.

A concentração de nutrientes no colostro é muito alta, por isso é um alimento muito eficiente

5 perguntas frequentes sobre o colostro

1.- Quando se deve dar ao bebê?

Geralmente, o bebê se alimenta de colostro durante as primeiras 48 a 72 horas de vida. Se o parto for feito por cesariana, esse período pode ser estendido por mais algumas horas.

2.- Quando começa a ser produzido?

O colostro começa a ser produzido a partir do segundo trimestre da gravidez. É possível que, a partir daí a mulher perceba que suas roupas fiquem manchadas com pequenas quantidades de líquido amarelado, que é o colostro.

No entanto, a maioria das mulheres percebe a presença desse líquido somente nos últimos dias de gravidez ou mesmo após o nascimento. De qualquer forma, é um processo totalmente natural.

O colostro é muito importante nos primeiros dias da criança

3.- Quando se começa a produzir o leite materno?

A partir do terceiro dia de vida do bebê, a mulher notará que quantidade de colostro aumenta consideravelmente. Isso ocorre porque começa a produção do leite materno por causa da estimulação da sucção do bebê. Desse momento em diante o leite materno vai ser a principal fonte de alimento para o bebê.

4.- Qual é a cor do colostro?

Devido ao alto teor de betacarotenos, ele adquire um tom amarelado ou até alaranjado. Se, por outro lado, você perceber um certo tom rosa ou marrom no líquido, significa que pode ter misturado com sangue dos ductos mamários. Não se preocupe, mas é sempre melhor consultar um médico para esclarecer todos os tipos de dúvidas e riscos.

5.- Qual a quantidade que o bebê deve consumir de colostro?

Durante os primeiros dias de vida, o bebê deve ser alimentado sempre que apresentar sinais de fome. Por quê? Existem dois motivos principais: primeiro, porque isso gera a estimulação adequada no organismo da mulher para a produção de leite materno.

Em segundo lugar, deve-se considerar que, embora o bebê não tenha muitas necessidades nutricionais nos primeiros dias, ele precisa de nutrientes que são a base para o seu crescimento e amadurecimento, especialmente para o sistema imunológico.

O colostro é muito importante nos primeiros dias da criança

O que o colostro contém?

Como dissemos acima, o colostro é uma fonte indispensável de nutrientes para o bebê no início da vida. A seguir listamos os componentes mais importantes do colostro:

  • Aminoácidos: são fundamentais para o metabolismo da célula.
  • Hemoglobinas: permitem que o corpo se defenda contra infecções e ameaças.
  • Vitaminas: permitem o metabolismo regular de proteínas, gorduras e carboidratos.
  • Citocinas: contêm antivirais e ajudam na formação das articulações.
  • Leucócitos: contribuem para o sistema imunológico.

Além disso, o colostro contém muitos outros elementos essenciais para as várias funções do organismo. Entre eles, destacam-se os fatores de crescimento e imunidade.

Embora o colostro seja produzido em quantidades limitadas, desempenha um papel fundamental no crescimento do bebê recém-nascido nascido. É importante, portanto, reforçar a importância da amamentação no início da vida.