O que são as lêndeas e de que são feitas?

As dúvidas dos pais quanto ao tratamento para as lêndeas é uma das questões mais comuns no atendimento pediátrico. Vamos respondê-las no artigo a seguir.
O que são as lêndeas e de que são feitas?
Maria del Carmen Hernandez

Escrito e verificado por o dermatologista Maria del Carmen Hernandez.

Última atualização: 06 janeiro, 2022

As lêndeas podem estar presentes não apenas em crianças, mas também em adultos. Inclusive, até mesmo a localização pode variar de acordo com as diferentes idades das pessoas.

Hoje tentaremos responder a essas e outras questões relacionadas à natureza das lêndeas. Não perca!

O que são as lêndeas?

As lêndeas são os ovos que os piolhos adultos colocam na raiz do cabelo, perto do couro cabeludo. Muitas vezes são confundidas com a caspa, pois têm formato e cor semelhantes. No entanto, trata-se de entidades diferentes.

Acredita-se que um piolho adulto deposite cerca de 10 ovos por dia e, desde a postura até a eclosão das ninfas, passam-se em média 8 dias.

Este período pode variar em função das condições de temperatura ambiente ou da densidade e umidade dos cabelos. Em geral, as áreas onde as lêndeas são localizadas com maior frequência são as têmporas, a área atrás das orelhas e a nuca.

Os ovos embrionários têm um formato oval, com menos de 1 mm de diâmetro, aparência cinza e gelatinosa e geralmente são localizados muito próximos ao couro cabeludo. Por outro lado, as lêndeas que estão a mais de 1 cm da raiz do cabelo estão vazias e não são sinal de infestação ativa.

Composição dos ovos de piolhos

As lêndeas aderem à base dos cabelos graças às secreções da glândula acessória da fêmea do piolho. Trata-se de uma substância parecida com uma cola que se deposita e se solidifica rapidamente quando o ovo é posto.

A cola endurece imediatamente e forma uma estrutura que cobre e protege a lêndea, porém deixando um orifício aberto para o embrião respirar, chamado de opérculo. Anteriormente, acreditava-se que a composição molecular dessa estrutura era de quitina resistente, mas essa teoria foi refutada em estudos mais recentes.

Tratamentos para as lêndeas

Diante de uma infestação de piolhos, a primeira ação a ser tomada é eliminar as ninfas e os piolhos adultos. Uma vez completamente erradicados, é necessário proceder com a eliminação dos ovos incubados e vazios.

A remoção das lêndeas é dificultada pela sua forte aderência à haste do cabelo. Por esse motivo, esta é uma das etapas mais complicadas no tratamento da pediculose em crianças e adultos.

Existem várias opções terapêuticas que podem eliminar os ovos de piolhos com eficácia. Isso inclui alguns produtos de venda livre, medicamentos com prescrição e remédios naturais. No entanto, não existem produtos naturais recomendados pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) para o tratamento das lêndeas.

Por exemplo, as soluções caseiras com óleo de melaleuca ou vinagre não mostraram uma resposta eficaz o suficiente para resolver esse problema.

As cascas das lêndeas presas aos fios de cabelo após o tratamento bem-sucedido da infestação são um problema estético. Para tratá-lo, são comercializados vários produtos que afirmam ajudar a dissolver a cola, digeri-la com enzimas ou fazê-la deslizar do cabelo.

A verdade é que, atualmente, não foi comprovada a eficácia de nenhum remédio caseiro para a remoção de lêndeas e piolhos.

A importância do pente fino

A erradicação completa das lêndeas só pode ser obtida com o uso de um pente de dentes estreitos, finos e pouco espaçados, chamado de pente fino. Os mais recomendados são os de metal, pois capturam melhor os piolhos e seus ovos e deslizam facilmente.

Detectar as lêndeas não é uma tarefa fácil, pois requer um exame cuidadoso da região do couro cabeludo com luz suficiente, enquanto se passa o pente de metal. O melhor é que isso seja feito da base do cabelo úmido para fora, examinando o cabelo mecha por mecha, principalmente nas áreas atrás das orelhas, na nuca e sob a franja.

As lêndeas podem permanecer presas ao cabelo por muito tempo se não forem removidas fisicamente. De acordo com as recomendações dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), é necessário remover todas as lêndeas após o tratamento com pediculicida para considerar a infestação como eliminada.

Menina com pediculose

As lêndeas são mais do que uma infecção

Embora o prognóstico para piolhos e lêndeas seja bom, esse problema pode causar sofrimento social, isolamento e vergonha nas crianças.

Portanto, mesmo que as lêndeas não sejam contagiosas, é melhor tentar eliminá-las e removê-las completamente para evitar essas situações angustiantes. Afinal, elas geralmente limitam os pequenos na formação de vínculos com outras pessoas e fazem com que fiquem expostos a comentários infelizes.

Pode interessar a você...
É bom lavar o cabelo das crianças todos os dias?
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
É bom lavar o cabelo das crianças todos os dias?

Existem muitos mitos sobre se lavar o cabelo das crianças todos os dias é bom ou não. Veja se as especulações são verdadeiras.



  • Burgess IF. How long do louse eggs take to hatch? A possible answer to an age-old riddle. Med Vet Entomol. 2014 Jun;28(2):119-24. doi: 10.1111/mve.12026. PMID: 24987776.
  • Brunton ER, Whelan IP, French R, Burgess MN, Burgess IF. Head louse egg and nit remover-a modern “Quest for the Holy Grail”. PeerJ. 2019 Apr 15;7:e6759. doi: 10.7717/peerj.6759. PMID: 31024767; PMCID: PMC6472470.
  • Preguntas frecuentes sobre el tratamiento de los piojos. [Internet] Disponible en: https://www.cdc.gov/parasites/lice/head/es/informativa/preguntas_tratamiento.html
  • Meister L, Ochsendorf F. Head Lice. Dtsch Arztebl Int. 2016 Nov 11;113(45):763-772. doi: 10.3238/arztebl.2016.0763. PMID: 27974145; PMCID: PMC5165061.