Os benefícios da meditação em sala de aula

4 de fevereiro de 2019
A meditação está cada vez mais presente na sala de aula. Neste artigo, falamos sobre os benefícios dessa prática inovadora recreativa e educacional.

As crianças não se sentem tão sobrecarregadas por tantos preconceitos, barreiras ou ideias preconcebidas quanto os adultos. Por isso, elas têm uma vantagem quando se trata de praticar a meditação.

Com efeito, essa atividade no ambiente escolar envolve muitos benefícios para os alunos. Portanto, neste artigo vamos descobrir os benefícios da meditação na sala de aula.

Antes de mais nada, devemos ter em mente que a meditação é um exercício tanto mental quanto físico. Os alunos que se esforçam e praticam a atenção plena na sala de aula desfrutam de seus inúmeros benefícios de curto e longo prazo.

A meditação pode desempenhar um papel importante como parte do ensino regular. Ela permite que os alunos aumentem sua autoconsciência, além de também ajudar a enxergar novas perspectivas.

A prática da meditação requer apenas comprometimento. Afinal, é necessário dedicar apenas 10 minutos por dia e ter um pequeno espaço para se sentar ou ficar em pé confortavelmente.

Devemos levar em consideração que a meditação não é apenas para adultos. As crianças e os adolescentes também podem aproveitar os seus benefícios. Inclusive, pesquisadores confirmaram que a meditação na sala de aula ajuda os alunos a ficarem mais focados e calmos. Ou seja, também oferece a oportunidade de aprender a relaxar e refletir.

Quais são os benefícios da meditação em sala de aula?

Em seguida, vamos dizer quais são os benefícios da meditação em sala de aula:

1. Maior foco

A meditação aumenta a capacidade de concentração por períodos de tempo maiores. Da mesma forma, ensina as crianças que é possível direcionar sua atenção.

Isso beneficia os alunos de várias maneiras, incluindo a capacidade de prestar atenção nas aulas por mais tempo e, assim, melhorar a retenção de conteúdo.

Os benefícios da meditação em sala de aula repercutem em várias áreas da vida.

2. Incentiva a compaixão e a autoestima

As crianças às vezes sentem que não conseguirão passar em uma prova devido a pressões e circunstâncias que estão além do seu controle. Isso pode ser difícil, especialmente quando é repreendida ou maltratada pelos outros.

Felizmente, a meditação pode reforçar os sentimentos de segurança, empatia e estabilidade interior das crianças. Isso, por sua vez, gera compaixão, alegria e maior autoestima entre os alunos.

3. Melhora o bem-estar psicológico

O terceiro benefício da meditação na sala de aula é que a sua prática melhora a atenção das crianças e reduz os problemas de internalização tais como o medo, a não integração em grupos sociais, a ansiedade e a depressão.

Dessa forma, melhora o bem-estar psicológico delas, como confirmado por vários estudos científicos.

4. Reduz o estresse

A meditação proporciona às crianças um tempo necessário para descansar física, mental e emocionalmente, afetando todo o sistema nervoso de forma direta. Isso porque reduz a produção de substâncias químicas relacionadas ao estresse, como o cortisol.

Além disso, a meditação diminui o consumo de oxigênio, a frequência cardíaca, a frequência respiratória e a pressão sanguínea.

5. Melhora a memória

Essa habilidade permite que os alunos retenham mais informações. Isso é essencial para obter melhores resultados nas provas e, assim, passar em diferentes provas.

Além do mais, uma boa memória significa uma maior capacidade de combinar ideias e pensamentos diferentes ao mesmo tempo. Portanto, essa é uma habilidade útil para conduzir conversas e raciocínios inteligentes e interessantes.

A meditação ajuda a controlar o estresse.

“A meditação aumenta a capacidade de concentração por maiores períodos de tempo. Da mesma forma, também ensina às crianças que é possível direcionar sua atenção “

6. Melhor controle das emoções

Especialistas certificam a relação entre desequilíbrio emocional e os resultados negativos na escola. Felizmente, como você deve ter notado, um dos benefícios da atenção plena é que ela reduz o estresse e a ansiedade.

Como se isso não bastasse, a meditação também ajuda os estudantes a administrar melhor as emoções. Isso tem um impacto positivo nos resultados acadêmicos.

Em suma, ter um tempo para os alunos relaxarem mentalmente é essencial para melhorar o comportamento.

Tendo em conta que as crianças e os jovens se encontram em situações de estresse frequentemente, a meditação é uma maneira de se reunir e focar seus pensamentos.

Sem sombra de dúvida, programar um horário para parar e meditar é positivo, tanto para alunos quanto para professores. Então, por que não dar uma chance a esse método de relaxamento?

  • Tang, Y.-Y., Ma, Y., Wang, J., Fan, Y., Feng, S., Lu, Q., … Posner, M. I. (2007). Short-term meditation training improves attention and self-regulation. Proceedings of the National Academy of Sciences. https://doi.org/10.1073/pnas.0707678104
  • Napoli, M., Krech, P. R., & Holley, L. C. (2005). Mindfulness training for elementary school students: The attention academy. Advances in School Mental Health Promotion. https://doi.org/10.1007/s10802-010-9418-x