Os ensinamentos são lembrados por toda a vida

27 de dezembro de 2018
Quando pensamos na educação de nossos filhos, muitas dúvidas e incertezas vêm à nossa mente.

Mesmo quando não refletimos a respeito e simplesmente agimos: recorro a um conselho, ensaio uma promessa ou simplesmente mostro pelo exemplo? Tudo o que importa é deixar ensinamentos.

Assim como afirmado no título do artigo, os ensinamentos são recordados por toda a vida e se transformam no legado que você deseja transmitir aos seus filhos para que esses valores te tornem imortal e continuem sendo passados de geração em geração.

Mas é aqui que vale recordar a tão acertada frase de Howard G. Hendricks: “O ensino que deixa pegadas não é o que se faz de cabeça a cabeça, mas de coração para coração”. É como afirmava Oscar Wilde, “o melhor meio para fazer bons filhos é fazê-los felizes”.

Por que deixar ensinamentos capazes de se imortalizar?

A importância de deixar esses ensinamentos marcados a fogo no coração das crianças está relacionada ao fato de que, a partir do momento em que você se torna mãe, assume a enorme responsabilidade de educar os homens e as mulheres que carregam a bandeira do futuro.

Não se trata apenas de causar um bom impacto no mundo, mas, sim, do que as crianças causarão.

Se você quer viver num mundo melhor, comece por educar melhor os seus filhos. Para isso, lembre-se de que o ditos são esquecidos, enquanto os ensinamentos são os que perduram por toda a vida.

os ensinamentos

Precisamente sobre este tema, Benjamin Franklin costumava declarar Diga-me, e eu esquecerei; me ensine, e eu lembrarei; me envolva e eu aprenderei.

E isso ocorre justamente quando queremos introduzir as ferramentas para que nossos filhos empreguem em sua vida cotidiana adulta.

Pois, como diriam nossos mais velhos, ninguém pode tirar de nós o que sabemos, aprendemos e/ou vivemos. Isso é o que nos dá a possibilidade de viver em paz e entender a importância de ser uma pessoa boa e nobre, “com um coração intacto”.

Os ensinamentos que não esquecemos

Muitas pessoas entram e saem de nossas vidas de repente. Mas apenas algumas nos deixam ensinamentos que podem nos formar e mudar por completo nossas vidas.

Uma dessas pessoas, de impacto crucial na personalidade da criança e na forma como ela se moverá pelo mundo, é a mãe.

Toda mamãe compartilha com seu filho uma conexão privilegiada, já que o viu crescer e mudar desde o primeiro dia de vida, pois conhece como ninguém os seus gestos, ideais e desejos.

No entanto, a missão que acompanha a maternidade é transmitir ensinamentos que os pequenos acolham dentro de si.

A seguir, compartilhamos lições transmitidas por nossas mães e que foram tão impossíveis de esquecer que as ensinamos aos nossos pequenos durante sua educação sem duvidar delas nem por um segundo.

os ensinamentos

  • Não há beleza mais real que a da alma.
  • O amor verdadeiro é incondicional em qualquer circunstância.
  • É com os erros que se aprende: precisamos canalizar os equívocos em nosso futuro modo correto de agir.
  • Acreditar em si mesmo é a única e melhor maneira de chegar longe, ignorando o que os demais pensem de você e aceitando críticas para melhorar.
  • Assumir mudanças para melhor não deve provocar medo, e sim vontade de se superar.
  • A perseverança é um elemento crucial para conseguir cumprir nossas metas, que não conhecem tempo e prazos, e sim satisfação, orgulho e felicidade.
  • Demonstrar as emoções faz bem, tanto a nós mesmos quanto àqueles que nos rodeiam.
  • Chorar, por dor física ou da alma, não é indigno, mas sim o que te liberta, seja menino ou menina.
  • Todos temos o direito a fazer o que desejamos, sem importar qual a idade ou o gênero. Você pode ser o que quiser nessa vida, não existe o impossível. Se esforce para isso!
  • O respeito pelo próximo é o segredo para viver em paz.
  • Dar é o primeiro passo para ser feliz, mas lembre-se sempre de que a caridade começa em casa.
  • As palavras e as boas ações resolvem os problemas que agravam a força e a vingança.

Arme o seu pequeno com ensinamentos para enfrentar a vida

Como toda mãe, você quer que seus filhos sejam felizes até o último dia da vida.

Por isso, educá-los para que sejam pessoas de bem e que tracem seu caminho com plenitude nos motiva a deixar a eles ensinamentos de todo tipo.

Assim como afirmava Karl A. Menninger, “o que dermos às crianças, elas darão à sociedade”.

Ademais, não se esqueça que Hesíodo considerava que “a educação ajuda a pessoa a aprender a ser o que é capaz de ser”.

Com o que você ficará então: ditos ou ensinamentos? E você, quais outros tipos de ensinamentos absorveu de seus pais e ainda hoje recorda e respeita?