Por que eu não consigo engravidar?

· 8 de maio de 2019
Se você está tentando engravidar mas não consegue, certamente saberá como isso pode ser frustrante. Neste artigo, vamos analisar algumas das causas que influenciam a impossibilidade de conceber.

Se você está querendo engravidar mas não consegue, você deve considerar que isso pode acontecer devido a fatores como, por exemplo, a alimentação, o estresse ou outros problemas nos seus órgãos reprodutivos. A seguir, vamos analisar algumas das causas mais comuns.

Embora possa parecer fácil engravidar, principalmente para os casais que são surpreendidos por uma gravidez não planejada, a concepção é, na verdade, um processo muito complexo.

Certamente, mesmo que você já tenha tido uma gravidez bem-sucedida antes, você também pode ter dificuldade para engravidar novamente. E isso pode afetar até mesmo as mulheres mais jovens, saudáveis e férteis, o que significa que elas têm poucas chances de conceber com sucesso a cada ciclo.

Por que eu não consigo engravidar?

Se você tiver dificuldades para engravidar, recomendamos que você tente manter a calma e não se deixe levar pela frustração. Estamos cientes de que isso não é nada fácil, mas saber lidar com a situação é uma das coisas mais importantes para superá-la.

Há muitas razões pelas quais os casais podem ter dificuldade para conseguir engravidar. No entanto, não há uma resposta única para cada um desses problemas.

Por isso, nesses casos, o mais recomendável é consultar um médico. Felizmente, a maioria dos problemas de infertilidade pode ser identificada e tratada de forma eficaz.

Além disso, se você está lutando para engravidar, deve ter em mente os obstáculos mais comuns que você vai enfrentar e o que você pode fazer para superá-los.

Causas pelas quais você não consegue engravidar

Estas são algumas causas surpreendentes que influenciam para que uma mulher não consiga engravidar:

1. Não fazer exercícios

Quanto mais exercícios você fizer, menos gordura corporal você terá, o que tornará mais fácil ter um bebê. No entanto, da mesma forma, ter pouca gordura corporal pode implicar que você tenha um ciclo irregular.

Outro dos benefícios mais notáveis do exercício é que ele libera endorfinas que, por sua vez, te dão mais energia. Sem dúvida, ao ter mais energia, é mais provável que você tenha relações sexuais com uma maior regularidade, mas isso também significa que o corpo não precisará se esforçar tanto para permanecer ativo.

Causas pelas quais você não consegue engravidar

O exercício também alivia o estresse. Se você já está tentando ter um bebê há algum tempo, é possível que se sinta irritada, estressada e deprimida. Nesse sentido, o exercício é ideal para deixar esses sentimentos negativos de lado.

2. Não ter uma dieta balanceada

Para funcionar da melhor forma, o corpo precisa de uma dieta balanceada. Isso não significa eliminar toda as junk foods ou seguir uma dieta rigorosa. Você simplesmente deve comer de tudo com moderação e optar por alimentos saudáveis.

Certamente, se você quiser engravidar, deve se certificar de obter todas as vitaminas e minerais de que você precisa. Inclusive, existem certos alimentos que realmente aumentam a sua fertilidade, tais como peixes e grãos integrais.

3. Não ovular

A síndrome do ovário policístico, que pode causar ciclos menstruais irregulares e um aumento nos hormônios masculinos, afeta entre 5 a 10% das mulheres e é uma das razões mais comuns pelas quais elas não ovulam. Além disso, ter sobrepeso, obesidade ou problemas de tireoide também podem afetar a ovulação.

“Felizmente, a maioria dos problemas de infertilidade pode ser identificada e tratada de forma eficaz.”

4. Anormalidades das trompas de Falópio

As trompas de Falópio de uma mulher podem ficar bloqueadas ou serem danificadas por uma gravidez ectópica prévia, uma cirurgia ou uma doença pélvica inflamatória. Esse problema pode impedir os espermatozoides de alcançar o óvulo.

Na maioria dos casos, as mulheres não sabem que têm problemas com as trompas até tentarem engravidar. Principalmente porque geralmente não há sintomas.

5. Útero anormal

Um útero anormal causa uma maior probabilidade de aborto espontâneo. Além disso, também causa um maior risco de outras complicações durante a gravidez e o parto.

Devido ao fato de que o útero tem uma forma incomum, o bebê pode ficar em uma posição sentada ou transversal. Se isso acontecer, a mulher será aconselhada a fazer uma cesariana planejada.

Além disso, se o útero for menor do que a média, é possível que o bebê fique sem espaço. Isso significa que a bolsa pode estourar antes de o bebê chegar a termo, o que levaria ao nascimento prematuro. Se o bebê nascer muito cedo, ele pode precisar de cuidados adicionais.

Útero anormal

6. Endometriose

A endometriose é um distúrbio no qual o tecido que normalmente reveste o útero, chamado de endométrio, cresce fora da cavidade uterina e pode se fixar na parede externa do útero, dos ovários e das trompas de Falópio.

Certamente, os ovários são responsáveis por liberar um óvulo a cada mês e as trompas de Falópio transportam o óvulo dos ovários até o útero.

Quando qualquer um desses órgãos está danificado, bloqueado ou irritado pelo endométrio, pode ser mais difícil engravidar. A idade, a saúde e a gravidade da doença também afetam as chances de conceber um bebê.

Por fim, se você não consegue engravidar e está preocupada, recomendamos que você fale converse com o seu médico.

Como regra geral, a maioria dos especialistas em fertilidade considera que, se a mulher tiver menos de 35 anos de idade, ela deve esperar um ano antes de procurar ajuda profissional. No entanto, se for mais velha, deve consultar um médico após 6 meses.