Como promover o valor da honestidade em seu filho

9 de agosto de 2017

Nós sabemos a importância de poder confiar em alguém. O tempo nos faz aprender a apreciar o precioso diamante que é a honestidade, um valor que devemos promover e incentivar em nossos filhos.

A honestidade é uma virtude que se aprende na prática diária. Porém, além de aprendê-la e praticá-la, o que é realmente necessário para nós pais, é que devemos cultivá-la em nossos filhos com a mesma dedicação que um jardineiro cuida da mais bela rosa de seu jardim.

Se sabemos cuidá-la, essa rosa ou esse diamante que é a honestidade nesses tempos, sempre se destacará entre as muitas mentiras que ouvimos de uma maneira excessivamente natural nestes dias.

Porque seu anjinho começou a mentir?

Quando as crianças começam a falar não sabem dizer mais do que a verdade. Eles sempre são honestos, por isso devemos destacar esse valor neles. No entanto, e por muitas razões, esses mesmos anjinhos que sabiam somente dizer a verdade, começam a ser desonestos. Uma das principais razões, provavelmente, seja porque aprendem que ao dizer mentiras podem evitar as consequências de suas ações.

Também podem começar a mentir para ganhar favor dos demais, ou porque descobrem que pode ser a maneira de conseguir a recompensa que estão procurando.

A verdade é que os motivos são muitos. Contudo, avaliando todas as razões, é fácil notar que na maioria dos casos, as crianças aprendem a ser desonestos pela atitude dos demais, especialmente dos adultos. Por isso, antes de censurá-los ou castigá-los, é necessário nos avaliarmos para saber se é preciso mudarmos alguns de nossos atos.

Cultive a honestidade no coração de seu filho

É muito difícil ter nossos filhos em uma caixa de cristal para que se conservem tão puros e inocentes como nasceram, e as vezes nem sequer aprendem a mentir em casa, senão na escola; mas além de castigos, seu bebê precisa que cultive e explique a importância da honestidade.

Até agora, mais importante que retaliar, é ensinar-lhes a valorizar a verdade. Também é importante refletir que frequentemente as crianças são desonestas, não confiam nos demais, e a desconfiança é o pior sentimento que pode ter um filho diante do modelo educativo que lhes impõem seus pais e professores.

Falar sobre a honestidade quando começa a detectar que o bebê está mentindo, é mais do que necessário, pois lhe ajudará a corrigir a tempo o problema que representa para o ser humano ser desonesto.

Seja qual for a circunstância, comece a falar com seu filho sobre o tema, explique como seus problemas sempre podem ser resolvidos de uma forma melhor se forem honestos. 

A honestidade se aprende com exemplo

Se as crianças observam os adultos contar mentiras, esconder coisas, ou que as vezes os usam de cúmplices para cobrir seus comportamentos desonestos, seja qual for o motivo, então estão aprendendo que a honestidade é algo relativo e que qualquer coisa vale, enquanto não descubram sua mentira.

Por isso, evite a todo custo fazer seu filho como cúmplice de mentiras, por mais simples que seja, como dizer que não está em casa quando se está e sobretudo, não ficar justificando que disse alguma mentira como se ela participasse de um jogo.

Nós pais, devemos ser os mais honestos possível, devemos manter nossa palavra e dar-lhes valor à palavra dita e cumprir as promessas feitas.

Dar o exemplo é fundamental se queremos explicar as crianças o valor das promessas e pedir que sejam honestos. Só assim você terá base para não tolerar que seu filho não cumpra suas promessas, e explicar a importância de cumpri-las.

Se seu filho é honesto e diz a verdade com frequência, também é importante cultivar essa virtude, reforçá-la e parabenizá-lo por sua eleição. E se alguma vez falhar, como é natural em nós seres humanos, tenha em mente que a melhor medida a ser tomada é corrigir seu comportamento; o fato de que seu filho opte por dizer a verdade na próxima situação deveria ser símbolo de que ele compreendeu seu erro.

Continuando… é verdade que cuidar desse diamante chamado honestidade não é uma tarefa fácil, porém nós pais temos um papel de liderança em desenvolvimento com nossos filhos, que serão os adultos de amanhã, os que podem transformar esse mundo que às vezes nos torna tão viciados; por esse motivo e para facilitar nossa tarefa, vamos levar em conta esses conselhos tão úteis que nos ajudam a transmitir valores e incentivar a honestidade em nossos filhos.

Fale com seu filho sobre o valor da honestidade e a verdade. Explique que as pessoas que mentem não são confiáveis, e aqueles que se não são confiáveis, nem sempre são bem recebidos por outros.

Ensine com exemplo e faça com que toda a família seja honesta. Se insiste em ensinar-lhes o valor da honestidade em todos os membros da família, seu filho aprenderá esse valor desde muito novo.

Explique a seu filho o que é a integridade e como ela influência em sua vida diariamente; que a integridade significa que as pessoas podem acreditar quando se fala algo. Em outras palavras, o valor antiquado de ‘’sua palavra é seu laço’’ ainda é extremamente importante.

● Supervisione-o enquanto brinca com outras crianças. Ensine-o a compartilhar brinquedos e o valor do jogo limpo. Ensine ao seu bebê sobre como jogar limpo, isso o ajudará para que se torne um adulto direito.

Ensine seu filho como ser um bom amigo. Explica-lhe a diferença entre um verdadeiro amigo e os conhecidos. Ensinando seu filho como ser um bom amigo, também estará inculcando o valor da fidelidade e do respeito.

Faça com que a criança se sinta responsável se fez algo errado. Explique o que é que ele fez de errado, e porque está errado. Ensine que suas ações têm consequências. Essa é uma lição valiosa para todos, e ajuda com que a criança pense nas consequências de seus atos antes de terminá-los.

Ainda que às vezes tenhamos dificuldade ou não saibamos como, sempre devemos transmitir e incentivar valores em nossos filhos, tenha paciência e encontrará maneiras mais adequadas para você e seus filhos. Sobretudo, tenha sempre em mente que ao fazê-lo estará preparando sua raiz para enfrentar o mundo real com a maior honestidade possível, o qual sempre jogará a seu favor.

Além de saber que semear e cultivar valores que crescerão fortemente enraizados no coração de seu filho irá ajudá-lo a confiar em seu julgamento. Se fizer isso, sempre confiará que onde quer que esteja, ele estará bem e será uma boa pessoa.