Queda de cabelo após o parto: o que fazer?

· 14 de junho de 2018
Infelizmente, a alopecia pós-parto é bastante comum e afeta metade das mulheres no mundo todo. Embora seja reversível, é melhor agir rapidamente para evitar a queda de cabelo. Vamos tratar desse assunto no artigo a seguir.

Durante os nove meses de gravidez o corpo da mulher passa por muitas mudanças hormonais para atender às necessidades do bebê que cresce dentro dele. As mudanças que o corpo da mulher sofre tanto durante a gravidez quanto depois podem afetar a saúde dos cabelos. Por isso a seguir vamos dar algumas dicas para lidar com a queda de cabelo após o parto.

Durante o primeiro trimestre da gravidez, o cabelo começa a perder força e passa a cair. Apesar disso, ele recupera a vitalidade no segundo e terceiro trimestre e fica mais brilhante e volumoso.

No momento do parto, entretanto, o nível de hormônios entra em colapso e muitas vezes pode desencadear a queda de cabelo. Felizmente, essa forma de alopecia é reversível, mas deve ser bem tratada.

Antes de oferecer algumas dicas para evitar que isso aconteça e manter o cabelo bonito, vamos descobrir as razões que provocam a queda de cabelo após o parto.

Causas da queda de cabelo após o parto

Existem vários motivos para a queda de cabelo após o parto que podem ser patológicas. Além da alteração hormonal, a queda de cabelo pode ser consequência do estresse e de sérias deficiências nutricionais.

O estrogênio, hormônio feminino que é essencial para ter uma gravidez saudável, também atua na estrutura capilar, deixando-o mais bonito e brilhante. Contudo, o cabelo perde a vitalidade quando a concentração desse hormônio diminui após o parto. Esta queda do estrogênio também influencia o ciclo capilar.

Além disso, o estresse devido à mudança de vida que ocorre após o nascimento do bebê pode afetar a mãe. Para combater a tensão nervosa causada por situações de estresse permanente, o corpo aumenta a produção de androgênios. Esse distúrbio hormonal provoca uma mudança na estrutura do cabelo que, consequentemente, acaba caindo.

O cansaço e as deficiências de nutrientes essenciais, como o ferro, também são responsáveis pela queda de cabelo após o parto. O nascimento do bebê é acompanhado por uma perda significativa de sangue. Isso causa uma diminuição na taxa de ferritina no corpo da mulher, resultando em cansaço e falta de vitalidade do cabelo.

Não usar muito o secador pode ajudar na queda de cabelo após o parto

6 dicas para combater a queda de cabelo após o parto

A primeira coisa que é preciso fazer durante este período é mudar o estilo de vida. A seguir vamos sugerir alguns métodos para combater a queda de cabelo após o parto.

1.- Siga uma dieta equilibrada

Ter uma alimentação equilibrada é um dos principais fatores que influenciam a saúde do cabelo. Seguir uma dieta rica em frutas e verduras protege o folículo piloso e impede a queda, principalmente se incluir alimentos que contenham antioxidantes e flavonoides. Além disso, é importante beber bastante água ou líquidos para hidratar o corpo e o cabelo.

2.- Tome suplementos nutricionais

Além de uma alimentação rica em frutas e verduras, é aconselhável tomar suplementos vitamínicos de biotina ou vitamina B e C. A vitamina E, assim como as vitaminas B3, B5 e B7, estimulam a raiz e fortalecem a fibra capilar.

3.- Use shampoo e condicionador adequados

Verifique os ingredientes que estão na composição do shampoo para escolher um que não seja agressivo e tenha um pH adaptado ao couro cabeludo para uso diário.

Quando for aplicar o shampoo na hora do banho, procure massagear o couro cabeludo em vez de esfregar. Dessa forma você ativa a microcirculação. Pelo mesmo motivo, você deve escolher também um condicionador adequado.

“Além da alteração hormonal, a queda de cabelos pode ser consequência do estresse e de sérias deficiências nutricionais”

4.- Não maltrate o seu cabelo

Não use secador de cabelo ou chapinha em excesso. Ao fazer isso, você corre o risco de danificar a raiz e antecipar a queda de cabelo.

Seque o cabelo a uma distância de mais ou menos 20 centímetros e evite temperaturas muito altas. Além do mais, evite as tinturas ou outros produtos que enfraquecem o cabelo, principalmente após o parto.

5.- Trate seu cabelo com delicadeza

Use produtos que proporcionem densidade e e fortaleçam a textura do seu cabelo. Considere remédios caseiros que nutram o couro cabeludo.

Além disso, seque e penteie com delicadeza. Evite esfregar com a toalha a fim de evitar danificar ou enfraquecer os fios. Tenha em mente que o uso prolongado de apliques, presilhas ou elásticos também intensificam a perda de cabelo.

Maneiras de prevenir a queda de cabelo após o parto é controlando o estresse

6.- Controle o estresse e a fadiga

Por fim, a vida de uma mãe pode ser exaustiva. A falta de sono e as preocupações com o bebê são fatores particularmente estressantes, e como resultado, podem acentuar a queda de cabelo após o parto.

Em suma, se você tiver sofrido com a queda de cabelo após o parto é uma boa oportunidade para começar a se cuidar e planejar algumas horas por semana para relaxar. Pode ser o momento ideal para ter uma reunião com as suas amigas ou um jantar romântico com seu parceiro.