Sinais do bebê que exigem cuidados imediatos do pediatra

27 de setembro de 2018
Quando se é mãe pela primeira vez, tudo pode parecer alarmante e as consultas com o pediatra podem ser constantes. Neste artigo, vamos falar sobre alguns sinais do bebê que exigem cuidados imediatos do pediatra.

É claro que se algo te preocupa, a primeira coisa que você deve fazer é procurar o pediatra para tirar suas dúvidas e saber se seu bebê está bem.

No entanto, hoje falaremos sobre alguns sinais que você deve conhecer porque, se acontecerem com seu bebê, você deve procurar o pediatra imediatamente.

Sinais do bebê que exigem cuidados imediatos do pediatra

Mãos e pés muito frios

Se os pés e as mãos de seu bebê estiverem frios, você deve colocar a mão em seu peito e observar. Se estiver quente e cor de rosa, então nada está acontecendo.

O sistema circulatório do bebê ainda está em desenvolvimento, e o sangue se desvia mais frequentemente para os órgãos e sistemas vitais, porque é onde mais precisa. Por isso, as mãos e os pés são as últimas partes do corpo que recebem um bom suprimento de sangue.

Os bebês podem levar até três meses para que a circulação se adapte completamente à vida fora do útero. Assim, é comum que os pequenos fiquem com as mãos e os pés mais frios do que o normal.

À medida que o bebê começa a se movimentar mais, a circulação melhora. Mas procure o pediatra se os lábios dele estiverem roxos e não esquentarem de nenhuma maneira.

cuidados imediatos do pediatra

Sangue na fralda

Os mesmos hormônios maternos que causam a inflamação nos testículos e lábios também são responsáveis por fazer com que a secreção vaginal de uma menina possa vir acompanhada de sangue.

Não se preocupe se você ver uma pequena mancha de sangue na fralda de sua pequena nas primeiras semanas de vida.

Isso dura apenas alguns dias nas meninas bebês. Às vezes, parece que o sangue na verdade pode se concentrar na urina. Assim, a urina vai parecer mais escura na fralda.

Mas se o sangue for vermelho brilhante ou houver muita quantidade, então você deve procurar o pediatra o mais rápido possível.

Bolhas nos lábios

Muitos recém-nascidos desenvolvem bolhas na boca por sugar muito a mamadeira ou o seio da mãe.

Em alguns casos, a bolha também ser aparecer se o bebê tiver chupado o polegar no útero ou ao nascer.

Será formado um calo ou uma bolha nos lábios que deverá desaparecer em pouco tempo. Caso contrário, você deve procurar o pediatra para encontrar a melhor solução possível.

cuidados imediatos do pediatra

Diarreia

Quando bebês com menos de três meses têm diarreia, podem correr o risco de desidratar. Por isso, se seu bebê tiver diarreia, é muito importante que você procure o pediatra o mais rápido possível. Mas é preciso saber diferenciar o que é diarreia e o que não é.

Os bebês amamentados geralmente têm fezes líquidas, de cor amarelo mostarda e sem nenhum formato definido. Os bebês que são alimentados com leite de fórmula podem ter mais movimentos intestinais e a cor das fezes pode ser um pouco mais escura, mas ainda terá uma consistência entre líquida e mole.

Há bebês recém-nascidos que defecam uma dúzia de vezes por dia. Enquanto outros apenas o fazem algumas vezes por semana. O que importa é que o bebê ganhe peso e não tenha dor de barriga ou inchaço.

Às vezes, pode ser difícil distinguir os movimentos normais do intestino causados por diarreias. Especialmente se você estiver amamentando seu bebê.

Normalmente, bebês que são amamentados podem defecar após cada refeição. O melhor é conhecer o bebê e saber o que é normal ou não para ele (frequência, volume, consistência…). Se algo mudar, você deve entrar em contato com o pediatra.

Frente a uma situação inusitada, não tenha dúvidas…

Se nenhum desses sinais ocorrer, mas você percebe que algo não está normal, não fique com dúvida: procure o pediatra.

Se você acha que seu bebê chora muito, se ele tem uma cor de pele incomum ou uma aparência escamosa, se ele espirra muito ou respira de forma estranha… Enfim, se você tiver qualquer outra preocupação, procure o pediatra e tire suas dúvidas.