Terçol nas crianças: o que fazer e como curar?

· 23 de dezembro de 2017

O terçol coça e dói. Poucas coisas incomodam mais do que ter um terçol no olho, seja nos adultos ou nas crianças. O lado positivo dessas inflamações é que o tratamento é simples e geralmente não tem muitas complicações. Nesse artigo vamos dar algumas dicas sobre o tratamento e a prevenção de terçol nas crianças.

O terçol não passa de uma inflamação na pele. No entanto, é um tormento tanto para as crianças que sofrem com isso quanto para as mães. Não importa quantas vezes você fale para a criança não coçar, ela vai acabar coçando e piorando ainda mais a situação. Bom, quem já teve um terçol sabe da tortura que é.

Mas… O que exatamente é um terçol? Terçol é o nome popular do hordéolo e se trata de uma pequena inflamação com pus que se localiza na raiz dos cílios. A inflamação ocorre nas glândulas sebáceas (que produzem gordura) ou nas glândulas sudoríparas (que produzem suor). Estas glândulas são responsáveis por produzir uma substância líquida que lubrifica os olhos.

O terçol pode aparecer tanto na parte superior ou na parte inferior da pálpebra. Essa inflamação pode levar ao calázio, que é maior e mais profundo.

O terçol ou hordéolo pode ser externo ou interno. O hordéolo interno, como o próprio nome sugere, ocorre abaixo da pele e não é visível, mas a dor é a mesma. Esse tipo também demora mais para sarar pois tem menos capacidade de drenagem.

Os sintomas do terçol são: vermelhidão e inchaço da pálpebra, coceira, dor ao toque, olhos lacrimejantes e, finalmente, uma erupção com pus.

Na  maioria dos casos, o terçol desaparece sozinho

Causas de terçol nas crianças

O terçol é uma infecção causada por bactérias estreptocócicas e estafilocócicas. Ao contrário do que se pode pensar, não está relacionado com qualquer tipo de carência no organismo da criança. Essas bactérias já vivem no corpo e, eventualmente, podem causar uma obstrução nas glândulas sebáceas dando origem ao terçol. Isso pode ocorrer com sebo velho, células mortas da pele ou bactérias que já estavam ali.

como tratar terçol em crianças

Como tratar o terçol nas crianças

Apesar de o terçol geralmente desaparecer sozinho, a seguir estão algumas recomendações para ajudar a acelerar o processo de cura e aliviar os sintomas:

  • Aplique compressas de água quente na área inflamada. Faça isso de 10 a 15 minutos, 3 ou 4 vezes ao dia.
  • Se preferir, as compressas podem ser feitas com chá de camomila pois ajuda a reduzir a inflamação e a dor.
  • O pediatra pode indicar uma pomada ou um colírio para aplicar no olho infeccionado.
  • Se a criança usa lentes de contato, é preciso trocar por óculos comuns até a infecção desaparecer. Ao usar as lentes novamente, limpe-as com uma solução adequada.

Normalmente o terçol demora de 3 a 7 dias para desaparecer. Se não sarar neste tempo, consulte um médico pois o problema pode agravar. Em alguns casos, pode ser necessário uma pequena incisão para drenar a infecção. Esse procedimento é feito com anestesia local e não requer sutura.

O aparecimento de um terçol não está relacionado a qualquer tipo de carência no organismo da criança

O que NÃO fazer para tentar curar o terçol nas crianças

Quando se trata de curar o terçol nas crianças, talvez o mais importante a se fazer é não tentar curar à força. Veja 3 coisas que não devem ser feitas:

  • Não apertar. Se você tentar estourar, pode causar uma infecção maior.
  • Não esfregar. Certifique-se de que a criança não coce a área inflamada. Coçar só vai piorar ainda mais a infecção.
  • Não aplicar pomada ou produtos sem recomendação médica. Por causa da proximidade com o olho, é uma área bastante sensível. O uso de produtos sem conhecimento pode piorar ainda mais o problema.
terçol em crianças pode incomodar muito

Como prevenir o terçol nas crianças

A maneira mais eficaz de evitar o terçol nas crianças é manter uma boa higiene diária. A criança deve lavar bem as mãos. Se ela já teve terçol antes, é aconselhável limpar a gordura que se acumula na área das pálpebras de vez em quando.

É essencial limpar bem as mãos antes de manusear lentes de contato por causa do contato direto com os olhos ao colocá-las. Para os adultos, é aconselhável remover toda a maquiagem antes de dormir. É importante também verificar sempre o estado do rímel, delineador e sombras, especialmente se não tiverem sido usados por um longo período de tempo.

Além disso, é preciso lembrar que a pessoa com terçol não deve compartilhar objetos pessoais que tenha contato com os olhos como, por exemplo, toalhas, travesseiros ou óculos de sol, etc…