Vamos ao parquinho! Os benefícios de cada um dos brinquedos

18 de julho de 2018
É comum levarmos os nossos filhos ao parquinho apenas por lazer e diversão. Mas quase nunca percebemos o estímulo que cada brinquedo pode produzir neles.

Em um parquinho existem muitos brinquedos, cada um com um propósito. Mas não é muito comum pararmos para pensar na importância deles. Veja a seguir os benefícios dos brinquedos que geralmente encontramos nos parquinhos!

Os brinquedos num parquinho podem ser muito benéficos, sobretudo porque proporcionam para a criança a oportunidade socializar e mudar de ambiente. No entanto, cada um dos brinquedos separadamente pode ser uma fonte de grandes benefícios para os pequenos.

Existem alguns brinquedos que estimulam a coordenação, outros o exercício físico ou as duas coisas ao mesmo tempo. Dessa forma, enquanto as crianças se divertem, podem ser estimuladas em diferentes aspectos da vida, visto que aprendem, se exercitam e melhoram suas capacidades físicas e mentais.

O parquinho e seus benefícios

Para começar a descobrir o quanto os brinquedos do parquinho estimulam as crianças, vamos primeiramente determinar qual é o benefício que cada brinquedo proporciona ao seu desenvolvimento pessoal.

Os benefícios que os parquinhos oferecem para as crianças podem ser tanto físicos quanto psicológicos e sociais porque foram projetados conscientemente para incentivar essas áreas.

Benefícios Físicos

Cada um dos brinquedos que podem ser encontrados nos parques infantis contribuem em grande medida para o desenvolvimento físico das crianças, já que foram planejados para fortalecer cada uma das suas extremidades.

Também são ideais para manter as crianças ativas durante todo o tempo, o que está relacionado aos exercícios cardiovasculares, que são benéficos para o organismo.

ao parquinho

Benefícios psicológicos

Entre as várias vantagens e benefícios oriundos dos brinquedos projetados para os parques infantis, podemos ressaltar os que estão relacionados ao aspecto psíquico das crianças, pois de alguma forma sua contribuição é significativa e é possível ver os resultados em pouco tempo.

  • Autoconfiança e autoestima. Os brinquedos encontrados nos parques infantis contribuem para melhorar a autoestima das crianças, já que elas podem chegar a enfrentar seus próprios medos e dominá-los. Além disso, é cientificamente comprovado que os brinquedos projetados para espaços fechados estimulam a criatividade.
  • Benefícios mentais. Muitos estudos comprovaram que os brinquedos projetados para os parques infantis são de grande importância, já que estimulam a parte motora e sensorial do pequeno organismo da criança.

Dessa forma, os resultados gerados são positivos devido ao fato de que durante o período de divertimento são criadas mais conexões entre os neurônios, melhorando notavelmente a capacidade mental.

Benefícios sociais

Ao levar nossos filhos aos parquinhos, estamos ajudando os pequenos a entrarem em contato com outras crianças. Dessa forma, fomentamos a superação do medo de grupo e, consequentemente, facilitamos o desenvolvimento da criança dentro de um grupo.

Além disso, nos parques infantis as crianças chegam a aprender e exercitar o autocontrole quando têm que esperar até que algum brinquedo fique livre para poder usar.

ao parquinho

Benefícios de cada um dos brinquedos

  1. A casinha. Ensina a criança a participar de brincadeiras que envolvem troca de papéis, além de ajudá-la a exercitar a parte média do corpo, especificamente o quadril, que permite a criança pular de um lado para o outro. Além disso, incentiva a explorar as áreas desconhecidas do lugar.
  2. O roda-roda. Foi projetado para exercitar e fortalecer os braços, visto que a criança deve mover seus companheiros. Da mesma forma contribui para aumentar a força e a coordenação daqueles que devem se segurar para não cair.
  3. O tobogã ou o escorregador. Esse tipo de brinquedo ajuda as crianças a melhorar o equilíbrio, a praticar a noção de segurança e de proteção devido ao medo que ela pode ter de cair. Ainda que muitos não acreditem, exercitam a postura ao descer em diferentes posições, o que é útil para melhorar a leitura.
  4. A gangorra. Favorece os sentidos porque permite experimentar diversas sensações no momento de acelerar, frear, subir, descer e esticar as pernas. Além disso contribui para que exercitem e fortaleçam as costas. Dessa forma, melhora a postura quando sentados.
  5. O balanço. Beneficia os sentidos, graças o movimento que exercem sobre as crianças, e contribui para melhorar a postura. Também serve para identificar e melhorar o nível de tolerância das crianças ao movimento, já que por não o utilizarem muito, as crianças geralmente ficam enjoadas em veículos em movimento.
  6. O trepa-trepa. Contribui para a melhora do equilíbrio dos braços e das pernas. Além disso, a nível psicológico, incentiva o desenvolvimento da escrita, leitura e da aprendizagem matemática.

Ampla gama de benefícios

Tendo em vista os brinquedos que normalmente encontramos nos parques, podemos estabelecer que os benefícios do uso se encontram na divisão do espaço com as outras crianças, na manutenção do brinquedo e no divertimento saudável. Ou seja, seu uso adequado em condições normais.

Brincar no parque traz inúmeros benefícios físicos e mentais às nossas crianças, contribui para o seu desenvolvimento mental e pessoal. Da mesma forma, é uma excelente opção para o lazer e para que as crianças possam se distrair de uma maneira saudável e que beneficia seu próprio organismo.