6 sinais do surgimento do primeiro dentinho

30 de maio de 2017

O surgimento do primeiro dente do bebê é, sem dúvidas, um momento emocionante para os pais. Em algumas situações, pode acabar sendo angustiante para os pequenos e para os adultos também. Por isso, esse processo pode ser vivido de maneira estressante e pode parecer eterno.

Há uma quantidade importante de sinais que detectam a chegada desse acontecimento. Do mesmo modo, existem dicas para superar esse momento da melhor forma possível. Seja como for, uma vez que o primeiro dente aparece, o nascimento dos outros é mais fácil. Pois, vão aparecer como se fosse mágica comparado com o primeiro.

Esse processo conhecido como dentição infantil começa geralmente aos 7 meses. No entanto, há muitas exceções a essa regra. Muitos bebês já nascem com um dente, ou aos dois ou três meses suas gengivas já começam a rasgar para dar lugar aos primeiros dentinhos. Ao mesmo tempo, há aqueles que passam o primeiro aniversário com um sorriso desdentado.

Sinais do surgimento do primeiro dente

São vários os sinais que podem indicar o surgimento do famoso primeiro dente. Você acha que o primeiro dentinho vai aparecer no sorriso do seu bebê? Pois então, conheça os 6 sinais que vão lhe ajudar a descobrir se esse momento tão bonito está próximo:

primeiros dentinhos

  • Baba abundante. É um dos sinais mais claros de que o início do processo de dentição se aproxima. No entanto, isso não implica necessariamente que vai começar imediatamente. A solução para esse inconveniente não é outro, se não munir-se de uma boa quantidade de babadores e toalhinhas.
  • Feridas e tosse. Como resultado do excesso de saliva o bebê pode apresentar algum tipo de irritação nas mãos e no rosto. Essa questão pode ser resolvida ao manter ambas as regiões secas. Paralelamente, a criança pode apresentar um pouco de tosse, sem excessos.
  • Irritabilidade e insônia. Os incômodos que provocam tanto a grande quantidade de saliva como o mal-estar nas gengivas tornam muito comuns esses sinais da dentição. Tenha muita paciência, pois esse primeiro dentinho pode deixar até mesmo o bebê menos simpático, ou com um péssimo humor.
  • O pequeno coloca tudo na boca. Quando você vai dar o peito, seu pequeno tenta morder? Isso indica que a criança quer realizar alguma pressão nas gengivas para sentir um pouco de alívio. Por outro lado, se além disso você notar que ele está colocando tudo na boca…bingo! Estamos frente a frente com o surgimento do primeiro dentinho. Ao morder, o bebê sente um pouco de alívio da dor, então as mãos, a roupa ou qualquer tipo de objeto vai ser levado à boca. Preste atenção aos objetos que seu bebê morde para evitar infecções, intoxicações e asfixias.
  • Possíveis diarreias. É muito mais comum do que você imagina. E é resultado dos objetos que o bebê leva à boca. Ou seja, não está tão ligado ao processo de dentição em si. No entanto, caso o sintoma persista, é conveniente é absolutamente necessário consultar seu pediatra de confiança o quanto antes. Pois pode ser um sinal de outro tipo de infecção.
  • Mudanças de qualquer tipo no estado de espírito. Alguma das mudanças no comportamento e no humor das crianças pode chegar a assustar, e muito. O bebê pode apresentar letargia, se mostrando uma criança apática devido à dor e à sensação de incômodo. Pelo contrário, outros bebês podem se mostrar mais ativos e em estado de alerta. Nesse caso, a criança vai tentar fazer qualquer coisa capaz para espantar seu mal-estar. É tão verdade que muitas crianças chegam ao ponto de puxar suas orelhas ou o cabelo.

Surgimento do primeiro dentinho: como agir?

primeiro dentinho

Qualquer um desses seis sinais podem anunciar o surgimento do primeiro dentinho. Pois, antecipam o começo do chamado processo de dentição. No entanto, como agir nesse caso? O que fazer para acalmar a criança frente a esses incômodos?

Como sempre, nada melhor que recorrer ao pediatra de confiança com o qual o bebê se consulta frequentemente. Somente assim o especialista vai poder confirmar sua hipótese ou interpretar esses sinais como sintomas de outra manifestação. Evidentemente, a opinião do especialista vai trazer tranquilidade, pois você vai saber o que está acontecendo com seu pequeno e vai poder encontrar uma forma de aliviar o sofrimento dele.

Caso fique comprovado que se trata do primeiro dentinho é possível que o pediatra receite algumas gotinhas de remédio. Elas têm o objetivo de amenizar as dores nas gengivas. No entanto, com certeza o médico vai pedir para que você as utilize na proporção adequada.

Por outro lado, o mais provável é que ele sugira a utilização de géis e mordedores para aliviar os incômodos do pequeno. Você vai perceber que, dessa forma, esse processo vai se mostrar mais tranquilo para todos. E não vai haver nada mais bonito que esse novo sorriso simpático repleto de pérolas branquinhas.