6 truques para que seu filho seja bilíngue antes dos 6 anos

· 25 de julho de 2017

As crianças durante seus primeiros anos de vida têm uma grande plasticidade cerebral que não se deve ignorar. Absorvem a informação de seu entorno de forma que muitos adultos invejam, já que aprendem as coisas rapidamente. Esta plasticidade cerebral os ajuda a aprender idiomas quase como por mágica, algo imprescindível para poder falar outro idioma além do nativo.

Muitos pais e mães sabem desta facilidade das crianças para aprender em seus primeiros anos de vida, e por isso aproveitam para colocar seus filhos em escolas infantis de idiomas, ou os incentivam a falar em dois idiomas dentro de casa, se têm a oportunidade de poder fazê-lo. Por exemplo, um progenitor pode falar no idioma nativo e o outro, em outro diferente.

Parece que ser bilíngue está na moda, e os idiomas na vida atual são muito importantes para o futuro das pessoas.

Os adultos que dominam idiomas terão mais probabilidades de conseguir um bom cargo de trabalho ou desenvolver projetos próprios da melhor forma, do que se não tem essa facilidade do idioma. Por isso, muitos pais se esforçam para que seus filhos dominem mais de um idioma.

Mas, para que as crianças aproveitem esta plasticidade cerebral e possam absorver toda a informação que necessitam para aprender outro idioma, deverão considerar alguns truques.

Os pais são os responsáveis do aprendizado de seus filhos, e por isso é necessário considerar tudo o que for necessário para melhorar e reforçar esta aprendizagem de idiomas. Mas, como consegui-lo?

Truques para que seu filho seja bilíngue antes dos 6 anos

  1. Quanto antes melhor

Se você quer que seu filho seja bilíngue e domine vários idiomas, não espere que passem os anos para inculcar-lhe um novo idioma em seu vocabulário habitual. Quanto antes comece é muito melhor. Os bebês a partir dos 3 meses podem diferenciar os idiomas, e entre os 3 e 9 anos de idade é a idade perfeita para aprender novos idiomas.

Se você quer que seu filho aprenda novos idiomas  é melhor fazê-lo de forma natural, igual como faz com sua língua nativa.

  1. Ouvir todo dia esse idioma

Seja inglês, francês ou qualquer outro idioma que você queira que seu filho aprenda, terá que conscientizar-se de que ele deverá ouvi-lo diariamente desde bem pequeno.

Desta forma ele poderá familiarizar-se com a fala deste idioma. Há muitas formas para certificar-se de que ouça o idioma: canções, desenhos, contos, jogos, etc… Somente escolha a forma na qual seu filho se diverte e presta mais atenção.

  1. Formação acadêmica

Nem todo o mundo tem a oportunidade de colocar seus filhos em escolas bilíngues de renome, mas você pode optar por uma escola pública que ofereça sua educação de forma bilíngue. Mas se esta opção não é compatível com seu estilo de vida, então pode colocar as crianças em aulas particulares, escolas, ou diferentes tipos de cursos de idiomas.

  1. Atividades extracurriculares

Atualmente se oferecem muitas atividades extracurriculares nos centros educativos ou centros de recreação que podem ser muito divertidas para as crianças. Podem ser aulas de expressão corporal, teatro em inglês, jogos de mesa… O que importa é que as crianças associem o idioma com diversão, desta maneira aprenderão de boa vontade o novo idioma e além disso lhes parecerá um grande entretenimento.

  1. Familiares ou amigos que conhecem o idioma

Se você tem familiares ou amigos que conhecem o idioma que você quer que seus filhos aprendam, convide-os para inculcar esse idioma em teus filhos.

Tente manter conversações neste idioma com seus familiares e amigos, mas principalmente, envolva seus filhos para que eles também se sintam partícipes na aprendizagem e nas conversações. Assim aprenderão que podem se comunicar também em outros idiomas.

  1. Atividades divertidas em casa

Lógico, a aprendizagem em casa também é uma boa ideia para que seus filhos se familiarizem com o novo idioma, e que além de divertir-se, você poderá compartilhar tempo de qualidade em família.

Prepare atividades divertidas para trabalhar esse idioma, como por exemplo: fazer cartões de felicitações, escrever histórias com esse idioma, gravar alguma história para depois ouvi-la, etc… São muitas as idéias que você fazer para desfrutar.