A importância das rotinas familiares

· 14 de dezembro de 2017

Os integrantes de uma família organizada, geralmente, trabalham com a sincronia de um bom time, cuja filosofia busca sempre ajudar um ao outro.

Certamente, a palavra rotina serve para indicar aspectos tanto positivos quanto negativos do comportamento. Por exemplo, uma rotina diária de exercícios pode ajudar na saúde, mas ao mesmo tempo a rotina com o seu companheiro pode levar um casamento ao divórcio.

Como você pode perceber, a fronteira entre “o bom” e “o mau” quando se fala de rotinas familiares e de outros aspectos da vida diária é muito tênue. Por isso sempre é necessário prestar atenção tanto aos excessos de relaxamento quanto de rigidez.

As rotinas familiares são boas

É muito importante estabelecer rotinas familiares saudáveis, já que elas ajudam a obter resultados positivos na criação dos filhos. Além disso servirão para que as crianças aprendam hábitos saudáveis desde pequenas.

Também é preciso que todo casal que esteja começando uma família procure que seus filhos desenvolvam rotinas diárias que incentivem todos os integrantes a trabalharem focados em conseguir a mesma meta.

A ideia é não sobrecarregar nenhum membro da família. O ideal é que as tarefas e as responsabilidades sejam divididas de maneira igualitária segundo as capacidades e habilidades de cada um.

É essencial que as rotinas sejam cumpridas todos os dias – ou na maioria deles -, e para conseguir isso os pais devem ter força de caráter, já que é muito fácil postergar e dar chances para a procrastinação.

O equilíbrio sempre é o segredo

O maior desafio será estabelecer rotinas que mantenham um bom equilíbrio entre a desordem que acontece quando não se tem rotinas e a rigidez que geralmente aparece quando se impõe muitas regras.

A importância das rotinas familiares

A desordem e a intermitência são os principais obstáculos de uma família que luta para manter rotinas familiares saudáveis. Se a intenção é que todos no lar caminhem no mesmo sentido, é preciso priorizar a necessidade de ter hábitos constantes para todos.

Também é vital saber quando é necessário flexibilizar o horário ou o cumprimento das rotinas. Existem dias em que é humanamente impossível cumprir todas elas. Por isso pequenas mudanças ajudarão a família a trabalhar com menos estresse.

Algumas estratégias

Organize os deveres e os horários dos integrantes da família, mas sobretudo tente fazer com que eles sejam cumpridos. Para conseguir isso, você pode fazer uma reunião familiar e mostrar um esquema dos deveres diários de cada um. Esse esquema pode ter um horário ajustado à disponibilidade de cada integrante da família. Fazer isso ajuda a organizar o lar de maneira integral.

A importância das rotinas familiares

Escolha um lugar visível da casa para realizar esse esquema ou compre um pequeno quadro para desenhar e anotar os diferentes deveres de cada membro.

“A igualdade é a chave, mas mais ainda é que todos cumpram com seus deveres sem desculpas. Tenha em mente que a desordem e a intermitência são os principais obstáculos de uma família que luta para manter rotinas familiares saudáveis”

O desenvolvimento das crianças melhora com as rotinas diárias

  • Uma maneira simples de ajudar no desenvolvimento do seu filho é avisá-lo com antecedência das suas tarefas diariamente.
  • Se você notar que no início a criança não consegue lidar muito bem com os seus deveres, ajude-a de alguma maneira. Além disso ajude-a um pouco todos os dias a organizar a roupa e outras coisas para o dia seguinte.
  • Pela manhã ajude-a a se manter alegre e positiva. Se você notar que ela está um pouco desanimado ou com sono, ajude-o a se preparar e prepare um café da manhã nutritivo.

“A disciplina é outro aspecto que se alimenta de maneira positiva quando se estabelecem rotinas familiares saudáveis”

Nunca esqueça que o objetivo principal das rotinas familiares é manter a ordem e aproveitar ao máximo a disponibilidade de tempo de cada integrante. Ter isso me mente ajuda a criar um equilíbrio entre as tarefas de casa e os deveres externos.