Como saber se meu filho precisa de vitaminas

Às vezes, a dieta das crianças é insuficiente no aporte de vitaminas e minerais. Essa carência pode trazer sérios problemas de saúde aos quais você deve ficar atenta.
Como saber se meu filho precisa de vitaminas

Última atualização: 06 Outubro, 2021

É correto pensar que seu filho precisa de um suprimento maior de vitaminas em um determinado momento ou circunstância.

Por exemplo, dependendo da época do ano, do seu nível usual de atividade física ou de uma situação que gere estresse. Esses são alguns fatores que aumentam a demanda por tais nutrientes. E se essa demanda não for satisfeita, o estado de saúde da criança pode ser afetado negativamente.

Porém, antes de oferecer um suplemento vitamínico ao seu filho, é sempre aconselhável consultar um especialista. Esses produtos não devem ser administrados sem a recomendação de um profissional de saúde, pois o excesso de vitaminas também é contraproducente.

Sinais de que uma criança precisa de vitaminas

A seguir, vamos mostrar quais são os sinais que nos permitem identificar carências de vitaminas nas crianças.

Sistema imunológico enfraquecido

menina bebê lenço tecido frio frio catarro rinite das vias aéreas superiores

Quando uma criança fica doente de forma recorrente, isso indica que algo não está funcionando como deveria. Alguns nutrientes, como a vitamina C, desempenham um papel importante na fisiologia do sistema de defesa (sistema imunológico). Isso é evidenciado por um estudo publicado na revista Nutrients.

Por isso, se uma criança começa a adoecer com facilidade, é importante avaliar se há algum déficit nutricional que precisa ser corrigido.

Pele pálida

As alterações na cor da pele são um dos sintomas mais óbvios de falta de vitaminas ou minerais.

Por esse motivo, se for detectada alteração no tom da pele do rosto ou se a criança tiver olheiras com frequência, é importante considerar a existência de alguma deficiência de ferro ou vitamina B12.

Boca rachada

A deficiência de vitaminas pode se manifestar pelo aparecimento de rachaduras nos cantos dos lábios. Esse é um sintoma comum de desidratação. Portanto, é necessária uma avaliação nutricional completa para determinar a causa do problema.

A falta de vitaminas B pode provocar esse tipo de dano à pele, como acontece quando a criança recebe um suprimento inadequado de zinco ou ferro.

Feridas que não cicatrizam

De acordo com pesquisas publicadas na revista Nutrition in Clinical Practice, a vitamina A desempenha um papel decisivo na cicatrização de feridas. Junto com a vitamina C, ela tem um papel importante na fisiologia do colágeno.

Quando alguma dessas duas vitaminas está abaixo dos níveis esperados no sangue, isso se manifesta como um atraso na cicatrização de feridas. Além disso, podem aparecer hematomas frequentes na pele, no caso de um leve traumatismo ou batida.

trauma ferida ferida na pele joelho escoriação de sangue cura criança bebê

Erupções cutâneas vermelhas por falta de vitaminas

Qualquer mudança significativa na aparência da pele tem um significado e geralmente está associada a problemas alimentares que devem ser corrigidos.

Quando aparecem erupções vermelhas, é necessário avaliar a contribuição do zinco na dieta da criança. Um suprimento suficiente desse nutriente é obtido com o consumo regular de carnes vermelhas, ovos e chocolate amargo.

Formigamento nas extremidades

A sensação de formigamento nas extremidades pode indicar deficiência de vitaminas, mais especificamente do grupo B, que interferem na sinalização nervosa e na firmeza dos músculos.

Quando ocorre um suprimento inadequado de vitamina B, uma leve sensação de agulhadas pode ocorrer por todo o corpo, principalmente nas extremidades.

A falta de vitaminas em crianças causa sintomas perceptíveis

Conforme discutido, quando uma criança sofre de deficiência de vitaminas, os sintomas são bastante significativos. Os mais frequentes são os que mencionamos, mas déficits graves podem condicionar o desenvolvimento de patologias complexas, como anemia ou alguns distúrbios neurológicos.

Em qualquer caso, diante de mudanças no aspecto da pele, no comportamento, na vitalidade ou nos hábitos da criança, é aconselhável consultar um especialista. Por meio de uma avaliação nutricional correta, pode-se determinar se o fornecimento de nutrientes é suficiente ou não.

Nos casos em que o déficit for confirmado, o especialista poderá indicar um suplemento nutricional, além de fazer ajustes na dieta. No entanto, esse produto deve ser dosado corretamente de acordo com a idade e a condição da criança em questão.

Pode interessar a você...
Quais vitaminas devo tomar regularmente durante a gravidez?
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
Quais vitaminas devo tomar regularmente durante a gravidez?

Os suplementos vitamínicos consumidos na gestação também são conhecidos como vitaminas pré-natais. Você sabe quais vitaminas tomar durante a gravid...



  • Carr, A. C., & Maggini, S. (2017). Vitamin C and Immune Function. Nutrients, 9(11), 1211. https://doi.org/10.3390/nu9111211
  • Zinder, R., Cooley, R., Vlad, L. G., & Molnar, J. A. (2019). Vitamin A and Wound Healing. Nutrition in clinical practice : official publication of the American Society for Parenteral and Enteral Nutrition, 34(6), 839–849. https://doi.org/10.1002/ncp.10420