10 remédios caseiros contra acne durante a gravidez

Durante a gravidez, o corpo passa por muitas mudanças devido às alterações hormonais. A acne é uma delas e aqui vamos explicar como controlá-la.
10 remédios caseiros contra acne durante a gravidez

Última atualização: 10 Novembro, 2021

A acne é uma das doenças de pele mais comuns no mundo, afetando cerca de 85% dos adultos jovens. A fase da gravidez não é uma exceção e, para tratá-la durante esse período, os remédios caseiros são uma boa opção. Porém, muitos deles não possuem respaldo científico, por isso é importante tomar alguns cuidados. Compartilhamos 10 alternativas úteis, tome nota!

A acne em mulheres grávidas

Muitas mulheres desenvolvem acne durante a gravidez, principalmente durante o primeiro e segundo trimestres, pois o aumento dos hormônios estimula o crescimento das glândulas sebáceas.

Como resultado, as glândulas cutâneas estimuladas produzem uma maior quantidade de sebo, que pode obstruir os poros e causar inflamação, crescimento excessivo de bactérias e erupções cutâneas.

Todas essas mudanças costumam ser temporárias e desaparecem após o pós-parto, quando os hormônios voltam ao normal.

Adolescente com acne nas costas, uma das dermatoses mais comuns em adolescentes.

Remédios caseiros para a acne

A acne durante a gravidez é um dos motivos que mais leva as mulheres a buscarem remédios caseiros para gerenciá-la ou preveni-la.

De acordo com um estudo realizado na Arábia Saudita, 77% das pessoas com acne procuram tratamentos alternativos em algum momento de suas vidas. Por esse motivo, compartilhamos a seguir algumas opções interessantes.

1. Máscaras faciais

As máscaras faciais têm a propriedade de combater as bactérias na pele ou reduzir a inflamação, que são dois dos fatores mais importantes que desencadeiam o aparecimento da acne.

Seu uso é recomendado periodicamente, a cada 15 dias, como um importante complemento à rotina de cuidados com a pele.

2. Suplementos de zinco

O zinco é um dos nutrientes essenciais para a produção dos hormônios, para o crescimento celular, para o funcionamento do sistema imunológico e para o metabolismo.

Alguns estudos publicados na revista Cutaneous and ocular toxicology indicam que pessoas com acne tendem a ter níveis séricos baixos desse elemento no sangue.

3. Óleo da árvore do chá

O óleo da árvore do chá é um óleo essencial que vem das folhas de Melaleuca alternifolia, uma espécie minúscula de origem australiana.

Esse produto tem a capacidade de reduzir a inflamação da pele e combater as bactérias. Como sua apresentação é um concentrado muito poderoso, recomenda-se diluí-lo antes de aplicá-lo na superfície da pele.

4. Chá verde

O chá verde possui grande quantidade de antioxidantes e seu consumo é muito benéfico para a saúde. Uma das vantagens do seu consumo é que ajuda a reduzir os surtos de acne.

Segundo algumas publicações da revista Antioxidants, os polifenóis contidos no chá verde favorecem a redução da inflamação e a eliminação das bactérias da pele.

5. Hammamelis

A hamamelis é originária de um arbusto norte-americano (Hamamelis virginiana) e possui importantes propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas, devido ao seu alto teor de taninos.

Não é recomendada apenas para o tratamento da acne, mas também para diferentes condições de pele, como caspa, eczema, queimaduras, hematomas e picadas de insetos.

6. Aloe vera

O gel de aloe vera é um componente amplamente utilizado na fabricação de cremes, loções, sabonetes ou pomadas. Portanto, seu uso é muito frequente para tratar erupções, escoriações, queimaduras ou outras doenças comuns da pele.

Esse produto natural contém enxofre e ácido salicílico, substâncias muito utilizadas no tratamento de lesões de acne.

Você pode estar interessado: 10 benefícios da rosa mosqueta na gravidez

7. Esfoliações regulares

A esfoliação é o procedimento que elimina a camada mais superficial da pele e para isso podem ser utilizados produtos químicos ou equipamentos (como a ponta de diamante).

Durante a gravidez,  é recomendada uma esfoliação suave com cremes com microgrânulos ou mecânica para remover as células que obstruem os poros. Isso favorece o controle da acne.

8. Dieta balanceada com alimentos de baixa carga glicêmica

Embora haja grande controvérsia em relação à dieta e ao desenvolvimento da acne, essa patologia está associada a alguns fatores dietéticos, como o índice glicêmico e a insulina.

Alimentos com alto índice glicêmico aumentam os níveis de insulina no sangue, o que estimula a produção de sebo, levando à acne.

9. Menor consumo de laticínios

O consumo de laticínios está amplamente relacionado ao desenvolvimento da acne. Alimentos lácteos, incluindo o leite, contêm IGF-1, um hormônio capaz de fomentar os surtos.

De acordo com uma revisão sistemática publicada na revista Nutrients, existe uma ligação estreita entre a acne e o consumo de produtos lácteos.

10. Gerenciamento do estresse

Os hormônios liberados no corpo durante períodos de estresse podem aumentar a inflamação e a produção de sebo nas glândulas sebáceas. Até mesmo as bactérias da flora normal também podem ser alteradas.

Portanto, algumas das recomendações incluem dormir mais, praticar atividade física, ioga ou meditação.

Mulheres grávidas praticando ioga como parte de uma boa preparação física para o parto.

Hábitos que ajudam a controlar a acne

Além dos remédios caseiros para tratar a acne durante a gravidez, é essencial implementar hábitos saudáveis para ajudar a controlar o aparecimento dos surtos de acne.

Praticar exercícios, beber bastante água, evitar o uso excessivo de maquiagem e fazer uma rotina diária de cuidados com a pele são orientações importantes a serem seguidas.

Pode interessar a você...
Dicas para tratar a acne na gravidez
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
Dicas para tratar a acne na gravidez

Cuidar da sua pele durante a gravidez é muito importante, mas também é preciso saber algumas dicas para tratar a acne nessa fase, se necessário. Co...



  • Ozuguz P, Dogruk Kacar S, Ekiz O, Takci Z, Balta I, Kalkan G. Evaluation of serum vitamins A and E and zinc levels according to the severity of acne vulgaris. Cutan Ocul Toxicol. 2014 Jun;33(2):99-102. doi: 10.3109/15569527.2013.808656. Epub 2013 Jul 5. PMID: 23826827.
  • Hammer KA. Treatment of acne with tea tree oil (melaleuca) products: a review of efficacy, tolerability and potential modes of action. Int J Antimicrob Agents. 2015 Feb;45(2):106-10. doi: 10.1016/j.ijantimicag.2014.10.011. Epub 2014 Nov 13. PMID: 25465857.
  • Saric, S., Notay, M., & Sivamani, R. K. (2016). Green Tea and Other Tea Polyphenols: Effects on Sebum Production and Acne Vulgaris. Antioxidants (Basel, Switzerland), 6(1), 2. https://doi.org/10.3390/antiox6010002
  • Juhl CR, Bergholdt HKM, Miller IM, Jemec GBE, Kanters JK, Ellervik C. Dairy Intake and Acne Vulgaris: A Systematic Review and Meta-Analysis of 78,529 Children, Adolescents, and Young Adults. Nutrients. 2018 Aug 9;10(8):1049. doi: 10.3390/nu10081049. PMID: 30096883; PMCID: PMC6115795.