Por que existem bebês que nascem com tanto cabelo?

23 de novembro de 2017

Alguns bebês nascem com tanto cabelo que ficamos surpresos, enquanto outros chegam ao mundo com muito pouco… Vejamos porque acontece esse fenômeno.

Um dos mitos mais difundidos sobre a gravidez é a suposta relação entre a queimação no estômago e a quantidade de cabelo que tem o bebê. Não é estranho escutar nossas avós nos dizendo: se você tem muita acidez, com certeza o bebê vai ter muito cabelo. Entretanto, esses dois elementos não tem nada a ver.

Além disso, você não deve se preocupar se seu filho nasceu com pouco cabelo. Quando eles chegam a este mundo, os cabelos são muito finos e com o passar do tempo eles irão caindo pouco a pouco. Portanto, não se deve tirar conclusões precipitadas quanto a este tema, apesar das opiniões das pessoas.

Os especialistas insistem em que a abundância de cabelo depende de fatores genéticos

O cabelo dos recém-nascidos na verdade ainda é um mistério interessante, posto que todas suas características podem mudar. À princípio, pode ser claro ou escuro, porém, talvez tenha um tom totalmente diferente com o passar dos meses; assim mesmo, ainda que seja liso ao nascer, é provável que continue assim ou seja encaracolado.

Com certeza, os fatores genéticos do pai e da mãe virão a influir de forma direta neste tema. Entretanto, passará um bom tempo até que isso se defina com clareza e que você saiba com certeza como será o cabelo de seu filho. Enquanto isso, vejamos porque existem bebês que nascem com tanto cabelo.

Por que bebês nascem com tanto cabelo?

Por que bebês nascem com tanto cabelo

De acordo com a Sociedade Espanhola de Neonatologia, ainda que não foram descobertas as razões que expliquem esse fato. Os especialistas insistem que a genética é a principal responsável dessa característica, tanto na quantidade, como na distribuição e tipo de cabelo.

Os pés menores são os que fazem as maiores marcas em nossos corações.

-Anônimo-

A isso se somam certos elementos geográficos que influenciam consideravelmente. Dessa forma, as pessoas que estão mais perto do Equador possuem uma maior abundância capilar que as nórdicas na hora do nascimento. Assim mesmo, se diferenciam pela textura, a situação corporal e a densidade.

Em linhas gerais, as pessoas que descendem dos índios andinos são as que apresentam maior quantidade de cabelo em todo o corpo, enquanto que as etnias asiáticas e os esquimós (regiões árticas da América do Norte e certas regiões da Sibéria) não contam com tanta pilosidade.

A etnia é um fator influente nas características do cabelo da criança

Mas de que modo esse assunto pode afetar o desenvolvimento do bebê dentro da barriga de mamãe? Os folículos pilosos, encarregados de produzir o cabelo, se desenvolvem a partir do quinto mês da gravidez. Entretanto, todos esses cabelos caem quase de maneira simultânea no oitavo mês, para que cresça outro mais forte e que permanecerá até os seis meses do bebê.

Em alguns casos, as crianças nascem com uma crosta láctea, que provoca uma queda maior do cabelo, mas tende a se recuperar, sempre e quando não se trate de uma doença chamada dermatite seborreica. Nestes casos é fundamental levar o bebê ao dermatologista para que ele avalie e faça um controle.

Como cuidar de bebês que nascem com tanto cabelo?

Por que alguns bebês nascem com tanto cabelo

Nascer com pouco ou muito cabelo é determinado principalmente pelos genes da mãe e do pai. Contudo merece uma atenção especial na hora do banho, utilizar produtos de qualidade e os tratar com muitíssimo carinho.

Em relação ao shampoo que escolheremos para nossos filhinhos, é importante que seja o adequado para sua idade e que, além disso, tenha um pH neutro. Este tipo de produtos são formulados para não danificar seu cabelinho, cuidar do couro cabeludo, não irritar os olhos e são hipoalergênicos.

Por outro lado, devemos procurar que os produtos tenham um perfume suave, porque os odores fortes costumam causar irritações e alergias nas crianças.

O cabelo do bebê merece uma atenção especial com produtos especiais

Depois dos seis meses se o recém-nascido tem cachos, você pode usar um condicionador especial para ajudar que se desenrolem com facilidade, hidratar e proteger. Depois do banho devemos secar muito bem com uma toalha suave, para evitar a micose na delicada pele que recobre a cabeça.

Na hora de pentear devemos optar por escovas com cerdas flexíveis que não machuquem. Ninguém mais deve utilizá-las, para mantê-lo protegido de fungos ou piolhos.

Com pouco cabelo ou com muito os bebês sempre são queridos. Desfrute das mudanças que irão acontecendo e você se surpreenderá com os resultados.