Com que idade as crianças devem começar a tomar banho sozinhas?

26 de outubro de 2019
Com que idade podemos deixar as crianças tomarem banho sozinhas? Quais são as medidas mínimas de segurança que devemos fornecer para que não corram riscos? Responderemos a essas e outras perguntas sobre esse tema.

Com que idade as crianças devem começar a tomar banho sozinhas? Essa ação é muito importante porque começa a marcar a independência de nossos filhos. Entretanto, devemos considerar alguns pontos antes de deixá-los fazer isso por conta própria.

Apesar de notarmos que nossos filhos sentem o impulso de limpar seus corpos sozinhos quando estamos dando banho neles, sabemos que, até que controlem completamente suas funções motoras, podem não se higienizar corretamente ao tomar banho. Inclusive, poderiam correr algum perigo.

Levando tudo isso em consideração, analisaremos a seguir em que idade as crianças devem começar a tomar banho sozinhas. Além disso, vamos detalhar as medidas de segurança que devemos tomar para garantir seu bem-estar.

Com que idade as crianças devem começar a tomar banho sozinhas?

As crianças podem começar a tomar banho sem companhia a partir dos 6 anos, aproximadamente. Essa idade é um dado estimado, sempre considerando a individualidade de cada criança.

Embora a partir dos 4 anos já possamos notar que elas conseguem se despir ou que, mesmo durante o banho, conseguem ensaboar o corpo ou esfregar os cabelos, é a partir de 6 anos que estarão prontas para concluir todas as etapas da higienização.

No entanto, para que essa ação importante, que marca o início da independência, seja bem-sucedida, precisamos ensiná-las passo a passo a tomar banho. Também é necessário lhes explicar sobre as medidas de segurança que devem ser tomadas. Nós mesmos devemos criar as condições necessárias para que tudo se desenvolva normalmente.

O que a criança deve saber para poder tomar banho sozinha

Para que nossos filhos possam tomar banho sozinhos, é importante ensiná-los a fazer isso. Não pule nenhuma das etapas! Embora possa parecer que algumas ações são subentendidas, devemos nos lembrar de que as crianças estão aprendendo tudo sobre o mundo ao seu redor.

Você deve indicar a ação a ser executada passo a passo:

  • Indique todas as áreas importantes a serem lavadas: como pescoço, cotovelos, orelhas, costas, peito, pernas e pés.
  • Explique que existem áreas delicadas do corpo, como os olhos, que não podem entrar em contato com sabão ou xampu. Portanto, ao ensaboar o rosto ou lavar o cabelo, deve ter cuidado para que esses produtos não entrem em seus olhos.
  • Fale sobre os perigos de brincar e correr na hora do banho.
  • Mostre a elas as partes necessárias dos produtos para lavar e enxaguar os cabelos. Fazer as crianças aprenderem sobre a economia doméstica e não desperdiçar também é uma vantagem.

Para que essa ação importante ocorra com sucesso, devemos ensinar passo a passo como tomar banho.

Medidas de segurança essenciais

É essencial que você saiba que, embora a criança vá tomar banho sozinha, devemos sempre manter certas medidas de segurança. As recomendações são as seguintes:

  • Os pais devem regular a temperatura da água com a qual a criança toma banho. Essa ação é muito importante para evitar queimaduras com água quente.
  • Para evitar quedas durante o banho, você pode fornecer ao seu filho chinelos antiderrapantes ou colocar um tapete do mesmo material no chão do chuveiro. Existem também cadeiras de plástico especiais para o banho de crianças, nas quais elas podem se sentar para ensaboar áreas difíceis, como os pés.
  • A criança deve ter à mão os itens para tomar banho: sabão, esponja, xampu e condicionador. Eles devem ser capazes de pegar esses produtos sem muito esforço e sem a necessidade de sair do chuveiro ou fazer movimentos desnecessários.
  • Remova do banheiro e da área do chuveiro todos os itens que considere perigosos, como lâminas de barbear ou esfoliantes de uso exclusivo para adultos.
  • Sempre deixe a porta do banheiro entreaberta e não deixe a criança se trancar.
  • Enquanto ela toma banho, fique perto do banheiro ou, até mesmo, pergunte à criança se tudo está sob controle.
  • Peça que te avise ao terminar o banho para que você possa ajudá-la a sair. Dessa forma, você poderá garantir que não escorregue. Se a infraestrutura do seu banheiro permitir e seu filho puder sair sozinho, não se esqueça de colocar um tapete de toalha para reforçar a segurança.

Como recomendação final, lembre-se de que nossos filhos devem ter seus próprios produtos de limpeza adequados à idade e ao tipo de pele, como xampu e condicionador. Por fim, eles não devem compartilhar sua esponja de banho, porque deve ser algo estritamente de uso pessoal.