Os perigos de ser uma mãe cansada

· 23 de março de 2017

Chega o dia em que finalmente você pode ver o rosto, os olhos e o sorriso do seu filho. Tudo o que você sente é pura felicidade. Mas a vida continua e criar um filho não é uma tarefa fácil. Implica muito desgaste que ao longo do tempo pode lhe transformar em uma mãe cansada.

Uma mãe cansada é um grande perigo. Não é só ruim para o seu filho, mas será especialmente muito ruim para você também. Por isso, é importante conhecer os riscos e aprender a evitá-los. A sua vida e a de seu filho estão em jogo e ambos vão agradecer se desenvolverem em um ambiente positivo e mais enérgico.

Que perigos envolvem ser uma mãe cansada?

Como mencionamos, há uma série de perigos inerentes ao cansaço durante a criação de um filho. Vejamos alguns deles:

  • A prioridade é você mesma. Uma mãe cansada deixa de lado muitas coisas boas da vida. Por causa do seu estado mental e físico você não só perderá a fase de desenvolvimento de seu filho. Você também estará deixando passar todos os tipos de oportunidades, bons tempos e experiências.
  • Seu filho pode desenvolver um certo sentimento de desapego e distanciamento. Ou pior ainda, de culpa. A criança pode pensar que o seu estado de ânimo é por causa dele. Isso vai impedir que ele se desenvolva adequadamente de forma autônoma e com responsabilidade e segurança.
  • O clima em sua casa se tornará irrespirável. De repente, coisas tão importantes como a educação ou o amor passarão para o segundo plano. Nada lhe importará pois a sua mente não estará desperta e o seu corpo mal será capaz de se mover.

  • Por mais óbvias que possam parecer, as soluções para os problemas acabarão parecendo excessivamente complexas. Isso pode provocar o tédio, preguiça ou até mesmo discussões e brigas.
  • A sua vida em casal, o seu mundo familiar e as suas relações sociais pouco a pouco vão se desgastando. Tudo deixará de ter significado e importância. Inclusive, você pode não terá consciência de que seu mundo ao seu redor está caindo aos pedaços.
  • E o que é pior, por causa de seu cansaço físico e mental poderão aparecer muitas doenças. O seu sistema imunológico, também cansado, sentirá a falta de energia. Assim, algumas infecções como a gripe, pneumonia ou resfriados podem tornar-se constante, inclusive poderiam até resultar na temida depressão.

Como deixar de ser uma mãe cansada

Criar uma criança, não importa o quão gratificante seja, será sempre cansativo. No entanto, não devemos permitir que o cansaço estrague as nossas próprias vidas. Assim, podemos experimentar diferentes opções para recuperar as energias:

  • Diante do cansaço, a melhor solução é descansar. Pode parecer óbvio, mas não é para todas as mães. Algumas mães tendem a carregar todas as responsabilidades exonerando-as de outros membros da família. Não faça isso. Se faltar energia, recupere. Peça ajuda ao seu parceiro, pais ou amigos e faça uma pausa. Seu filho e sua própria mente vão lhe agradecer.
  • Organize os seus sentimentos e emoções. Às vezes somos transbordadas por remorso, culpa e pensamentos negativos. É importante sermos muito fortes mentalmente para conseguir superar todos os tipos de obstáculos. A nossa estabilidade pessoal e emocional também será responsável pela criação adequada dos nossos filhos.
  • Lembre-se sempre que você é a primeira. Se as suas prioridades não estão claras, não pode oferecer aos outros o que estiver sentindo. Como você pode amar alguém se antes não amar a si mesma?
  • Pense antes de agir. Uma mãe cansada por vezes parece se mover por inércia. Os costumes a colocam em modo automático. Isso pode desencadear discussões desnecessárias, repetições dos mesmos erros, etc… É melhor pensar antes de fazer qualquer coisa. Encontrar a solução mais positiva para todos é uma excelente opção.
  • Seja empática. Antes de dizer ou fazer alguma coisa imagine como você se sentiria em relação ao que você vai dizer ou fazer. Não se esqueça que seus filhos têm os seus genes e a sua educação. Eles são mais parecidos com você do que pode imaginar, por isso não será tão difícil ter empatia por eles.

E agora, dê o seu melhor e se jogue na criação dos seus pequenos se esquecendo do cansaço. Seja energética, forte, positiva e alegre. Desta forma, o seu lar vai ser mais harmonioso e todos serão beneficiados. Torne-se o verdadeiro motor da sua casa e aproveite ao máximo cada momento com a sua família.