Os riscos da gravidez múltipla

18 de abril de 2017

Conheça e aprenda sobre os riscos dos bebês oriundos de gravidez múltipla. É o seu caso? Se for, você vai gostar desse artigo que lhe ajudará a conhecer quais os detalhes aos quais você deve prestar atenção.

Já somos mães, passamos por uma primeira ou segunda gravidez, e nunca deixamos de sentir medo porque queremos que nossos filhos sejam saudáveis e fortes, mas toda gravidez tem o seus riscos.

Existe uma grande diferença em relação aos riscos de estar grávida de apenas um bebê ou de vários.

Segundo a ciência, a gravidez múltipla é considerada a mais arriscada, porque pode gerar danos para a saúde da mãe e do bebê, ainda que seja importante que você saiba que nem todas tem que ser assim.

Quem sabe conhecemos muitas mães que conseguiram ficar grávidas de gêmeos, trigêmeos, quadrigêmeos e suas crianças são super saudáveis; outras sofreram algumas das consequências da gravidez múltipla, e isso faz com que tenhamos medo de que algo assim também possa acontecer conosco.

Você está grávida de múltiplos?

Você está grávida de múltiplos?

Com certeza você ficará preocupada ao receber a notícia, já que os riscos dos bebês oriundos de uma gravidez múltipla não são desconhecidos, visto que ouvimos falar deles diariamente pela experiência de outras mulheres. Inclusive na internet encontramos informação que normalmente nos transmite tranquilidade, uma tranquilidade que será necessária durante toda a gestação.

“Sabe de uma coisa? Primeiro tenha em mente a importância de ter no seu ventre dois, três, ou quatro bebês, aprenda sobre os riscos e use-os como motivação para você se cuidar e protegê-los melhor, impedindo que o medo lhe paralise.”

Agora que você sabe um pouco sobre os riscos que existem. Seu caso com certeza é diferente. A seguir falaremos dos riscos que você e os seus bebês podem sofrer.

Riscos da gravidez múltipla para a mãe

Riscos da gravidez múltipla para a mãe

. Hipertensão arterial. Isso acontece por conta do esforço realizado pelo nosso organismo para dar vida aos embriões, gerando um aumento da pressão sanguínea nas artérias.

. Anemia moderada em alguns casos pode ser severa. Isso acontece porque todos os nossos glóbulos vermelhos vão desaparecendo já que os bebês absorvem o ferro do nosso corpo.

. Diabetes gestacional. O desenvolvimento dos bebês em nosso corpo demanda mais energia, portanto nosso médico deve cuidar rigorosamente da quantidade de glicose no sangue, e mais ainda quando começa o terceiro mês de gravidez.

. Parto prematuro. É quase certo que você terá um parto prematuro que poderá ser dentro das 37 semanas.

. Hemorragia pós-parto. Nesse caso o nosso útero e nossa placenta têm um crescimento maior do que o normal, é por isso que pode ocorrer um sangramento depois do parto.

. Cesárea. Quando abordamos a gravidez de bebês múltiplos, temos que esquecer o parto normal, visto que normalmente os bebês não estão numa boa posição. Isso acontece porque o espaço para os fetos é pequeno.

. Aborto espontâneo. É evidente o risco de perder espontaneamente algum dos bebês.

Os riscos da gravidez múltipla para os bebês

. Nascem prematuros. Isso se deve ao fato de que em um determinado momento nosso útero já não é capaz de sustentar dois ou mais bebês.

.Atraso no crescimento. É muito comum que algum dos bebês tenha dificuldade para crescer; normalmente apenas um dos bebês consegue crescer bem, para os outros é mais difícil.

.Os defeitos congênitos. São frequentes na gravidez múltipla os riscos de anormalidades.

. Peso baixo. Ao nascer, os bebês pesam muito pouco e tendem a serem menores do que o normal. Nesse ponto são mais vulneráveis a sofrer de deficiências que podem ser permanentes como perda da visão, audição, paralisia cerebral, e retraso mental.

Tendo em mente cada um dos riscos tanto para você como para os seus bebês, aproveite os conhecimentos adquiridos para ter maiores e melhores cuidados. Você sabe que o seu corpo apenas está preparado para ter filhos de um em um, e por essa razão você deve aumentar os cuidados na gravidez de múltiplos.

Apegue-se às vantagens oferecidas pela ciência contemporânea, pois hoje em dia cada risco pode ser atendido rápida e satisfatoriamente. Ou seja, se em algum momento da gravidez acontece algo inesperado, seu médico terá a solução.”É uma questão apenas de programar visitas com maior periodicidade”.

Comece preparando o seu corpo desde já, alimente-se bem, siga ao pé da letra cada recomendação do seu especialista. Seu corpo precisará de muitos complementos vitamínicos e ferro. Evite os riscos!