Sinais que podem indicar uma gravidez

26 de novembro de 2016

Para a maioria das mulheres é um motivo de felicidade pensar que estão próximas de gerar uma nova vida. Antes de fazer um teste de gravidez seu corpo experimentará certas mudanças que começam a ser evidentes aos poucos.

Se você ainda não procurou um médico para certificar-se que começou o período de gestação, preste atenção aos sinais físicos e psicológicos que o seu organismo envia e comece a tirar suas próprias conclusões, no entanto, a única forma 100% segura de confirmar uma gravidez é o exame médico que indica o tempo e o estado.

Como o seu corpo pode indicar que você está grávida?

Quando a gestação começa todo o nosso corpo se acomoda para alojar a nova vida no ventre. Quando você está gravida seu organismo se altera por dentro e por fora, e apesar de nem sempre as mudanças físicas externas serem evidentes as mudanças internas podem ser perceptíveis.

Essas mudanças internas são o que o seu organismo enfrenta diretamente, e são distinguíveis, porque geralmente são pouco comuns,;se você é uma mulher com a saúde estável com certeza isso mudará quando atravessar a etapa da gravidez.

Alterações mais comuns na saúde durante a gravidez

. O cansaço físico existe porque o seu esforço corporal e mental agora valem por dois. Por isso o seu sono é facilmente alterado e os padrões de descanso que você achava normais e regulares, se alteram.

. As mudanças no seu sistema gastrointestinal e hormonal, as náuseas e por fim o vômito, tendem a se converter nos sintomas mais comuns da gravidez. Se você suspeita estar grávida, não comeu nada que lhe fez mal e apresenta esses sinais, muito provavelmente será mamãe em breve.

. Talvez a mudança mais notória na maioria das mães gestantes é o aumento de peso. Esse aumento é bastante comum tanto pelo peso do novo ser que você leva dentro de si, mas também pela necessidade que sente de ingerir uma maior quantidade de alimentos.

. As dores de cabeça que não eram frequentes, são sintomas da gravidez principalmente durante as primeiras semanas. Se você não sofre de enxaquecas, elas podem ser outro sinal.

. Naturalmente, a ausência da menstruação é o sinal mais evidente de uma gravidez, no entanto, não é definitivo nas mulheres que sempre tiveram ciclos menstruais irregulares ou que usam métodos de anticontracepção como pílulas ou implantes.

Alterações que você não verá, mais irá sentir se estiver grávida

Sinais que podem indicar uma gravidez

Assim como você descobriu algumas mudanças físicas que as mulheres apresentam de forma recorrente durante a gravidez, agora conhecerá algumas alterações que se não são perceptíveis aos olhos, são no interior.

. A mudança no comportamento e a diminuição da tolerância são duas das principais mudanças a nível comportamental pelos quais você atravessa quando está grávida. E isso se deve também em parte às alterações dos hormônios que o seu corpo sofre; nessa etapa algumas mulheres experimentam sentimentos contraditórios ao amor.

. Sonhos recorrentes com o seu bebê. O subconsciente poderá em algumas ocasiões mostrar o verdadeiro amor que você sente nesse processo, aumentando as expectativas e a felicidade que antes não estavam presentes. Agora começa a se notar muitas dúvidas em relação ao futuro a curto e a longo prazo.

. Devido ao seu aumento de peso, uma mudança corporal mencionada anteriormente, você de forma quase involuntária irá presenciar uma diminuição na sua autoestima devido a sua aparência, independente se já passou por contextos similares na vida, mas não se preocupe, não será permanente.

. Nos últimos meses de gravidez sua personalidade ficará mais sensível e perceptível do que de costume. Você poderá ter crises de choro sem razões aparentes, ficar de mau humor de um momento para outro ou simplesmente ficar feliz e logo voltar a ficar de mau humor. Todas as mudanças são normais por conta dos processos que experimenta interna e externamente.

Se você quer dissipar todas as suas dúvidas e ter certeza se está grávida, o melhor é realizar um exame o quanto antes para manter o controle da sua gestação e do desenvolvimento do seu bebê.