O que você não quer ouvir quando está grávida

· 15 de fevereiro de 2017

Uma mulher grávida muitas vezes torna-se o centro de atenção em qualquer lugar e é o tema de muitos comentários que nem sempre são agradáveis ou que simplesmente não gostaria de ouvir enquanto está esperando um bebê.

Se você estiver em período de gestação muito provavelmente escutará essas coisas, e se você teve um bebê certamente já as escutou quando sua gravidez estava em andamento. Você se identifica com alguma destas frases?

Frases que não devem ser ditas a uma mulher grávida

“Dói demais”

Todas as mulheres que passaram por uma gravidez escutaram histórias incríveis e muito dolorosas sobre o nascimento de bebês. Se você conhece outra mulher que está esperando evite contar-lhe o quanto foi terrível a dor no parto.

Você sabe que não será fácil, mas é importante que mantenha uma atitude positiva para evitar que o estresse afete você ou seu bebê de qualquer maneira possível. Lembre-se que todas as mulheres têm experiências diferentes e para muitas o processo não é traumático.

“Você é muito pequena ou está muito magra”

Com essas observações, ela pode  interpretar mal as palavras e se preocupar com a saúde e o tamanho do bebê. Se você é de constituição física pequena, é normal que o crescimento não seja muito significativo; se você fizer os exames de rotina, pode ficar tranquila.

“Você é muito grande ou está muito gorda”

A autoestima das mulheres na gestação é especialmente frágil por causa das mudanças externas e internas que experimenta, por isso este tipo de feedback pode gerar uma crise de autoimagem na mulher. O mais comum durante a gravidez é que você ganhe mais peso. Basta se alimentar de maneira saudável e tudo ficará bem.

8751435936_1a427782b8_n-e1449087020191
Mulher grávida

“Foi planejada?”

Tenha sido planejada ou não, a decisão de continuar com a gravidez faz com que a situação esteja sob controle. Ninguém se importa se você planejou ou se veio de forma inesperada, o que importa é que em alguns meses você terá um lindo bebê em seus braços.

“Posso tocar a sua barriga?”

Muitas mulheres não têm problema com que outros se aproximem para tocar suas barrigas, mas outras se sentem desconfortáveis, por isso devemos ter prudência, é melhor não fazer isso a menos que seja uma pessoa que tenha muita intimidade.

“Quando eu estava grávida …”

É normal que as mães que já têm vários filhos saibam muitas coisas que talvez você não saiba, mesmo assim não tem a verdade absoluta sobre o assunto. Todos os processos de gestação são diferentes e se você precisar de um guia pode procurar aconselhamento de um familiar ou de um médico. Não acredite em todas as histórias terríveis que algumas pessoas contam.

“Você não deveria comer ou beber isso”

A menos que haja algo prejudicial para seu bebê você não gostará de escutar o que pode e o que não pode comer. Se tiver dúvidas sobre questões de alimentação tente outras opções de menu para grávidas ou consulte um nutricionista; podem lhe dizer mil coisas sem qualquer fundamento.

“Tem certeza de que não são gêmeos? “

Com esta frase todas as mulheres grávidas sentem que subiram muito de peso. O crescimento abdominal varia de acordo com as características corporais da mulher, do bebê e da alimentação, sendo assim não há uma medida padrão à qual você deva estar restringida. Mais uma vez, o importante é que você pratique  os exames de rotina e está tudo bem, não há razão para se preocupar.

3226825773_175d91aa14_n

 

“Você vai deixar o seu trabalho quando o bebê nascer?”

É realmente uma questão muito pessoal que só deve ser discutida com a família. Pode ser tomado como uma intromissão e não é um assunto para discutir com qualquer pessoa. A decisão de seguir ou não trabalhando é apenas da mãe e do casal.

“Durma bem agora, você não o fará isso por um bom tempo”

Quaisquer comentários que possam ter uma intenção prejudicial ou preocupante são desnecessários ao conversar com uma mulher grávida. A maternidade é uma experiência maravilhosa, que, como tudo na vida envolve alguns sacrifícios, você não deve ver isso como uma tragédia, apenas curta as mudanças.

“Você é muito jovem para ter filhos”

Sim, existem certos parâmetros estabelecidos socialmente para a maternidade, mas se você não se ajustar a eles não será o fim do mundo. Mesmo que não se encaixe nos padrões, o importante é tornar sua maternidade uma fase maravilhosa e curti-la plenamente, independentemente dos números no seu documento de identidade.