Embriaguez do sono em crianças

A "embriaguez do sono" em crianças é um distúrbio que faz com que elas acordem desorientadas e até mesmo com as suas capacidades mentais diminuídas.
Embriaguez do sono em crianças

Última atualização: 13 Dezembro, 2020

Alguns pais têm dificuldade para fazer os filhos irem para a cama à noite. Há crianças que ficam nervosas e têm dificuldade para adormecer e para acordar de manhã. Inclusive, alguns pequenos acordam até mesmo desorientados. Isso pode acontecer por causa do distúrbio conhecido como “embriaguez do sono”, sobre o qual vamos falar a seguir.

Quando uma criança acorda como se ainda estivesse dormindo, talvez ela possa sofrer desse distúrbio. De acordo com o Instituto do sono da Universidade de Granada-Grupo Lo Mónaco, cerca de 17% das crianças sofrem desse problema de forma frequente ou ocasional.

Embriaguez do sono em crianças

O que é a embriaguez do sono e em que idades ela aparece?

A embriaguez do sono é um distúrbio também conhecido como despertar confusional. É assim designado porque os sintomas são semelhantes aos que ocorrem em pessoas embriagadas. Aparece quando a pessoa acorda e fica muito desorientada durante alguns minutos, sendo incapaz de responder a estímulos externos e com algumas de suas faculdades mentais diminuídas.

Pode aparecer em qualquer idade, até mesmo na idade adulta, mas é mais comum entre os 3 e os 13 anos. As últimas pesquisas da Universidade de Granada, conforme dissemos, estimam que cerca de 17% das crianças sofram com esse problema.

Quais são os sintomas da embriaguez do sono?

Esses episódios de desorientação aparecem com mais frequência quando as crianças são acordadas mais cedo do que de costume. Alguns sintomas característicos são:

  • Confusão mental.
  • Desorientação espacial e temporal.
  • Falhas de memória.
  • Em alguns casos, momentos de amnésia (total ou parcial).
  • Comportamentos anormais, tais como gritar, chorar ou até mesmo tentar bater.

Esses sintomas costumam aparecer principalmente quando a criança acorda no meio de uma fase de sono profundo ou quando acorda após ter dormido a noite toda.

O que podemos fazer se notarmos os sintomas nos nossos filhos?

Um dos principais fatores para o surgimento da embriaguez do sono em crianças e adolescentes é o atraso nos horários de sono. De manhã, quando acordam para ir para a aula, elas ainda estão na fase de sono profundo e, portanto, seu cérebro ainda está dormindo e demora um tempo para se ativar.

Acordar as crianças gradativamente, expondo-as à luz natural e evitando que usem aparelhos eletrônicos durante a noite são três medidas que podem ser eficazes para o tratamento desse transtorno. Se o problema persistir e não melhorar, o melhor a fazer é consultar o médico.

A embriaguez do sono tem consequências para o desenvolvimento das crianças?

Esse distúrbio geralmente não tem consequências negativas. É considerado uma alteração com pouca gravidade e que normalmente desaparece com a idade. Visto que aparece ocasionalmente, não prejudica o desenvolvimento da criança, embora nos casos em que aparece com frequência o médico deverá determinar a que se deve.

Qual é o tratamento?

Seguindo algumas regras de higiene do sono adequadas e uma série de recomendações, o distúrbio pode desaparecer. É durante a fase REM que os pequenos costumam acordar espontaneamente e quando aparecem os sonhos mais intensos.

Se a criança costuma ir tarde para a cama e tem falta de sono durante a semana toda, quando a obrigarmos a acordar pela manhã, ela pode estar na fase de sono profundo e é aí que pode aparecer a embriaguez do sono.

Embriaguez do sono em crianças

Recomendações para pais de crianças com embriaguez do sono

Se esse distúrbio aparecer com frequência na criança, é necessário consultar o médico para determinar a causa do seu aparecimento. Esse distúrbio está intimamente relacionado ao estresse e à ansiedade na hora de dormir, por isso pode ser aconselhável seguir algumas regras de higiene do sono, tais como as seguintes:

  1. Praticar esportes todos os dias: a atividade física nunca deve ser feita 3 horas antes de ir para a cama, pois, caso contrário, o esporte deixaria de ser um recurso benéfico e passaria a dificultar o adormecimento por causa da liberação de endorfinas durante o exercício.
  2. Evitar jantares fartos e tardios: as crianças devem jantar cedo e de forma leve para que a digestão não se torne uma dificuldade na hora de dormir.
  3. Expor-se à luz do dia ao acordar: isso ajuda a sincronizar o sono com o ciclo dia-noite.
  4. Não usar dispositivos eletrônicos nem assistir séries e filmes estimulantes antes de dormir. Não podemos nos esquecer de que não deve haver nenhum celular ligado no quarto da criança ou do adolescente, pois a vibração ou o som podem provocar fragmentações do sono, impedindo que seja restaurador.

Em resumo, a embriaguez do sono é um distúrbio benigno em crianças que costuma desaparecer com a idade. É importante lembrar que, se aparecer com frequência, o médico deve ser consultado para que seja determinada a causa dessa alteração.

Agora você já sabe um pouco mais sobre essa alteração e quais são as recomendações que você pode seguir para que essa situação melhore. Basta colocá-las em prática para que o seu filho tenha um sono reparador.

Pode interessar a você...
Curiosidades sobre o sono infantil
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
Curiosidades sobre o sono infantil

O sono infantil é muito importante para um bom desenvolvimento, tanto físico quanto mental da criança. Confira algumas curiosidades sobre esse tema...