6 remédios caseiros contra azia em crianças

Vamos apresentar uma série de remédios naturais para reduzir a azia em crianças. Assim, você poderá contribuir para o seu bem-estar e melhorar o descanso noturno.
6 remédios caseiros contra azia em crianças

Última atualização: 26 janeiro, 2022

As crianças também podem sofrer de azia e, às vezes, isso é uma consequência do refluxo gastroesofágico. Essa patologia aparece quando o esfíncter do esôfago não é completamente competente e os alimentos ou líquidos contidos no estômago voltam para ele. Dessa forma, é gerada uma sensação de desconforto, queimação e desconforto.

Embora a azia seja um sintoma típico da idade adulta, as crianças também a desenvolvem em certas circunstâncias. Por exemplo, quando contraem a bactéria Helicobacter pylori.

A primeira coisa a esclarecer é que é aconselhável ir ao pediatra diante dos primeiros sinais de azia, pois as possíveis causas são várias e é necessário identificá-las para oferecer o atendimento adequado. Reverter essa situação o mais rápido possível é essencial para evitar alterações irreversíveis no epitélio do esôfago.

O que fazer para melhorar a sensação de azia em crianças?

Menino com cólica abdominal.

Para tentar aliviar o desconforto da azia nas crianças, é obrigatório fazer algumas mudanças na alimentação e em alguns hábitos da vida diária. Confira a seguir algumas delas.

1. Evitar alimentos irritantes

De acordo com um estudo publicado na revista Current Opinion in Gastroenterology, é essencial evitar alimentos apimentados e gordurosos, bem como bebidas carbonatadas e cafeinadas. Deve-se observar que o chocolate também pode causar alguma irritação gástrica e piorar o desconforto, por isso é aconselhável restringir sua ingestão.

2. Ter tempo suficiente para comer

Comer com pressa estimula a ingestão de mais comida e ar. Isso resulta em porções maiores e uma sensação de peso pós-prandial.

Portanto, é conveniente reservar um tempo para se sentar à mesa, introduzir pequenas garfadas na boca e de forma pausada. Dessa maneira, os alimentos são mastigados de forma adequada e a digestão subsequente é facilitada.

3. Não se deitar logo após o jantar

É importante não se deitar imediatamente após a ingestão para permitir que o estômago esvazie completamente dentro de algumas horas. Principalmente após uma ingestão abundante, pois sua digestão tende a ser ainda mais lenta.

4. Dormir com a cabeça elevada

Da mesma forma, é uma boa alternativa deitar-se com o torso ligeiramente elevado. Desse modo, a subida dos alimentos é dificultada por uma simples questão de gravidade, que alivia muito os sintomas. Além disso, se o pequeno repousar sobre o lado esquerdo, o descanso será ainda melhor.

5. Manter a casa livre de fumaça

Por outro lado, é necessário evitar fumar dentro da casa ou perto da criança, uma vez que foi comprovado que a fumaça do cigarro pode aumentar a incidência do problema. Em geral, os efeitos nocivos desse veneno afetam a saúde do fumante e de quem está ao seu redor.

6. Usar roupas largas

Também é aconselhável evitar roupas justas, pois a pressão exercida no abdômen estimula a subida dos alimentos pelo esôfago. Isso ocorre principalmente quando o esfíncter não é muito competente.

Excesso de peso, fator predisponente para refluxo em crianças

Menina com sobrepeso ou obesa.

Além das estratégias discutidas, é importante incluir a atividade física como parte da estratégia para adoção de hábitos saudáveis.

Por outro lado, o sobrepeso e a obesidade são fatores que agravam a azia, pois o excesso de gordura abdominal pressiona o estômago e favorece o refluxo. Por outro lado, o sedentarismo está associado a certas alterações do metabolismo e da dieta, as quais estão diretamente relacionadas a esses desconfortos gástricos.

Quando ir ao médico?

Pode ser normal que a criança sofra ocasionalmente de azia após uma refeição pesada e apimentada. No entanto, esse sintoma não deve se repetir regularmente, pois poderia indicar a presença de alguma alteração na função digestiva.

Em todo caso, quando os sintomas não melhorarem com essas medidas, será necessário consultar um médico. O especialista poderá recomendar o tratamento farmacológico adequado para combater o problema de base e melhorar a qualidade de vida da criança. No entanto, sempre que possível, os remédios naturais devem ser priorizados em relação aos medicamentos.

A azia em crianças é um problema que deve ser tratado

Como você viu, as crianças também podem sofrer de azia e essa condição geralmente tem solução. É melhor atacar a causa do problema para evitar que ele reapareça após algum tempo. Nesse sentido, é importante promover o controle de peso, otimizar a alimentação e adotar hábitos de vida mais saudáveis.

Por outro lado, é imprescindível evitar a presença de tóxicos em casa, principalmente quando há crianças. Respirar a fumaça do cigarro é muito prejudicial, não apenas para o estômago, mas também para os pulmões e todo o sistema.

This might interest you...
Alimentos para aliviar a dor de estômago nas crianças
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
Alimentos para aliviar a dor de estômago nas crianças

A dor de estômago nas crianças é muito mais frequente do que se imagina. As crianças costumam sentir esse tipo de incômodo.



  • Sethi, S., & Richter, J. E. (2017). Diet and gastroesophageal reflux disease: role in pathogenesis and management. Current opinion in gastroenterology33(2), 107–111. Disponible en: https://doi.org/10.1097/MOG.0000000000000337
  • Ness-Jensen, E., & Lagergren, J. (2017). Tobacco smoking, alcohol consumption and gastro-oesophageal reflux disease. Best practice & research. Clinical gastroenterology31(5), 501–508. Disponible en: https://doi.org/10.1016/j.bpg.2017.09.004